quinta-feira, 25 de julho de 2024

faça parte da Comunidade RT1

SUSTENTABILIDADE

FesPIM 2023: evento levará indústria do AM a Brasília

O evento, custeado pelo setor empresarial, enfatiza a importância econômica e ambiental da região.
COMPARTILHE
FesPIM
Evento acontece em Brasília nos 7,8 e 9 de Novembro. (Foto/ Divulgação)

A Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) e o Instituto de Inteligência Socioambiental Estratégica da Amazônia (Piatam) promovem a segunda edição da Feira de Sustentabilidade do Polo Industrial de Manaus (FesPIM).

O evento está marcado para ocorrer nos dias 7, 8 e 9 de novembro, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília.

A FesPIM é uma plataforma que visa mostrar ao Brasil e ao mundo a importância do Polo Industrial de Manaus (PIM) não apenas para a região amazônica, mas também para o planeta.

Além disso, busca ressaltar o compromisso das empresas instaladas no complexo em manter a floresta em pé.

A primeira edição da feira aconteceu em 2019, mas devido à pandemia, as edições seguintes foram suspensas.

Receba notícias do RT1 em primeira mão
quero receber no Whataspp
Quero receber no Facebook
Quero receber no Instagram

Agora, em 2023, a FesPIM retorna com um novo enfoque, concentrando-se na valorização das conquistas obtidas ao longo dos 56 anos de existência da Zona Franca de Manaus (ZFM).

Movimentação

Nos primeiros cinco meses de 2023, o Polo Industrial de Manaus registrou um faturamento superior a R$ 72 bilhões, gerando cerca de 108 mil empregos.

A diretriz principal é produzir renda para a população local e minimizar os impactos ambientais, assegurando a preservação da floresta amazônica.

“Nós apresentaremos para o Brasil as boas e reais notícias do modelo ZFM e da importância da Suframa para o Norte do Brasil: AM, RO, RR, AC e AP” disse Bosco Saraiva, superintendente da autarquia.

Ele salientou que, em 2024, a feira será estendida para outros estados brasileiros a fim de reforçar para os brasileiros os ganhos advindos do PIM.

“Antes, no Congresso Nacional, só ventilavam notícias ruins da nossa região. Todo mundo quer respirar o ar puro da nossa Amazônia, mas precisam entender o compromisso das empresas com a sustentabilidade, com a geração de emprego e renda para o homem e para a mulher da Amazônia. Depois de Brasília, a feira tem de acontecer no Rio de Janeiro, em São Paulo e outras partes do País e na área de livre comércio na fronteira”, defendeu o deputado estadual Sinésio Campos.

Sem Ônus e Custo Reduzido

Considerado um dos eventos mais relevantes da agenda econômica do PIM, a FesPIM será realizada com recursos eminentemente oriundos do setor empresarial.

A ideia é promover um evento sem gerar ônus para o Poder Público, mediante a organização da iniciativa privada, gerando visibilidade ao modelo ZFM.

A participação do Instituto Piatam será realizada por meio de cooperação técnica, que não envolve repasse de recursos federais.

A feira vai contar com exposições e venda de produtos isentos do pagamento do ICMS.

Nas palestras, os visitantes conhecerão os processos produtivos que permitem às empresas do PIM produzirem em larga escala, atendendo aos exigentes mercados nacional e internacional, adotando em paralelo, medidas de preservação ambiental.

“Hoje, nós geramos quase 2 mil empregos. Nós queremos mostrar ao povo brasileiro que somos produtivos. Queremos o reconhecimento e o direito de continuar produzindo”, salientou o empresário e ex-vice-governador do Amazonas, Francisco Garcia, que representa um condomínio de empresas que terá exposição na FesPIM 2023.

Leia Mais:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

COMPARTILHE