terça-feira, 16 de julho de 2024

faça parte da Comunidade RT1

EUA tem o maior colégio eleitoral para voto de brasileiros no exterior

São quase 183 mil eleitores brasileiros nos Estados Unidos, que poderão votar nas eleições. Para quem mora no exterior, a escolha é a apenas para presidente.
COMPARTILHE
O registro dos eleitores no exterior cresceu 39,21% desde as eleições de 2018 (Foto: Divulgação/TSE)
O registro dos eleitores no exterior cresceu 39,21% desde as eleições de 2018 (Foto: Divulgação/TSE)

Os maiores colégios eleitorais de brasileiras e brasileiros fora do Brasil estão nos Estados Unidos, com quase 183 mil, Portugal, com 80.896, e Japão, com 76.570 eleitoras e eleitores.

Foram preparadas e enviadas ao exterior 989 urnas eletrônicas.

A cidade estrangeira que receberá a maior quantidade de urnas será Lisboa, em Portugal, para onde seguiram 51 equipamentos. Lá estão alistados 45.273 eleitores.

As representações diplomáticas do Brasil pelo mundo todo esperam receber em 181 localidades no exterior, nos dias 2 e 30 de outubro, 697.078 eleitores residentes fora do País que desejam votar para presidente da República.

O registro de eleitores brasileiros no exterior cresceu 39,21% segundo o Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE-DF).

Receba notícias do RT1 em primeira mão
quero receber no Whataspp
Quero receber no Facebook
Quero receber no Instagram

Além disso, outras 29 urnas de lona para votação em cédula serão remetidas para localidades em que há dificuldades alfandegárias para a entrada do equipamento eletrônico, problemas de instabilidade de energia, conflito político ou baixo contingente de eleitores.

O primeiro e o segundo turno de votação no exterior ocorrem nas mesmas datas da eleição no Brasil, das 8h às 17h, no horário local.

Com informações da Assessoria

Leia Mais:

COMPARTILHE