quarta-feira, 17 de julho de 2024

faça parte da Comunidade RT1

'Espirrou, toma (cloroquina)!', diz médica da Prevent em mensagem revelada na CPI

Série de mensagens apresentadas na CPI mostram que a Agência Nacional de Saúde Suplementar não investigou a fundo denúncia apresentada contra a Prevent Senior em julho.
COMPARTILHE
prevent

O vice-presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19, senador Randolfe Rodrigues (Rede/AP), apresentou, nesta quarta-feira (6), mensagens trocadas entre médicos tutores e plantonistas em hospitais da Prevent Senior em julho do ano passado. Os conteúdos mostram que era política da operadora de saúde obrigar os médicos a prescreverem os medicamentos sem eficácia contra a doença, como hidroxicloroquina, ivermectina e, até, a ozonioterapia via retal.

“A diretora, doutora Paola, manda dar cloroquina, fala ‘bora prescrever, até para quem espirra'”, espantou-se o senador, que inquiria o presidente da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), Paulo Roberto Rebello Filho.

Todas as mensagens apresentadas por Randolfe Rodrigues constam de uma denúncia apresentada à ANS por uma profissional de saúde que trabalhou na Prevent Senior e fez um dossiê para comprovar os comportamentos irregulares que deveriam ser alvo da agência.

Sobre tal denúncia, Paulo Roberto disse que a desconhecia e solicitou que Randolfe lhe passasse todo o material para integrar a investigação aberta contra a Prevent.

Receba notícias do RT1 em primeira mão
quero receber no Whataspp
Quero receber no Facebook
Quero receber no Instagram

Texto: Gerson Severo Dantas

Leia Mais:

COMPARTILHE