fbpx

sexta, 26 de fevereiro de 2021

Preço do óleo de soja puxa alta da cesta básica de Manaus em janeiro

De acordo com pesquisa da Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Estado, item registrou alta de 12,86% em janeiro. Cesta básica ficou 0,80% mais cara.

1 de fevereiro de 2021

Compartilhe

Em Manaus, preço da cesta básica chegou a R$ 250 em janeiro (Foto: Reprodução)

Com um aumento de 12,86%, o óleo de soja foi o grande vilão da cesta básica de Manaus no mês de janeiro, conforme pesquisa da Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (CDC/Aleam).

Divulgado nesta segunda-feira (1º), o levantamento foi realizado entre os dias 25 e 27 de janeiro em dez supermercados das zonas Centro-Sul, Norte e Leste da capital amazonense.

Ainda de acordo com a pesquisa da CDC/Aleam, o preço do óleo de soja e de mais mais seis itens essenciais contribuiu para que a cesta básica de janeiro (R$ 250) ficasse 0,80% mais cara que a de dezembro (R$ 248).

Os produtos que mais contribuíram para o aumento da cesta básica em janeiro, em comparação com dezembro, foram óleo de soja (+12,86%), extrato de tomate (+10,39%), achocolatado (+10,03%), arroz (+9,40%), leite em pó integral (+5,33%), café (+5,32%) e o sabão em barra (+4,40%).

Tiveram queda

Por outro lado, também foi possível observar que alguns produtos ficaram mais baratos, entre eles, a linguiça calabresa (-11,21%), farinha de mandioca (-8,15%), sabão em pó (-7,94%), desifetante (-3,79%) e o creme dental (-3,23%).

Na avaliação do presidente da CDC/Aleam, deputado estadual João Luiz (Republicanos), as pesquisas mensais de preço da cesta básica servem de parâmetro para inibir a prática abusiva de valores de produtos essenciais.

“Além de orientar o consumidor, a pesquisa pode indicar se os estabelecimentos estão cumprindo a lei estadual que proíbe a majoração de preços de itens essenciais no período de pandemia. E nossas equipes da CDC/Aleam estão nas ruas acompanhando e fiscalizando para que os direitos dos consumidores amazonenses sejam respeitados”, completou João Luiz.

Variação de preço de até 237,80%

Outro dado importante da pesquisa da CDC/Aleam é a variação de preço entre produtos similares encontrados nos diversos estabelecimentos pesquisados.

Neste caso, foram registradas diferenças de até 237,80%, como é o caso da linguiça calabresa, sendo R$ 7,99 o menor valor e R$ 53,98 o maior. Outros produtos também apresentou uma variação de destaque como o sal (202,53%), o sabão em pó (193,80%), o vinagre (151,90%), sabão em barra (104,87%) e o achocolatado (96,81%). Já o preço das proteínas, como o frango e o ovo, variam em 17,17% e 39,95%, respectivamente.

Leia mais:

Leia mais sobre Economia

Cheia dos rios afeta produção agrícola nas calhas do Purus e Juruá

Em 13 municípios, manejos que ocorrem em áreas de várzea, como o cultivo de frutas e hortaliças, e a pecuária, foram interrompidos pela elevação do nível das águas.

26 de fevereiro de 2021

IR: acaba hoje prazo para empresas entregarem informes de rendimento

Segundo a Receita, o empregador que deixar de fornecer o comprovante dentro do prazo ou fornecer com inexatidão, ficará sujeito ao pagamento de multa de R$ 41,43.

26 de fevereiro de 2021

Grileiros vendem terras públicas no Sul do Amazonas até pelo Facebook

Decisão da Justiça Federal mostra que pecuaristas estão comprando terras públicas ou de áreas de conservação ambiental a espera da MP da Grilagem

26 de fevereiro de 2021

Caminhoneiros: MEI pode desburocratizar e baratear frete

Como MEI, trabalhadores autônomos poderão ter redução de 30% no pagamento de tributos e acesso à liberação de cargas por meio eletrônico.

26 de fevereiro de 2021

Índices de confiança da indústria e dos serviços caem em fevereiro

Índice de Confiança da Indústria recuou 3,4 pontos, na segunda queda consecutiva, e chegou a 107,9 pontos em uma escala de zero a 200 pontos, o menor patamar desde setembro.

26 de fevereiro de 2021

13,4 milhões sem trabalho: Brasil bate recorde de desemprego em 2020

Com taxa média de desemprego de 13,5%, 2020 registrou o pior resultado desde o início da série histórica, em 2012, segundo números da Pnad Contínua, divulgada pelo IBGE.

26 de fevereiro de 2021

Amazonas continua sem resposta com relação ao imposto das bicicletas

Na última terça-feira, o ministro da Economia, Paulo Guedes, pediu um prazo de 24 horas para dar uma resposta a sobre a redução no Imposto de Importação sobre bicicletas.

25 de fevereiro de 2021

Pandemia reduziu em quase 70% o número de voos para Manaus

Manaus teve queda de 69% no receptivo em janeiro de 2021, em relação a janeiro de 2020. Para Abear, menor fluxo de passageiros no aeroporto é reflexo da pandemia da Covid-19.

25 de fevereiro de 2021