fbpx

quinta, 26 de maio de 2022

Zona Franca de Manaus terá fábrica de motos elétricas da Horwin

Marca investirá R$ 100 milhões na unidade, e quer vender 100 mil unidades no Brasil já em 2024. Empresa pretende usar baterias de íon de lítio com nióbio em sua composição.

10 de abril de 2022

Compartilhe

A Horwin é uma marca chinesa que vende motos elétricas apenas para outros países (Foto: Divulgação)

Depois da Voltz Motors, que acabou de inaugurar uma linha de montagem em Manaus (AM) para fazer suas motos elétricas, outra marca vai se instalar por lá para atacar esse segmento: a Horwin. 

Desde o ano passado, a empresa já importava modelos elétricos da China e agora também terá uma fábrica para chamar de sua.

A expectativa da empresa – extremamente otimista – é emplacar mais de 100.000 motos elétricas no país já em 2024. A unidade da Horwin vai custar cerca de R$ 100 milhões e montará as motos em esquema CKD – ou seja, virão completamente desmontadas da China, em kits, e serão montadas aqui.

Mais importante ainda é que a marca pretende usar baterias de íon de lítio com nióbio em sua composição. Essa tecnologia é desenvolvida em parceria com a Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração CBMM e a Toshiba, e o uso desse tipo de bateria permite recargas mais rápidas – em cerca de 10 minutos com um carregador compatível e sem degradação do acumulador de carga. Como todos sabemos, o demorado tempo de recarga ainda é um dos incômodos nos veículos elétricos.

Segundo a Horwin, o protótipo da bateria deverá estar pronto ainda no primeiro semestre deste ano, e será testado em um modelo da Horwin que tem motor de 6.200 Watts e até 150 quilômetros de autonomia. A empresa diz que o custo da moto não será alterado com a aplicação da nova bateria.

A Horwin é uma marca chinesa que vende motos elétricas apenas para outros países, e já exportou mais de 800 mil unidades. Curiosamente seu centro de pesquisa e desenvolvimento fica na Áustria.

Da Redação, com informações da Webmotors

Leia mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

Para economistas, ICMS em 17% terá pouco impacto na redução de preços

Economistas acreditam que projeto que estipula teto de 17% na cobrança de ICMS não resultará em redução expressiva no preço do combustível, com queda de até 5% nos preços.

26 de maio de 2022

Novamed anuncia expansão no PIM com investimento de R$ 50 milhões

Empresa pretende aumentar a produção de 1 bilhão e 100 milhões de comprimidos/mês para 1 bilhão e 400 milhões/mês, além da garantia de cerca de 900 postos de trabalho.

26 de maio de 2022

Indígenas Tikuna participam de oficina de artesanato em Benjamin Constant

O Workshop, promovido em parceria com o Sebrae Amazonas, contou com a presença de consultores de artesanato do Ceará, do Espírito Santo, Colômbia e Brasília.

26 de maio de 2022

Caixa amplia em até 21,4% subsídio do programa Casa Verde Amarela

Percentuais vão variar de 12,5% a 21,4%. De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Regional, acréscimo varia conforme região, renda familiar e população do município.

26 de maio de 2022

Câmara aprova limite da alíquota de ICMS sobre combustíveis

Lei classifica os setores de combustíveis, gás natural, energia elétrica, comunicação e transportes como essenciais e indispensáveis, limitando a alíquota ao máximo de 17%.

26 de maio de 2022

Amazonas precisa qualificar 114 mil trabalhadores da indústria até 2025

A Fieam levantou a demanda de profissionais da indústria a serem qualificados até 2025 no Amazonas para atender às novas demandas do setor na Zona Franca de Manaus.

26 de maio de 2022

‘Nosso Centro’ quer expandir empreendimentos na região central de Manaus

Programa da Prefeitura prevê a revitalização do centro histórico com a implantação dos projetos 'Mais Negócios', 'Mais Vida' e 'Mais História', ao longo dos próximos 3 anos.

25 de maio de 2022

Em apoio a petroleiros, parlamentares questionam venda da Reman no TCU

Deputado Zé Ricardo e o senador Jean Paul (PT/RN) acionaram o Tribunal de Contas da União solicitando medida cautelar para suspender o processo de privatização da refinaria.

25 de maio de 2022