fbpx

domingo, 24 de outubro de 2021

Profissionais estimam crescimento na área da beleza no 2º semestre no AM

Avanço da vacinação representa esperança para os profissionais desse segmento. Senac AM se prepara para realizar a última turma do ano do curso de cabeleireiro.

11 de agosto de 2021

Compartilhe

Avanço da vacinação representa esperança para os profissionais (Foto: Reprodução)

O segundo semestre do ano é reconhecido como o melhor período para o comércio, e a tendência deve continuar. Para além das prateleiras, o setor da beleza também estima crescimento para os próximos meses, afinal, o avanço da vacinação representa esperança para os profissionais desse egmento. O Senac AM se prepara para realizar a última turma do ano do curso de cabeleireiro na unidade do Centro.

A pandemia da Covid-19 impossibilitou muitos trabalhadores de exercerem suas atividades, foi o caso da cabeleireira Ana Sales, que empreendeu e montou o “Espaço Elas”, em 2019. Ela, que é egressa do Senac e atua há 3 anos no segmento da beleza, conta como foi trabalharno período pandêmico.

“O início da pandemia foi um pouco difícil. Eu engravidei e gestante é um público de risco, só que também não podia parar de atender porque as clientes me procuravam.. Na pandemia também fiquei em casa sem atender uns dois meses. Depois comecei a atender a domicílio, com todo cuidado e seguindo os protocolos de saúde. No meu ponto, só atendia uma cliente por vez, com porta fechada, não podia acompanhante, a não ser idosa”, relembra.

A profissional aproveitou o período para aprimorar os serviços, afinal, a diferença está na entrega do produto, como ela reforça.

“Tem muita concorrência e cada vez você tem que tá fazendo reciclagem, fazendo curso, se qualificando. Hoje em dia as técnicas são melhores, os conhecimentos são mais profundos, o estudo é mais rigoroso. Se a profissional não procurar melhorar, não vai ter uma clientela boa, um resultado bom e qualidade no seu trabalho, que é o que buscamos dar para o cliente”, destaca.

De acordo com a professora do Senac, Andrea Ferreira, esse é o pensamento estimulado nas salas de aula do curso de cabeleireiro, que vão além das habilidades relacionadas a hidratação e reconstrução capilar ou saúde dos cabelos, e, até mesmo, manipulação de produtos químicos.

“Os alunos procuram se destacar na área, inovar, desenvolver as habilidades como atendimento, conhecer o mercado da beleza, criar sua independência financeira. Os alunos têm essa expectativa. O curso de cabeleireiro prepara o profissional para as oportunidades de trabalho e para o empreendedorismo”, reforça a docente.

Crescimento

Dona do ‘Espaço Elas’, a empresária e cabeleireira Ana Sales acredita que o cenário para o segundo semestre será de resultados positivos.

“As minhas expectativas são as melhores, creio que esse ano vai ser melhor que o ano de 2020, que o crescimento de clientes vai ser muito bom e estamos trabalhando e se qualificando para isso. Para ofertar o melhor atendimento, o melhor serviço. Esse mês vou viajar pra fazer um curso de formação técnica em São Paulo”, complementa.

A supervisora técnica do Senac AM, Daniele Lima, reforça a projeção com dados da pesquisa de mercado da Euromonitor International, que aponta o Brasil como quarto maior mercado de beleza e cuidados pessoais do mundo.

“Com base nesse estudo, mesmo em um período de incertezas, como a pandemia em 2020, o setor continuou próspero. O ano de 2020 foi um ano desafiador, mas percebeu-se que a combinação certa de serviços de beleza foi e é a chave para o processo de recuperação ou novos investimentos em 2021. Com a pandemia, os hábitos de beleza foram modificados e seguem crescendo bastante. Com isso, o mercado será uma ótima oportunidade para investir”, finaliza a técnica.

Curso e aula experimental

As inscrições para o curso de cabeleireiro podem ser feitas diretamente na unidade, na Rua Saldanha Marinho, 410, Centro. Com carga horária de 400 horas, a formação profissional será ministrada no turno da tarde. O investimento é de 10x de R$ 198,50. Os interessados em participar de uma aula experimental, antes de efetivar a matrícula, podem agendar o serviço pelo telefone (92) 99111-4918. (aula experimental aos sábados).

Fonte: Senac AM

Leia mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

Suframa prevê investimentos de R$ 7,9 bilhões e 1,4 mil novos empregos

A diversificação da produção de motocicletas elétricas, que deve gerar 218 novos postos de trabalho e investimentos de R$ 54 milhões, foi apresentada na reunião.

24 de outubro de 2021

Selos Brasileiros são criados para identidade única das Indicações Geográficas

Criação dos Selos é uma iniciativa liderada pelo Ministério da Economia/INPI, em parceria com o Sebrae e o Ministério da Agricultura, que irá agregar valor aos produtos.

23 de outubro de 2021

AM é líder em investimento em recursos humanos altamente qualificados

Com recursos de mais R$ 100 milhões, Programa de Apoio à Pós-Graduação Stricto Sensu, da Fapeam, investe na formação de recursos humanos altamente qualificados no estado.

23 de outubro de 2021

Amazonas teve a pior taxa de sobrevivência de empresas do país em 2019

Em 2019, só 16,3% das unidades locais de empresas do Amazonas seguiam ativas após dez anos de existência. Na Região Norte, a taxa de sobrevivência das unidades era de 19,0%.

23 de outubro de 2021

Supermercados cresceram 25% com retomada de projetos em 2021

Levantamento da Geofusion aponta para uma possível recuperação no ritmo de expansão dos supermercados. Projetos interrompidos por conta da pandemia foram retomados.

23 de outubro de 2021

Guedes minimiza exoneração de secretários e diz que saída é ‘natural’

Saída de quatro secretários da pasta aconteceu após manobra do governo federal para furar o teto de gastos e garantir o benefício de R$ 400 para o Auxílio Brasil.

22 de outubro de 2021

Contas externas têm déficit de US$ 1,7 bilhão em setembro, diz Banco Central

Em 12 meses, o déficit em transações correntes é de US$ 20,702 bilhões, 1,3% do Produto Interno Bruto, ante o saldo negativo de US$ 19,349 bilhões em setembro de 2021.

22 de outubro de 2021

Voltz Motors iniciará operações no PIM em dezembro

Fabricante de motos elétricas pretende reduzir o volume de importação a partir do adensamento da cadeia produtiva local. A expansão conta com investimentos de R$54 milhões.

22 de outubro de 2021