fbpx

quinta, 23 de setembro de 2021

Produção de motos no PIM tem o melhor resultado para o semestre desde 2015

De janeiro a junho, foram produzidas 568.863 unidades, volume 45% superior às 392.217 motocicletas produzidas no mesmo período de 2020 e o melhor resultado em seis anos.

8 de julho de 2021

Compartilhe

Em junho, 105.450 motocicletas saíram das linhas instaladas no Polo de Manaus (Foto: Reprodução)

No primeiro semestre de 2021, as fabricantes de motocicletas instaladas no Polo Industrial de Manaus (PIM) produziram 568.863 unidades. Segundo dados da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo), o volume é 45% superior às 392.217 motocicletas produzidas no mesmo período do ano passado.

Ainda de acordo com levantamento da Abraciclo, este é o melhor resultado para o semestre, desde 2015 que fechou com 697.540 motocicletas fabricadas.

“O setor mantém ritmo de recuperação de forma consistente. Todas as unidades fabris trabalham para recuperar parte do atraso registrado no primeiro bimestre devido à crise sanitária enfrentada pela cidade de Manaus. Com isso, aos poucos, estamos atendendo a demanda reprimida por motocicletas”, explicou o presidente da Abraciclo, Marcos Fermanian.

Em junho, 105.450 motocicletas saíram das linhas instaladas no Polo de Manaus, o que representa alta de 1,6% na comparação com maio (103.792 unidades) e de 35% em relação ao mesmo mês de 2020 (78.130 unidades).

Ao analisar o cenário atual, o presidente da Abraciclo afirma que o volume produtivo segue o ritmo esperado pela Associação, mas não descarta a possibilidade revisar para cima a projeção anual nos próximos meses. A perspectiva atual da Abraciclo é de fabricar 1,06 milhão motocicletas neste ano.

“Se necessário, isso será feito no segundo semestre. Existem condições favoráveis, mas também uma série de fatores, como o aumento dos juros, do índice de desemprego e da diminuição da renda dos brasileiros, que ainda pode impactar o mercado”, explica Marcos Fermanian.

“Além disso, precisamos avaliar se o que temos hoje é uma demanda cíclica, em função da redução da produção, ou se é algo sustentável”, conclui. 

Vendas no varejo também têm alta

No primeiro semestre, os licenciamentos somaram 517.154 unidades, aumento de 47,7% em relação ao mesmo período de 2020 (350.141). As categorias mais emplacadas foram Street (250.131 unidades e 48,4% do mercado), Trail (109.401 unidades e 21,2%) e Motoneta (70.503 unidades e 13,6%).

Em junho, foram emplacadas 106.680 motocicletas, retração de 3,3% na comparação com maio (110.376 unidades). No entanto, esse foi o melhor resultado para o mês desde 2013, que teve 125.046 licenciadas. Na comparação com o junho do ano passado, que teve 45.855 unidades licenciadas, houve aumento de 132,6%.

“A entrega de modelos de média e alta cilindrada já está regularizada. Já as motocicletas de baixa cilindrada e scooters ainda têm fila de espera e os consumidores precisam esperar um pouco mais”, diz Fermanian. 

Com 48.580 unidades emplacadas e 45,5% de participação no mercado, a Street liderou o ranking das categorias mais vendidas. A vice-liderança ficou com a Trail (24.748 unidades e 23,2% do mercado), seguida pela Motoneta (15.962 unidades e 15%).

Exportações

No primeiro semestre, foram exportadas 26.260 motocicletas, volume 148,7% superior ao registrado no mesmo período do ano passado (10.558 unidades). De acordo com dados do portal de estatísticas de comércio exterior Comex Stat, que registra os embarques totais de cada mês, analisados pela Abraciclo, a Argentina foi o país que mais recebeu motocicletas produzidas no Brasil, com 8.345 unidades e 30,8% do total exportado.

Os Estados Unidos ficaram em segundo lugar (5.838 unidades e 21,6% das exportações), seguido pela Colômbia (5.457 unidades e 20,1%).

“Os Estados Unidos se tornaram um mercado cativo, graças aos investimentos das fabricantes nacionais para aperfeiçoar cada vez mais seus processos produtivos e, com isso, elevar os níveis de qualidade e segurança das motocicletas”, afirma o presidente da Abraciclo, Marcos Fermanian. 

As exportações em junho somaram 4.409 motocicletas – praticamente o mesmo volume registrado no mês anterior, que foi de 4.410 unidades. Na comparação com o mesmo mês de 2020 (3.071 unidades), a alta foi de 43,6%.

A Argentina foi o principal parceiro comercial com 1.425 motocicletas embarcadas, o que corresponde a 30,7% do volume total exportado. Na sequência do ranking, vieram Colômbia (1.208 unidades e 26% das exportações) e Austrália (616 unidades e 13,3%).

Leia mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

Reajuste salarial fica abaixo da inflação em agosto, aponta Fipe

Apenas 9,5% das negociações resultaram em ganhos reais, de acordo com o boletim Salariômetro, divulgado nesta quinta-feira pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômica.

23 de setembro de 2021

Serasa: Demanda de crédito recua 7,87% em agosto em relação a julho

Queda no mês de agosto é a menor variação mensal desde o mês de fevereiro de 2019 quando foi indicado recuo da demanda por crédito de 9,58% em relação ao mês anterior.

23 de setembro de 2021

Feirão de imóveis oferece subsídio de até R$ 23 mil e entrada parcelada

Feirão promovido pela construtora MRV, em parceria com a Lopes Consultoria, acontece neste sábado e domingo, das 8h às 18h, na sede da Lopes, na avenida Pedro Teixeira.

23 de setembro de 2021

Arrecadação federal cresce mais de 7% e bate recorde em agosto

Segundo a Receita Federal, o governo arrecadou R$ 146,463 bilhões, com aumento de 7,25% acima da inflação em valores corrigidos pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor.

23 de setembro de 2021

Fórum irá debater desafios e oportunidades do setor de energias renováveis

Evento, sediado em Manaus, vai acontecer entre os dias 29 e 30 de setembro de forma híbrida. O objetivo é debater os desafios e oportunidades do setor para a região norte.

23 de setembro de 2021

Habitação: novas taxas de juros favorecem compra de imóvel popular

O programa atende três faixas de renda mensal: de até R$2 mil, de R$2 mil a R$4 mil e de R$4 mil a R$7 mil. As taxas de juros serão reduzidas em 0,5 ponto percentual.

23 de setembro de 2021

Confira 10 opções para comemorar o Dia do Sorvete sem sair de casa

Em tempos de pandemia, sorveterias de Manaus também aderem ao delivery. No Dia do Sorvete, o RealTime1 lista os principais locais que oferecem serviços de entrega na cidade.

23 de setembro de 2021

Emprego na indústria mantém trajetória de crescimento, aponta CNI

Sondagem Industrial, divulgada pela CNI, mostra que índice de evolução do número de empregados ficou em 52,3 pontos, acima da linha divisória pelo quarto mês consecutivo.

23 de setembro de 2021