fbpx

quinta, 21 de outubro de 2021

Novo presidente do Corecon-AM apresenta prioridades da gestão 2021

Para Martinho Azevedo, planejamento orçamentário, fortalecimento técnico-científico, transparência e valorização profissional serão os principais pontos a serem trabalhados.

13 de janeiro de 2021

Compartilhe

Martinho Azevedo foi eleito presidente do Corecon-AM (Foto: Reprodução)

Planejamento orçamentário, fortalecimento de posicionamento técnico-científico, transparência na gestão e valorização dos profissionais economistas: esses serão os quatro pilares que vão sustentar a nova gestão do Conselho Regional de Economia do Amazonas (Corecon-AM).

O novo presidente da entidade, o economista Martinho Luís Gonçalves Azevedo, acredita que o planejamento orçamentário, que já tinha fundamental importância nos anos anteriores, deve receber atenção especial em 2021, principalmente por conta dos impactos da pandemia na economia.

“Nossas atividades têm que ser planejadas. Temos um orçamento e esse orçamento conta com a precisão de receitas e despesas. Temos que ter muito cuidado no uso desses recursos. Vivemos um momento complicado, o que é mais um motivo para planejarmos bem a gestão”, afirmou.

Posicionamentos técnico-científicos

O segundo pilar será o fortalecimento da representação institucional da entidade, através de posicionamentos técnico-científicos. De acordo com Martinho, todo os posicionamentos adotados pela entidade durante o ano terão embasamentos em estudos e pesquisas.

“Somos veemente contra ‘achismos’, não é a nossa praia. Temos formação acadêmica técnico-científica. Temos colegas dedicados a pesquisas econômicas e sociais e esses conhecimentos poderão ser compartilhados através de nossos posicionamentos. Esse é o nosso propósito diante da comunidade”, explicou.

Transparência

A transparência na gestão também será um dos pontos que devem marcar a gestão a nova diretoria do Corecon-AM.

De acordo com o presidente Martinho, umas das primeiras ações que vão marcar este compromisso é implantação de uma ouvidoria dentro da entidade. A promessa do novo presidente é atender a todas as demandas dos associados.

“O sentido é captar aquilo que nossos associados esperam da nossa gestão para que possamos dar a devida resposta. Todas as demandas terão respostas. Ou sim, ou não. Claro que desejo sempre dar respostas favoráveis, mas é impossível não dizer não. Mas será um não justificado”, justificou.

Valorização da economia

Por fim, o quarto pilar é a valorização da produção científicas relacionadas à economia. Dentro deste pilar, Martinho Azevedo pretende dar visibilidade à produção científica de colegas economistas que se dedicam à publicação de artigos, papers e livros para trazer discussões pertinentes e que envolvam a sociedade.

“Precisamos trazer este conhecimento técnico-científico para o nosso Conselho para que ele sirva como plataforma de discussões que contribuam com a sociedade. A ideia é que a toda a sociedade tenha acesso às informações que possam levá-la a fazer uma melhor avaliação da vida, de negócios, empreendimentos.

Sobre a eleição

Martinho Azevedo foi eleito novo presidente do Corecon-AM, em votação realizada durante a 1ª Sessão Plenária Extraordinária do ano, no último dia 6 de janeiro.

A reunião aconteceu de forma virtual, em cumprimento aos protocolos e recomendações sanitárias previstas no Decreto governamental que proíbe aglomerações.

A mesma votação elegeu a professora Michele Lins Aracaty e Silva como vice-presidente da entidade. A nova diretoria vai cumprir mandato de ano.

Reportagem: Lucas Raposo

Leia mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

Pequenos negócios de confecções têm maior potencial para exportar

Estudo realizado pelo Sebrae, em parceria com a Confederação Nacional da Indústria (CNI), mostra que empresas desse segmento podem ampliar o seu mercado para dez países.

21 de outubro de 2021

CAS aprova pauta com investimentos recorde de R$7,95 bi

Conselho de Administração da Suframa aprovou 31 projetos, 12 são relacionados a implantação e 19 de diversificação, ampliação ou atualização.

21 de outubro de 2021

Fim de ano impulsiona geração de emprego e inaugurações no Vianorte

Entre agosto e setembro, o shopping inaugurou oito quiosques. Com isso, o mall chega a 12 lojas âncoras, duas semi âncoras, três megalojas, 37 lojas satélites e 30 quiosques.

21 de outubro de 2021

Auxílio Brasil: ministro diz que benefício usará R$ 30 bi fora do teto

Guedes confirmou parte do pagamento do benefício fora da regra fiscal e disse que o movimento não seria necessário se o Senado tivesse aprovado a reforma do Imposto de Renda.

21 de outubro de 2021

ZFM recebe menção honrosa de publicação do grupo Financial Times

Na avaliação do corpo de jurados, o destaque se deve “aos avanços realizados nesta área (de logística) ao longo dos últimos anos, dotando a ZFM de maior competitividade”.

21 de outubro de 2021

INPI oferece ajuda para quem vai registrar marca ou patente pela primeira vez

Segundo o INPI, em janeiro de 2020, os pedidos de depósito de patentes alcançaram 2.238; já os pedidos de registro de marcas alcançaram 17.815 em janeiro de 2020.

21 de outubro de 2021

Suframa avalia investimentos de R$ 7,9 bi em reunião em Porto Velho

300ª Reunião Ordinária do CAS avalia, nesta quinta-feira, pauta com 31 projetos industriais e de serviços, que preveem geração de 1.409 novos empregos nos próximos três anos.

21 de outubro de 2021

Comércio online ganhou impulso na pandemia, aponta FGV

Levantamento da FGV afirma que o comércio varejista acelerou o processo de digitalização com maior adesão às vendas online, minimizando os impactos da pandemia.

21 de outubro de 2021