fbpx

sexta, 24 de setembro de 2021

Natura planeja usar drones para entrega de produtos a partir de 2022

Testes piloto deverão ser realizados no primeiro trimestre de 2022, com drones com autonomia de até 200 quilômetros por voo e capacidade de transportar cargas de 10Kg.

18 de agosto de 2021

Compartilhe

Serviço deve acontecer em parceria com a empresa Speedbird Aero (Foto: Guilherme Missumi/Divulgação)

A Natura já se prepara para iniciar os serviços de entrega de cosméticos por meio de drones já a partir de 2022. De acordo com matéria publicada pela Folha de São Paulo, a iniciativa deve acontecer em parceria com a empresa Speedbird Aero.

A publicação informa que as duas empresas já estão realizando testes internos para identificar os melhores veículos para o transporte das cargas por via aérea. Além disso, também estão sendo analisadas as possíveis rotas para solicitação de autorização de voos junto à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Os primeiros testes pilotos deverão ser realizados no primeiro trimestre do ano que vem, com drones com autonomia de até 200 quilômetros por voo e capacidade de transportar cargas de até 10 quilos.

O objetivo, segundo a Folha, é agilizar a entrega de cosméticos e outros produtos Natura para regiões mais distantes dos centros logísticos e de difícil acesso, como forma de incrementar a experiência dos usuários. O diretor de cadeia de suprimentos, inovação e Logística do grupo Natura &Co, Leonardo Romano, acrescenta ainda que a companhia pretende zerar suas emissões líquidas de carbono até 2030.

A empresa não informou, no entanto, quais cidades seriam contempladas com o serviço. Ainda de acordo com a publicação, as entregas não serão realizadas em domicílio, já que a atual legislação exige que os locais de decolagem e pouso dos drones sejam previamente definidos pelas empresas que operam as aeronaves. A ideia é utilazar espaços como shoppings, condomínios e outros centros de distribuição para a realização das entregas.

Leia mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

CNC: comércio terá a melhor contratação de temporários desde 2013

Para 2021, a expectativa é de mais de 94,2 mil vagas para atender o movimento sazonal de fim de ano. Segundo previsão da CNC, as vendas deverão crescer 3,8% no Natal.

24 de setembro de 2021

Índice de Preços ao Consumidor tem variação de 1,14% em setembro

Com isso, o IPCA-15 apresenta a maior variação mensal desde fevereiro de 2016, quando encerrou em 1,42%. Variação mensal deste mês foi a maior para setembro desde 1994.

24 de setembro de 2021

Preços de mercadorias e combustíveis pressionam os pequenos negócios

De acordo com a 12ª edição da Pesquisa de Impacto da Pandemia nos Pequenos Negócios, realizada pelo Sebrae em parceria com a FGV, esses são os principais gastos das empresas.

24 de setembro de 2021

Mentoria ‘Gestão 4.0 Amazônia’ foca em empresários e executivos

Evento, que acontece nos dias 1° e 2 de outubro em Manaus, tem como objetivo elevar a capacidade técnica e as habilidades de empresários e altos executivos da cidade.

24 de setembro de 2021

Indústria e comércio devem puxar contratos temporários no trimestre

Indústria mantém projeção de aumento na oferta de trabalho temporário mesmo em meio à falta de insumos. Comércio também prevê admitir cerca de 3 mil trabalhadores temporários

24 de setembro de 2021

Prazo para prova de vida de servidores aposentados acaba dia 30

Comprovação de vida deve ser feita na agência bancária onde o beneficiário recebe o pagamento. Necessidade dessa comprovação foi suspensa de março de 2020 a junho de 2021.

24 de setembro de 2021

Nilton Lins lança programa de formação superior em Turismo Sustentável

Programa será realizado na modalidade de ensino a distância (EAD) e é voltado para estudantes e profissionais que já atuam na área, principalmente nos municípios do interior.

24 de setembro de 2021

Preço do gás de cozinha pode superar os R$ 100 em novo reajuste

Alta acumulada de 96% nos preços do propano, matéria-prima para o gás de cozinha, no mercado internacional em 2021 já pressiona o preço do combustível aqui no Brasil.

24 de setembro de 2021