fbpx

domingo, 23 de janeiro de 2022

Manaus tem 12 pontos para a vacinação contra a Covid-19 neste sábado

Considerando a faixa etária de 12 anos e mais, o Vacinômetro municipal aponta que até esta sexta-feira, 7, mais de 102 mil pessoas ainda não haviam iniciado o esquema vacinal

8 de janeiro de 2022

Compartilhe

(Foto: Reprodução)

Quem ainda não tomou a primeira dose da vacina contra a Covid-19, quem está no prazo para receber a segunda dose e quem já passou dos intervalos para a conclusão do esquema vacinal pode procurar qualquer um dos 12 pontos que a Prefeitura de Manaus terá para atendimento neste sábado (8).

Também estarão disponíveis a terceira dose, para pessoas a partir de 18 anos, que tenham tomado a segunda há quatro meses ou mais, e para pessoas dos 60 anos em diante, que tenham concluído o esquema de vacinas há três meses ou mais. Além dessas, a quarta dose para pessoas com alto grau de imunossupressão.

Vacinômetro

Considerando a faixa etária de 12 anos e mais, o Vacinômetro municipal aponta que até esta sexta-feira, 7, mais de 102 mil pessoas ainda não haviam iniciado o esquema vacinal e 274 mil estavam com a segunda dose em atraso.

Em três pontos – os dois estratégicos (shopping Phelippe Daou e Centro de Convenções, o “sambódromo”) e a carreta da vacina (que está posicionada no Centro de Convivência da Família Padre Pedro Vignolla), o funcionamento será das 9h às 16h. Os nove pontos restantes, que são unidades de horário ampliado da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), atenderão das 8h às 12h. As informações sobre locais, endereços e vacinas disponíveis podem ser consultadas no link https://bit.ly/localvacinacovid19.

Documentos 

Para receber a primeira dose, os adolescentes de 12 a 17 anos deverão estar acompanhados pelo pai, mãe, ou uma pessoa maior de 18 anos. Também será necessário apresentar um documento de identidade ou certidão de nascimento, CPF ou Cartão Nacional do SUS (CNS). Para as pessoas de 18 anos em diante, basta levar o documento de identidade original, com foto e o CPF.

No caso da segunda dose, é preciso apresentar o documento de identificação, o CPF e a carteira de vacinação com o registro da primeira dose.

Para a dose de reforço, as pessoas de 18 a 59 anos e trabalhadores de saúde devem apresentar identidade, CPF e a carteira de vacinação com o registro das duas doses. No caso das pessoas a partir dos 60 anos, documento de identidade, CPF e o cartão de vacinação com a comprovação da segunda dose há três meses ou mais.

Quarta dose    

Poderão receber a quarta dose pessoas que tenham imunodeficiência primária grave; as que estejam fazendo quimioterapia ou radioterapia para tratamento de câncer; os transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) em uso de drogas imunossupressoras; pessoas vivendo com HIV/Aids; as que fazem uso de corticoides em doses igual ou maior que 20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por 14 dias ou mais; as que façam uso de drogas modificadoras da resposta imune; pacientes em hemodiálise; e pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas (reumatológicas, autoinflamatórias, doenças intestinais inflamatórias).

Para receber a dose adicional, é necessário apresentar um documento de identificação com foto, CPF ou Cartão Nacional do SUS e laudo, exame ou receita – original e cópia, que ficará retida para controle. A relação dos documentos específicos está disponível nas redes sociais da Semsa.

Com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

Covid mata 4x mais crianças de 0 a 4 anos no Brasil que maiores que 5

Oficialmente, o Brasil registrou 1.544 mortes de crianças de 0 a 11 anos. Faixa etária já pode ter atingido 3.249 óbitos e 92.837 internações desde o início da pandemia.

23 de janeiro de 2022

Exame para checar níveis de vitamina D no organismo agora é obrigatório

A medida, sancionada pelo governador Wilson Lima, orienta que médicos da rede pública de Saúde incluam nos exames de rotina checagem das dosagens da vitamina no corpo.

23 de janeiro de 2022

Belém adia volta presencial às aulas na rede pública de ensino

Decisão foi tomada após a identificação de casos de síndromes gripais entre trabalhadores da educação. Aulas serão retomadas na próxima segunda-feira (24) de forma remota.

23 de janeiro de 2022

Fiocruz Amazônia realiza evento pelo mês da Visibilidade Trans

O evento reforça a necessidade de respeito ao movimento trans e a importância da promoção de cidadania entre mulheres e homens travestis e transexuais.

23 de janeiro de 2022

Roteirista da Turma da Mônica, amazonense Romahs lança obra sobre felinos

Livro “Todos os meus gatos de volta” conta uma aventura tendo como personagens as várias representações mitológicas ou religiosas de felinos em culturas de outros povos.

23 de janeiro de 2022

Novo Centro de Testagem realizou exames em mais de 10 mil pessoas

Do dia 19 de janeiro até este sábado (22), o número de exames do tipo antígeno realizados no espaço foi de 10.533, sendo 5.387 com resultados positivos e 5.146 negativos.

23 de janeiro de 2022

ANAC dá primeira autorização para entrega comercial usando drones

Empresa contemplada foi a companhia Speedbird. Poderão ser carregadas cargas de até 2,5 quilos em um raio de até 3 quilômetros. Autorização contempla áreas rurais e urbanas.

23 de janeiro de 2022

Reforço de marca diferente é mais eficaz para vacinados com CoronaVac

Voluntários em São Paulo e Salvador que receberam doses da CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan, em um intervalo de seis meses antes do início do estudo.

23 de janeiro de 2022