fbpx

quarta, 19 de janeiro de 2022

Mais de 7,5 mil pessoas participaram de ações no Casarão Cassina em 2021

Casarão sediou maratonas de hackathon promovidas pela Prefeitura de Manaus, que contribuíram para o fomento de ideias tecnológicas e inovadoras para a cidade.

1 de janeiro de 2022

Compartilhe

(Foto: Marcely Gomes/Arquivo/Semcom)

O Casarão da Inovação Cassina, administrado pela Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi), foi um elemento essencial para as ações de inovação, tecnologia e empreendedorismo da cidade durante o ano de 2021. Mais de 7.500 pessoas passaram pelo local e mais de 700 atendimentos foram realizados.

“O Casarão da Inovação Cassina teve um ano muito importante. Difícil por conta de tudo que passamos em relação à pandemia da Covid-19, mas importante porque conseguimos definir, aprender e entender a melhor forma de funcionamento do casarão. Conforme a orientação do prefeito David Almeida e do nosso secretário da Semtepi, Radyr Júnior, o local é um equipamento público e deve ser utilizado pela sociedade, e acredito que fizemos esse trabalho muito bem em 2021”, destacou o gestor do Cassina, Fábio Araújo.

Foram realizadas 121 ações internas e externas de tecnologia, inovação e empreendedorismo, como o “Casarão Sustentável”, em outubro, em alusão ao mês do empreendedorismo. Destacam-se também as maratonas de hackathon promovidas pela Prefeitura de Manaus, que contribuíram para o fomento de ideias tecnológicas e inovadoras para a cidade.

O Casarão também disponibiliza espaço coworking, sala de reunião e escritório, cuja utilização depende de agendamento, que este ano ultrapassou a marca de 2 mil.  O coworking é um local que reúne a estrutura necessária para que sejam desenvolvidos novos projetos e negócios, para isso oferece uma baia com seis estações de trabalho, dispondo de uma cadeira, um gaveteiro, ponto de lógica (internet) e energia (tomadas), cada.

Como reconhecimento da atuação relevante do Cassina, o espaço ganhou duas importantes premiações este ano. No prêmio internacional Architecture Masterprize, foi vencedor da categoria Patrimônio, e na premiação local “Jaraqui Graúdo 2021” levou o prêmio de Espaço de Inovação. Além disso, também é finalista do Prêmio de Arquitetura Instituto Tomie Ohtake Akzonobel 2021.

Ainda segundo Fábio, o prêmio nada mais é do que um reflexo do trabalho de toda a equipe, desde os responsáveis pela limpeza, vigilantes e agentes de portaria, até a equipe que administra o prédio.

“Nós conseguimos atender a demanda de eventos do ecossistema de inovação e oferecer um espaço onde as pessoas, empresas e empreendedores pudessem desenvolver seus projetos”, completou.

De acordo com o gestor do Cassina, para 2022, a expectativa é de um trabalho mais consistente, alinhado e focado em estabelecer o centro histórico da cidade como o distrito de inovação de Manaus.

Com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

UEA aplica provas de Habilidades dos cursos de Dança, Teatro e Música

Candidatos aos cursos de Dança e Teatro farão prova de forma virtual; para o curso de Música a prova teórica será presencial e a prova prática será virtual.

19 de janeiro de 2022

Carreta Vacina Amazonas atende moradores do Tarumã a partir de hoje

A unidade móvel conta com profissionais de saúde oferecendo atendimento de segunda a sábado, das 9h às 16h, ao público do bairro Tarumã.

19 de janeiro de 2022

Amazonas registra quase 5 mil novos casos de Covid-19 nas últimas horas

O aumento é de 64,03% se comparado os recentes dados com os mesmos dados do dia 18 de janeiro do ano passado, quando o Amazonas registrava apenas 1.790 novos casos de Covid.

18 de janeiro de 2022

Sisu e Prouni abrem inscrições em fevereiro; Fies, em março

Para concorrer aos processos seletivos para programas de acesso ao ensino superior -- Prouni, Sisu e Fies --, estudante precisa ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio.

18 de janeiro de 2022

População de Manaus foi a que mais engordou durante a pandemia

Relatório Doenças Crônicas e Seus Fatores de Risco e Proteção mostra que, em 2020, 24,9% dos manauaras adultos apresentavam obesidade, maior índice entre as capitais.

18 de janeiro de 2022

Em 2021, devastação do bioma Amazônia cresceu 49% só no Amazonas

De acordo com dados do Imazon, em 2021 o Amazonas foi o estado da região que registrou o maior crescimento na devastação do bioma em relação ao ano anterior.

18 de janeiro de 2022

Casos de Covid no Amazonas aumentam e visitas em hospitais são suspensas

Em caso de acompanhantes, têm direito pacientes acima de 60 anos, pessoas com deficiência, menores de 18 anos ou mulheres no pré-parto e pós-parto.

18 de janeiro de 2022

Teatro Amazonas recebe festival de cinema Olhar do Norte

A quarta edição do festival Olhar do Norte foi contemplada pelo Programa Cultura Criativa – 2021/AM, realizado pelo Governo. Ao todo, 17 filmes concorrem em nove categorias.

18 de janeiro de 2022