fbpx

sábado, 28 de maio de 2022

Depois de fechar fevereiro com saldo positivo na geração de empregos, a indústria do Amazonas registrou em março a perda de 229 postos formais de trabalho. De acordo com os números do Cadastro Nacional de Empregados e Desempregados (Novo Caged) do Ministério do Trabalho, divulgados nesta quinta-feira (28), registrados após a publicação do decreto presidencial que reduziu o IPI, a indústria foi o setor que mais fechou postos de trabalho em março no Amazonas – fato que não acontecia desde maio de 2020, período das maiores restrições da pandemia de Covid-19.

Segundo os dados do Ministério, o setor industrial amazonense fechou o mês passado com a admissão formal de 3.049 trabalhadores e 3.278 desligamentos, o que deixa saldo negativo de 229 vagas de empregos fechadas na indústria.

Somado ao resultado negativo de janeiro, quando a indústria local fechou 200 postos de trabalho, o desempenho de março anula os ganhos empregatícios de fevereiro, quando o segmento abriu 427 novas vagas.

Com isso, o saldo de empregos da indústria do primeiro trimestre de 2022 ficou praticamente zerado. Entre janeiro e março deste ano, foram abertos 9.524 novos empregos formais no setor, contra 9.526 demissões – um saldo negativo de dois postos fechados.

Agropecuária também teve queda

Além da indústria, o setor agropecuário do Amazonas também fechou o mês de março com quedas na geração de empregos, tanto no resultado mensal como no acumulado do primeiro trimestre.

Pelos números do Caged, no mês passado ocorreram 102 contratações com carteira assinada e 189 demissões na agropecuária amazonense, desempenho que representa saldo de 87 postos fechados.

Já no acumulado de janeiro a março, o saldo foi de 331 vagas perdidas (324 admissões e 655 demissões)

Serviços abre mais vagas

Por outro lado, o setor de serviços foi o que mais contribuiu com a geração de novos postos de empregos no Amazonas nos dois cenários avaliados.

Levando em consideração apenas o mês de março, o segmento contribuiu com a abertura de 1.447 postos, com 9.072 admissões e 7.625 demissões; enquanto no acumulado do primeiro trimestre foram anotadas 27.651 admissões formais, 22.770 desligamentos e saldo positivo de 4.881 novos empregos.

Construção civil e comércio

A construção civil e o comércio também tiveram ganhos com a abertura de empregos.

No resultado mensal, o setor da construção civil obteve saldo de 115 vagas abertas (1.317 admissões e 1.202 demissões). No acumulado de janeiro a março, o incremento foi de 712 postos (4.630 admissões e 3.918 demissões)

Já o setor varejista contribuiu com a abertura de 409 novas vagas em março (4.509 admissões e 4.100 demissões); enquanto no resultado acumulado foram 167 empregos formais gerados (13.699 admissões e 13.532 demissões).

Resultado geral

No fechamento total do mês de março, o Amazonas apresentou saldo positivo de 1.655 novas vagas formais de trabalho abertas, como resultado dos 18.049 trabalhadores admitidos, contra 16.394 demissões formais.

No resultado acumulado, o Estado aparece com 55.828 admissões em carteira e 50.401 desligamentos, o que deixa um saldo positivo de 5.427 postos criados em três meses.

Texto: Lucas Raposo

Veja mais vídeos

Quanto receberá o campeão da Copa do Mundo?

De acordo com a Fifa, o valor das premiações ultrapassará os R$ 2 bilhões. O valor total gasto será 10% maior em relação à Copa do Mundo da Rússia.

Há 16 minutos 28 de maio de 2022

Novas espécies de peixes da Amazônia já são descritas sob ameaça de extinção

As espécies foram encontradas por uma equipe de cientistas no rio Juma, um afluente do rio Madeira, no Amazonas, entre os municípios de Apuí e Novo Aripuanã

Há 1 hora 28 de maio de 2022

Flutuantes do Tarumã lembram um cenário da Manaus dos anos 20

Construções sobre rios fazem parte da paisagem de Manaus há muito tempo. Uma série de reportagens do Realtime1 mostra que essa tradição está viva no Rio Tarumã.

Há 11 horas 27 de maio de 2022

Quem é o Pedrinho tão cantado nas redes sociais no Brasil?

A ideia da música surgiu como piada interna da banda, ganhou uma base dançante e estourou no Instagram e no TikTok.

Há 16 horas 27 de maio de 2022

Audiovisual contrata 40% a menos com fim de editais e pandemia

Estudo Tela Amazônia identificou que a maioria das produtoras de audiovisual no Amazonas atua há dez anos no mercado e 98,4% estão formalizadas.

Há 17 horas 27 de maio de 2022

‘Marcha para Jesus’ vai alterar trânsito em Manaus neste sábado

Agentes do IMMU estarão posicionados para monitorar o fluxo nos principais cruzamentos das vias incluídas no trajeto.

Há 19 horas 27 de maio de 2022

‘Catastrófico’, cita Sefaz sobre projeto que unifica ICMS em 17%

Secretário da Sefaz afirma que caso projeto de unificação do ICMS em 17% seja sancionado, arrecadação estadual terá perda de R$ 1 bilhão ao ano, afetando serviços à população

Há 20 horas 27 de maio de 2022

Disputa ao Senado: ‘Arthur já passou da fase dele’, avalia Delegado Costa e Silva

Pré-candidato à deputado federal, Delegado Costa e Silva (PL-AM) avalia cenário político e diz se orgulhar de nunca ter estourado escândalo político envolvendo Bolsonaro.

Há 21 horas 27 de maio de 2022

Datafolha: cresce diferença entre Lula e Bolsonaro para o segundo turno

Pesquisa do Datafolha divulgado nesta quinta-feira aponta que Lula tem 58% das intenções de voto no segundo turno, enquanto Bolsonaro chega a 33%

Há 22 horas 27 de maio de 2022

Reserva Adolpho Ducke inaugura Casa de Borboletas no próximo domingo (29)

A inauguração será a partir das 10h da manhã. No local também há um jardim ornamentado com plantas nativas da Reserva Florestal Adolpho Ducke.

Há 23 horas 27 de maio de 2022

Pessoas com deficiência terão acesso gratuito ao Festival de Parintins

Para assistir o Festival é necessário solicitar um credenciamento, as inscrições podem ser feitas até dia 19 de junho, de forma on-line ou presencial.

Há 1 dia 27 de maio de 2022

Mais velho do mundo, venezuelano completa 113 anos hoje

Mora se tornou a pessoa mais velha do mundo depois que Saturnino de la Fuente Garcia, nascido em 11 de fevereiro de 1909 na Espanha, morreu em janeiro com 112 anos.

Há 1 dia 27 de maio de 2022