domingo, 14 de julho de 2024

faça parte da Comunidade RT1

Retorno às aulas gera boa expectativa em professores e alunos

Retorno acontece dia 10 de agosto e, para quem está focado nos sistemas de ingresso ao nível superior, representa um ganho no aprendizado.
COMPARTILHE
aulas presenciais

As atividades escolares da rede pública de ensino retornam dia 10 de agosto, conforme anunciado pelo Governo do Estado. Essa nova fase vai ser acompanhada de várias medidas de prevenção em todos os espaços para garantir a segurança de estudantes e dos profissionais.

Reencontrar os amigos, voltar a vivenciar o cotidiano do ambiente escolar e, principalmente voltar a estudar com mais intensidade para os vestibulares têm gerado boas expectativas em alunos e professores.

De acordo com o aluno, Ícaro Siqueira, que iniciou a sua preparação para o curso de Medicina, o retorno representa um ganho no aprendizado

“Nas aulas a distância eu conseguia acompanhar o conteúdo, porém tinha dúvidas nos exercícios, mas com as aulas presenciais eu vou poder pedir a ajuda do professor e vai ficar muito mais fácil para mim”, afirmou.

Ícaro cursa o 1° ano do Ensino Médio no Colégio da Polícia Militar Prof. Waldocke Fricke de Lyra, no bairro Parque São Pedro, zona norte.

Receba notícias do RT1 em primeira mão
quero receber no Whataspp
Quero receber no Facebook
Quero receber no Instagram

Qualidade no ensino

Segundo o secretário de Educação, Luís Fabian, a retomada das aulas na rede pública do estado garante a redução na desigualdade do ensino.

“O retorno das aulas das escolas particulares e o não retorno das aulas das escolas públicas, contribui para o aumento das desigualdades entre os alunos de uma e outra rede. Nós precisamos ofertar educação de maneira universal, e isso é dever de todos. Só assim podemos apostar em um futuro melhor para o nosso estado e num futuro promissor para essas crianças”, destacou Fabian.

Professores e demais profissionais da educação já estão alinhados para esse retorno gradual.

Retorno gradual

O retorno às aulas presenciais da rede pública de ensino do estado será de maneira gradativa e escalonada.

O retorno alcança 123 escolas da capital, totalizando cerca de 110 mil alunos.

Os primeiros a retornarem, no dia 10 de agosto, são os estudantes do Ensino Médio regular e da modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA). No dia 24 de agosto, retornam os alunos do Ensino Fundamental (anos iniciais e finais).

Ainda não há previsão para retorno das aulas no interior do estado.

COMPARTILHE