fbpx

terça, 09 de agosto de 2022

Sinésio Campos denuncia que Amazonas Energia tentou intimidá-lo

Medidores da residência do deputado Sinésio Campos foram trocadas pela Amazonas Energia sob suspeita de irregularidades, mas o deputado apresentou laudo do Ipem-AM.

16 de fevereiro de 2022

Compartilhe

Deputado Sinésio Campos, presidente da CPI da Amazonas Energia viu tentativa de intimidação por parte da empresa (Foto: Danilo Mello/Aleam)

Na sessão itinerante da CPI da Amazonas Energia, na zona sul de Manaus, nesta terça-feira (15), o presidente da Comissão, deputado Sinésio Campos (PT), denunciou que a Amazonas Energia trocou os medidores de sua casa, alegando que estariam irregulares. O parlamentar viu na medida, uma tentativa de intimidação.

Na presença do presidente do Instituto de Pesos e Medidas do Amazonas (Ipem-AM), Márcio Brito, Sinésio Campos mostrou o laudo confirmando que o medidor da residência onde mora não tem irregularidades.

“Enquanto eu estava fazendo os trabalhos da CPI, eles foram na minha casa trocar o medidor. Isso pra mim é tentativa de intimidação. Por isso pedi a perícia do Ipem”, reforçou Sinésio.

O deputado rebateu a informação da Amazonas Energia de que apenas seis medidores apresentaram irregularidades. Para Sinésio, pelo número de medidores avaliados, cerca de 300, e o total encontrado com irregularidades – 30 – há cerca de 10% dos clientes de Manaus penalizados, percentual “mais que o suficiente” para autuar a empresa.

A concessionária recebeu dois autos de infração nesta terça-feira (15) e tem dez dias para apresentar a defesa, ao fim do processo pode ter que pagar multa de até R$ 5 milhões.

Durante a sessão, na escola Ondina de Paula Melo, outros requerimentos foram aprovados. Um deles requer que seja encaminhada ao Ipem a solicitação do quantitativo de medidores vistoriados e a cópia dos laudos reprovados na perícia metrológica. Posteriormente, que esses laudos sejam enviados à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).  

A próxima sessão itinerante será realizada na sexta-feira (18), às 9h, no município de Barcelos, Escola Estadual São Francisco de Sales, Avenida Mariua, nº 21, Centro.

Texto: Emerson Medina

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Michelle Bolsonaro ataca Lula e associa religiões africanas a ‘trevas’

Em vídeo divulgado por Michelle, Lula se encontra com representantes de religiões de matriz africana. Para ela, o ato corresponde a "principados e potestades das trevas".

9 de agosto de 2022

DC refaz contas para garantir mínimo da cota feminina nas Eleições do AM

Antes, o partido não havia apresentado o mínimo de candidaturas femininas para a disputa na Câmara Federal. Agora, a sigla conta com duas mulheres e quatro homens.

9 de agosto de 2022

Após definir palanque com Braga e Omar, Lula vem ao AM em setembro

Viagem está marcada para o início do mês de setembro, conforme informou ao RealTime1 o presidente estadual do PCdoB, Eron Bezerra.

9 de agosto de 2022

TRE-AM realiza curso para Prestação de Contas das Eleições 2022

O treinamento visa a correta prestação de contas, desde a utilização do sistema da Justiça Eleitoral até o lançamento das receitas e despesas. Inscrições encerram dia 12.

9 de agosto de 2022

Chico diz que tentará Senado de forma avulsa, mas pode ser impugnado

O alerta é do advogado Augusto Sampaio que aponta que Chico Preto não pode ser beneficiado pela decisão do TSE porque o Avante apoia coligação que já tem senador.

9 de agosto de 2022

Silas Câmara declara patrimônio de R$ 3,5 milhões à Justiça Eleitoral

O patrimônio do deputado federal evoluiu de R$ 2,1 milhões para R$ 3,5 milhões. Em 2006, quando ele foi eleito pela 3º vez para Câmara, os bens declarados somavam R$ 574 mil.

9 de agosto de 2022

Patrimônio dos irmãos Pinheiro evolui de R$ 557 mil para R$ 3 milhões

Candidata à reeleição, Mayara Pinheiro declarou possuir o patrimônio de R$ 1,9 milhão. A soma é R$ 864,6 mil a mais que os bens declarados pelo irmão, Adail Filho.

9 de agosto de 2022

O que faz um suplente de senador? O AM já definiu estes nomes; confira

Candidatos a suplentes nas chapas majoritárias são empresários, ex-dirigente de partido, professores e membros da comunidade indígena.

9 de agosto de 2022