fbpx

quinta, 06 de maio de 2021

‘Sem medo dos críticos’: Sassá quer mais fiscalização de aglomerações

Ao pedir apoio aos colegas nas ações de fiscalização às aglomerações, o vereador Sassá da Construção Civil, disse que não tem medo dos críticos "porque não vão votar" nele.

12 de abril de 2021

Compartilhe

Apesar de ser competência estadual, o vereador pediu aos colegas mais fiscalização às aglomerações em Manaus (Foto: divulgação)

O vereador Sassá da Construção Civil (PT) usou a tribuna da Câmara Municipal de Manaus (CMM), nesta segunda-feira (12) para cobrar dos demais parlamentares atitudes em relação à fiscalização de aglomerações, que ganharam destaque nesse fim de semana, após divulgação de imagens de bares lotados no conjunto Eldorado, zona Centro-Sul.

Sassá, generalizou a situação afirmando as pessoas que promovem as aglomerações são as mesmas que protestavam contra as medidas para contingenciamento da Covid-19, e as mesmas que atribuíam a culpa do colapso do sistema de saúde aos políticos.

“Nós todos éramos bandidos naquela época. O governador levou muita “porrada” porque não foi o governador, foram os cientistas da saúde que falaram que o momento não era de abrir. Fizeram protestos [para não fechar] e o que aconteceu? Faltou oxigênio para as pessoas”, indagou o vereador.

Sassá revelou que na sexta-feira foi até o foco de aglomeração no Eldorado e conversou com donos de estabelecimento, sobre a falta de zelo pelas normas segurança sanitária para evitar contaminações com coronavírus, afirmando que não tem medo dos críticos. Ele ainda cobrou aos colegas as mesmas atitudes.

“O papel do parlamentar é cobrar e fiscalizar. As pessoas que me criticam eu não tenho medo não porque não vão votar em mim mesmo.  Eu tenho que defender aquelas pessoas que querem o bem de Manaus. Aquelas pessoas que sabem que a Covid mata”, enfatizou.

“Nada contra as pessoas que trabalham. Se você tem uma estabelecimento, mas lá todo mundo vai e usa máscara com um limite de pessoas, mas não está acontecendo isso e nós vamos ter que denunciar. As pessoas que estão lá fazendo aglomeração são as que falam mal dos políticos e não tem respeito por nós e eu também não tenho respeito por eles”, finalizou o parlamentar.

Texto: Giovanna Marinho

Leia mais:

Leia mais sobre Política

Tribunal de Justiça escolhe dois novos desembargadores na terça-feira

O Pleno do TJAM vai escolher entre 15 juízes. Na pauta, também está prevista a remoção de magistrados entre comarcas do interior do Amazonas.

6 de maio de 2021

TCE suspende contrato de R$ 3 mi para locação de carros de luxo em Coari

O contrato previa pagamento superior a R$ 3 milhões. por ano, à empresa Adminsitradora de Bens Good LTDA, que alugaria carros blindados para serem usados na prefeitura.

6 de maio de 2021

Pazuello recebe Onyx após pedir mudança na data para depor na CPI da Covid

O encontro entre os dois não consta na agenda oficial do ministro da Secretaria-Geral da Presidência que, no horário, indicava outra reunião no Palácio do Planalto.

6 de maio de 2021

Tasso quer ouvir Abin sobre guerra química citada pelo presidente

Senador pelo Ceará solicitou a presença de um representante da Agência Nacional de Inteligência para falar sobre guerra química empreendida pela China, segundo o presidente

6 de maio de 2021

PT não chega a acordo sobre ‘embarque’ no governo Wilson Lima

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

6 de maio de 2021

Estado vai pagar R$ 300 às famílias afetadas pela enchente no AM

Cartão Auxílio Estadual vai garantir benefício provisório no valor de R$ 300, em parcela única, a aproximadamente 100 mil famílias atingidas pela cheia dos rios no Amazonas.

6 de maio de 2021

Corrupção colaborou para o caos no sistema de saúde, diz Queiroga

O ministro, Marcelo Queiroga, disse que o desvio de recursos federais para estados e municípios pode ter colaborado para o colapso, mas MS não tem investigações.

6 de maio de 2021

‘Presidente foi irresponsável ao prescrever cloroquina’, diz senador

O senador Otto Alencar, que também é médico, afirmou que a 'ciência não pode se render aos leigos' e espera que o ministro Marcelo Queiroga tenha autonomia.

6 de maio de 2021