fbpx

quinta, 09 de dezembro de 2021

Reforma do telhado da Câmara custará o equivalente a 27 casas populares

A Câmara Municipal de Manaus dispensou a licitação argumentando que os reparos são de extrema urgência levando em conta o prejuízo ao trabalho dos vereadores.

19 de novembro de 2021

Compartilhe

De acordo com o breve despacho, que apenas se limitou a tornar público o gasto, a obra deve ser concluída dentro 60 dias. (Foto: Divulgação)

A Câmara Municipal de Manaus (CMM) dispensou licitação para contratar a empresa Vale do Rio Verde Construções EIRELI para reformar por R$ 1,6 milhão o telhado danificado após a chuva da última segunda-feira (15). O valor a ser gasto na reforma é suficiente para comprar quase vinte e sete casas populares por um preço de R$ 60,099 mil.

O anuncio da contratação emergencial foi publicada no Diário Oficial da CMM. De acordo com o breve despacho, que apenas se limitou a tornar público o gasto, a obra deve ser concluída dentro 60 dias.

Na terça-feira (16), o presidente da Câmara, vereador David Reis (Avante) determinou a interdição parcial do segundo andar por causa de danos ao telhado depois do temporal que atingiu Manaus durante o feriado da Proclamação da República. A decisão de interditar o espaço foi tomada depois que David se reuniu com técnicos da Defesa Civil e com o setor de engenharia da Câmara.

Ao menos sete departamentos ligados à diretoria geral, finanças, além do setor de controladoria geral e três gabinetes de vereadores localizados no primeiro andar sofreram danos na estrutura do forro, na parte elétrica e ainda tiveram computadores e impressoras danificados.

A previsão é de que, durante as obras, as atividades dos setores prejudicados sejam realocadas para a sala de reuniões das comissões temáticas. O segundo andar ficará interditado até a segunda-feira (22).

Texto: Jefferson Ramos

Leia mais:

Leia mais sobre Política

Congresso promulga PEC dos precatórios e viabiliza Auxílio Brasil de R$ 400

A promulgação da PEC vai abrir um fôlego orçamentário de R$ 106,1 bilhões para o governo Bolsonaro gastar até R$ 50 bilhões com o pagamento de R$ 400.

8 de dezembro de 2021

Alfredo Nascimento diz não ter espaço para esquerdistas no PL

Nascimento, que é vice presidente do PL, contrariou acordo de Waldemar Costa Neto com Marcelo Ramos e disse que o cargo de vice-presidente é do partido e não do parlamentar.

8 de dezembro de 2021

Câmara aprova convite a general Heleno para explicar garimpo na Amazônia

O convite ao general Heleno vem depois que jornal revelou que ele liberou garimpo em terras indígenas ainda intocadas no interior na região de São Gabriel da Cachoeira.

8 de dezembro de 2021

Pesquisa coloca Lula na primeira colocação no primeiro turno

De acordo com a pesquisa da Genial/Quaest, o ex-presidente Lula tem 46% das intenções de votos, bem próximo de ganhar a eleição já no primeiro turno.

8 de dezembro de 2021

MDB lança Simone Tebet para concorrer à Presidência da República

Senadora pelo Mato Grosso, Simone Tebet fez um discurso criticando o governo de Jair Bolsonaro e enfatizando a necessidade de atenção aos mais vulneráveis do País.

8 de dezembro de 2021

Anulação da licença do Linhão Manaus-Boa Vista é pedida à Justiça

Falta de acordo para o pagamento de compensações aos Waimiris-Atroaris é apontado pelo Ministério Público Federal como grave violação das regras ambientais.

8 de dezembro de 2021

Telefonia na região Norte é tema de audiência na Câmara Federal

Autor do pedido de audiência, o deputado Pablo Oliva diz que precariedade do serviço de telefonia na região deixa as populações em situação de vulnerabilidade social.

8 de dezembro de 2021

Bolsonaro edita MP que cria benefício extraordinário para os pobres

Medida Provisória formaliza o pagamento do Auxílio Brasil já neste mês de dezembro e abre a possibilidade de prorrogação do programa até dezembro do próximo ano.

8 de dezembro de 2021