fbpx

terça, 19 de janeiro de 2021

Projeto de Lei da Aleam visa impedir falsas promoções da Black Friday

Tramita na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) o Projeto de Lei (PL) nº 498/2020 que visa estabelecer regras e normas de condutas e boas práticas comerciais.

5 de novembro de 2020

Compartilhe

Em português “Black Friday” quer dizer “sexta-feira negra”. (Foto: Divulgação)

No próximo dia 27, acontecerá mais uma edição da “Black Friday” no Amazonas. A campanha promove um dia inteiro de descontos oferecidos pelo comércio, porém, em alguns anos já foram detectadas a divulgação de descontos que não eram reais.

Tentando proteger o consumidor, tramita na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) o Projeto de Lei (PL) nº 498/2020 que visa estabelecer regras e normas de condutas e boas práticas comerciais durante a temporada de compras.

De autoria da deputada Dra. Mayara Pinheiro (Progressistas), o PL deve cumprir o prazo de três dias em pauta, sendo que nesta quarta-feira (4), foi o primeiro dia na pauta de tramitação da Sessão Plenária.

Se aprovada, explicou a autora, a proposta irá criar um ambiente de legalidade e respeito mútuo entre os estabelecimentos comerciais e consumidores nos momentos de promoções.

Os estabelecimentos deverão fortalecer as informações, com clareza, especialmente em relação ao preço praticado fora da promoção; as ofertas deverão distinguir claramente o produto que tem preço reduzido daquele que não sofreu alteração, sendo vedado o aumento falso dos preços para valorização ilusória do desconto.

“Mesmo com uma boa estratégia definida, é imprescindível que os lojistas levem em conta as condutas adequadas em relação à Black Friday. O objetivo é garantir o respeito aos direitos do consumidor”, declarou a deputada.

A Black Friday

Em português “Black Friday” quer dizer “sexta-feira negra”, e se trata de um dia em que o comércio pratica descontos de até 70% nos valores de produtos selecionados. A campanha surgiu nos Estados Unidos, sempre na última sexta-feira do mês de novembro. No Brasil a campanha chegou apenas no ano de 2010, e desde então vem crescendo com a adesão, a cada ano, de mais lojistas.

Fonte: Assessoria

Leia Mais:

Veja mais notícias

Bolsonaro ignora caos na saúde e não prioriza vacinação em Manaus

Doses recebidas pelo AM devem ser aplicadas prioritariamente e obrigatoriamente nos indígenas aldeados. Apenas 36% dos profissionais de saúde devem ser imunizados em Manaus.

19 de janeiro de 2021

Em efeito dominó falta de oxigênio hospitalar atinge cidade no Pará

A cidade de Faro (PA), que faz fronteira com Nhamundá (AM), anunciou o colapso do sistema de saúde e registrou seis mortes devido a falta do insumo.

19 de janeiro de 2021

Amazonas não tem previsão de quando receberá novo lote de vacina

Instituto Butantã ainda aguarda a chegada do princípio ativo para a fabricação das doses, o chamado Insumo Farmacêutico Ativo, que é importado da China.

19 de janeiro de 2021

Deputados discutem fim do recesso e destinação de verbas ao interior

A discussão do recesso, no entanto, ficou somente em discursos, já que não tinha quórum para iniciar votação. A próxima reunião extraordinária será dia 26 de janeiro.

19 de janeiro de 2021

David nomeia Arone Bentes como coordenador financeiro do Proama

Arone é presidente estadual do PROS e marchou na candidatura de David à prefeitura de Manaus, em 2020. Nomeação foi assinada e publicada no DOM no dia 18,

19 de janeiro de 2021

Doses da vacina terminam em menos de uma semana em Manaus

Com número menor de doses, prefeitura redefine Plano de Vacinação. Vacinas encaminhadas pelo governo federal conseguirão imunizar apenas 34% dos profissionais de saúde. E só!

19 de janeiro de 2021

Fornecedora de oxigênio, White Martins ingressa com ação no STF

A empresa justificou que a “ação está em linha com a decisão do STF que determinou a União como responsável pela coordenação dos assuntos relacionados à crise" em Manaus.

19 de janeiro de 2021

Com apenas 386 índios aldeados, Manaus perde doses da vacina

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

19 de janeiro de 2021