fbpx

quinta, 21 de janeiro de 2021

Interesse em vaga no TCE estaria por trás da eleição na Assembleia

O interesse do deputado estadual Josué Neto (PRTB) em ocupar uma das cadeiras de conselheiro do TCE-AM pode completar o plano dos parlamentares de oposição.

4 de dezembro de 2020

Compartilhe

Josué Neto passou a ser o primeiro vice-presidente da Aleam. (Foto: Divulgação)

A votação relâmpago que elegeu o deputado estadual Roberto Cidade (PV) como novo presidente da Assembleia Legislativa do Estado (Aleam), na quinta-feira (3), teria sido arquiteta pelo deputado estadual Josué Neto (PRTB).

Segundo fontes do RealTime1, ele estaria articulando um novo processo de impeachment do governador Wilson Lima e estaria de olho em uma das cadeiras de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM).

Josué Neto foi eleito vice-presidente na chapa de Roberto Cidade.

A estratégia seria a seguinte: em 2021 se abriria um novo processo de impeachment contra o governador Wilson Lima (PSC) e do vice-governador Carlos Ameida (sem partido).

Roberto Cidade, assumiria o governo do Estado e indicaria Josué Neto como conselheiro do TCE.

De pai para filho

O conselheiro Josué Filho deixa o cargo de forma compulsória, no dia 15 de abril de 2021, dia em que completa 75 anos, data limite para o cumprimento das funções no TCE-AM.

Com a saída de Josué Filho do cargo, a vaga deve ser ocupada por um nome indicado pela Assembleia Legislativa em lista tríplice.

O nome, entretanto, passa pela aprovação do governador.

Nesse cenário, caso os parlamentares de oposição consigam cassar o mandato de Wilson Lima e Carlos Almeida, Roberto Cidade se torna o governador do Estado e, com isso, deve indicar o nome do deputado estadual Josué Neto (PRTB) ao cargo de conselheiro do TCE-AM. 

Na eleição que deu a presidência à Roberto Cidade, Josué Neto passou a ser o primeiro vice-presidente da Aleam.

Conselheiros do Tribunal de Contas do Estado têm remuneração líquida mensal de R$ 25 mil.

Gestão isenta

Após eleito presidente da Aleam para os próximos dois anos, Roberto Cidade disse que não é oposição ao governador e que vai fazer uma gestão isenta na Casa.

Ele recebeu os cumprimentos dos parlamentares de oposição, como Dermilson Chagas e Wilker Barreto, do Podemos.

Em contrapartida, foi chamado de “traidor” e “bandido” pelas deputadas Joana Darc (PL) e Alessandra Campêlo (MDB), que são da base de Wilson Lima, o que pode indicar um afastamento do deputado do Governo do Estado.

Próxima presidente da Aleam

Caso o plano seja consumado, a saída de Josué das atividades parlamentares abre caminho para a deputada Mayara Pinheiro (PP) assumir o comando da Aleam, sendo que foi ela eleita como 2ª vice-presidente do órgão.

Reportagem: Izaías Godinho

Leia Mais:

Veja mais notícias

Covid: 5 mil novos casos em 24 horas, mais um triste recorde no AM

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

21 de janeiro de 2021

Programa Mais Médicos tem mais de 150 inscritos para atuar em Manaus

Programa recebeu 153 inscrições de interessados em atuar no combate à Covid-19 na capital. Com o total de inscritos, todas as 108 vagas disponíveis poderão ser ocupadas.

21 de janeiro de 2021

Vacinação suspensa: campanha vai passar por reformulação em Manaus

Semsa se comprometeu em suspender as vacinas nesta quinta-feira para que seja feita a reprogramação da campanha. Segunda dose para profissionais já vacinados está garantida.

21 de janeiro de 2021

Cientista fala sobre atraso de insumos: ‘incompetência diplomática’

Emocionada ao receber premiação, Margareth Dalcomo fez um desabafo sobre a escassez de vacinas contra a Covid-19 no Brasil. Para ela é "injustificável" não ter imunizantes.

21 de janeiro de 2021

Portugueses vão enviar 50 mil Euros para hospital em Manaus

A ajuda chega num dos momentos mais desafiantes da pandemia de em Manaus, que enfrenta uma devastadora segunda onda de incidências de casos de covid-19.

21 de janeiro de 2021

É golpe: MS alerta sobre falso agendamento de vacinação contra covid-19

De acordo com o Ministério da Saúde, não existe nenhum agendamento, via telefone, do sendo realizado e "jamais pede esse tipo de confirmação de dados".

21 de janeiro de 2021

David quer informações sobre as obras que Arthur deixou inacabadas

O prefeito alega que por toda a capital existem obras a serem terminadas e que geram prejuízo para a população, como por exemplo os terminais de ônibus 4 e 5 e creches.

20 de janeiro de 2021

Covid: oito cidades do Brasil receberam 135 pacientes transferidos do AM

A medida, que conta com o apoio da Força Aérea, foi tomada para desafogar a rede do sistema de saúde público do Estado, que colapsou em meio à falta de oxigênio.

20 de janeiro de 2021