fbpx

sábado, 08 de maio de 2021

De olho na reeleição, Wilson recorre a antigos e experientes articuladores

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

8 de abril de 2021

Compartilhe

Ao que tudo indica, o governador Wilson Lima ainda não descartou totalmente a possibilidade de concorrer à reeleição. Um sinal, além das constantes visitas ao interior do Estado, tem sido reuniões que ele tem feito com articuladores mais antigos e experientes herdados de governos anteriores ao seu, conforme informam fontes do RealTime1. No entanto, a maior dificuldade de Wilson tem sido a ausência de quadros para compor a equipe que coordene essa empreitada, já que não possui tantos quadros com experiência política em seu governo, daí recorrer aos antigos colaboradores, que têm experiência acumulada de várias administrações.

___

NOVELA AMERICANA

A decisão do juiz federal Rafael Paulo Soares Pinto, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, de reconsiderar a suspensão, determinada por ele mesmo em 1º de março, do asfaltamento do lote “Charlie” da BR-319, entre os quilômetros 198 e 250, foi comemorada por vários parlamentares do Amazonas. A vitória representa mais um capítulo da longa novela envolvendo a pavimentação da rodovia. Aliás, se fosse comparada a uma novela, a guerra ambiental acerca da rodovia seria uma novela americana, daquelas que duram mais de 25 anos. As brasileiras não duram mais de um ano.

___

VERDADE RESTABELECIDA

Para o vice-presidente da Câmara dos Deputados, deputado federal Marcelo Ramos (PL), a derrubada do embargo restabelece a verdade sobre a pavimentação da BR-319. “Fica, assim, reparada uma decisão insensível com as necessidades do povo do Amazonas. Afinal, o DNIT, já havia cumprido todas as determinações e os estudos de impacto ambiental nos termos que o MPF havia solicitado”, comemorou o parlamentar, que havia reprovado publicamente a decisão à época.

___

LUCIDEZ E BOM SENSO

O senador Eduardo Braga (MDB) também comemorou a decisão que volta a permitir a pavimentação do trecho “C” da BR-319.  “Enfim, a lucidez e o bom senso prevaleceram. Em breve, homens e máquinas tomarão o lote “Charlie” da BR-319 para a tão esperada pavimentação. Se Deus assim também permitir, o mesmo acontecerá com o “trecho do meio” o mais rápido possível”, escreveu o senador em uma postagem em suas redes sociais.

___

INTEGRAÇÃO NACIONAL

Para o deputado estadual Serafim Corrêa (PSB), a decisão de reconsiderar a suspensão das obras se deu após o magistrado conhecer a realidade da BR-319, que o deputado chama de “estrada da integração nacional”. “Quero cumprimentar a todos por essa decisão, desde o ministro da  Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, ao mais humilde trabalhador do DNIT. Todos são grandes vitoriosos e ficam os votos de que essa estrada possa avançar, porque ela é a estrada da integração nacional, a estrada da vida”, disse o parlamentar na tribuna da Aleam.

___

BALDE DE ÁGUA FRIA

Ao reconsiderar a suspensão do asfaltamento, o juiz federal Rafael Paulo Soares Pinto encerrou um impasse que de mais de 35 dias, iniciado a partir de um despacho do magistrado, que determinou a paralisação das obras na extensão de 52 quilômetros por entender que não havia licenciamento ambiental prévio. À época, a decisão foi um balde de água fria nos entusiastas que haviam adotado o clima de “agora sai” sobre as obras da rodovia.

___

REVISÃO DAS LEIS

Aproveitando a deixa da queda de braço ambiental envolvendo a BR-319, o deputado estadual Tony Medeiros (DEM) defendeu na tribuna da Aleam a necessidade de revisão das leis ambientais que, para ele, acabam travando o desenvolvimento da região. “O Amazonas virou área de compensação ambiental para outros estados. Mas não compensam o caboco, que é o grande guardião da Amazônia. Não quero a destruição da Amazônia, apenas leis mais justas”, defendeu o deputado.

___

SESSÕES MAIS CURTAS

Com pouco mais de uma hora e meia de duração, a sessão desta quinta-feira (8) da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) confirmou uma tendência da gestão de Roberto Cidade (PV) à frente da presidência da Casa. Desde que assumiu, o deputado tem conduzido sessões mais curtas, sem as longas e polêmicas discussões que faziam as sessões abertas pela manhã adentrarem as primeiras horas da tarde. Registre-se que não falta de pautas a analisar: há pelos menos 17 projetos esperando para serem apreciados e votados pelos deputados.

___

PERNADA EVANGÉLICA

Ao assumirem a Frente Parlamentar Evangélica da Câmara Municipal de Manaus, os vereadores João Carlos (Republicanos) e Yomara Lins (PRTB) “passaram a perna” no colega Raiff Matos (DC), que vinha se articulando para assumir a frente. Com 19 vereadores, o grupo pretende mostrar a força evangélica na Casa e já elegeu como tema prioritário a vedação do tema diversidade sexual nas escolas municipais.

___

NA REGULAÇÃO DO GÁS

A troca de comando na Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados e Contratados do Estado do Amazonas (Arsepam) se dá exatamente no momento de implantação e execução da Lei do Gás (Lei n° 5.420), sancionada pelo governador Wilson Lima (PSC) no último dia 17 de março. O novo diretor presidente, João Rufino Júnior, nomeado no último dia 5, já fazia parte do governo como Secretário Executivo de Cidadania da Sejusc. A distribuição do gás natural canalizado é regulada pela agência desde 2010 e com a nova lei, que já prevê a tarifa social a mais de 50 mil famílias, o setor atrairá novos investimentos em um mercado estimado em R$ 4 bilhões.

Leia mais sobre Política

Codajás recebe quase R$ 400 mil em projetos de crédito rural do Governo

Os valores foram destinados para pesca artesanal (R$301.656,85) e agricultura familiar (R$96.288,00), sendo financiados pela Agência de Fomento do Amazonas (Afeam).

7 de maio de 2021

Pacheco escreve a embaixador chinês e fala em ‘relação construtiva’

O presidente do Senado finaliza a carta convidando Yang Wanming para uma visita à Casa Legislativa assim que as condições pandêmicas tornarem o encontro favorável.

7 de maio de 2021

Auxílio Enchente começa a ser pago em Anamã pelo governador Wilson Lima

Operação Enchente leva ajuda humanitária, água potável e ações nas áreas social, de saúde e de fomento aos municípios em Situação de Emergência.

7 de maio de 2021

Gasolina do Cotão dos 24 deputados estaduais enche 300 tanques

No período em que a presença física nas sessões é facultativa, dois dos 24 deputados consumiram gasolina suficiente para ir e voltar sete vezes a Boca do Acre.

7 de maio de 2021

Carlos Almeida não deve ser ouvido pela CPI da Covid no Senado

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

7 de maio de 2021

Vereadores gastam R$ 272 mil com assessoria e divulgação

O vereador campeão nesse gasto foi Ivo Neto (Patriota), que utilizou R$ 19.800 nessas atividades. No entanto, assessoria não evitou que ele apresentasse um projeto repetido.

7 de maio de 2021

Não vai ter ‘pizza’: para 38% dos brasileiros, CPI atingirá objetivos

Segundo levantamento EXAME/IDEIA, 38% acreditam que a CPI vai apontar culpados pelas falhas no combate à pandemia, aumentar o ritmo da vacinação e a elevar valor do auxílio.

7 de maio de 2021

Mourão diz que Pazuello foi ‘risco’ à Saúde e o quer em ‘traje civil’ na CPI

Para o vice-presidente, decisão em colocar o general Pazuello à frente do Ministério foi um risco e que ser general 'da ativa ou reserva' não o impede de ir ao Senado depor.

7 de maio de 2021