fbpx

domingo, 23 de janeiro de 2022

David capta recursos e foca em articulações políticas em Brasília

O prefeito de Manaus, David Almeida, se reúne, na tarde desta segunda-feira, com o presidente Bolsonaro para a captação de mais de R$ 1,1 bilhão em recursos federais.

29 de novembro de 2021

Compartilhe

David Almeida também participará, nesta terça-feira, da filiação de Bolsonaro ao PL, partido de Sabá Reis e de Alfredo Nascimento (Foto: Reprodução)

A reunião do prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), com o presidente Jair Bolsonaro, na tarde desta segunda-feira (29), oficialmente será para celebrar convênios de R$ 1,2 bilhão que serão repassados pela União à prefeitura.

No entanto, a eleição do próximo ano estará como pano de fundo desta viagem devido a participação no evento de novos filiados do PL, partido do secretário Municipal de Limpeza Pública, Sabá Reis (PL).

A presença de Sabá Reis só pode ser entendida pelo lado político, uma vez que os recursos que serão repassados pelo Governo Federal neste ano e ao longo de 2022 serão para investimentos na área de saúde e de infraestrutura, nada relacionado a Semulsp.

Ocorre que Sabá é tido como o nome que o prefeito vai indicar para o posto de vice na chapa do governador Wilson Lima (PSC), dono do palanque que será frequentado por Bolsonaro no Amazonas.

Outra presença que sinaliza o caráter político da celebração de convênios é de Alfredo Menezes (Patriota), que vai se filiar ao PL junto com o presidente nesta terça-feira, às 10h.

Menezes, que é pré-candidato ao Senado, já anunciou nas redes sociais que estará ao lado de David Almeida ajudando a cidade na captação de recursos junto ao Governo Federal.

Toda a comitiva do prefeito, formada por Sabá e ainda pelo chefe da Casa Civil, Tadeu de Souza, e os secretários Municipal de Agricultura, Abastecimento, Centro e Comércio Informal, Renato Júnior, e o de Economia e Finanças, Clécio Freire, participam amanhã da cerimônia de filiação de Bolsonaro ao PL, quando também estará presente o presidente de Honra do partido, o ex-ministro Alfredo Nascimento.

Texto: Gerson Severo Dantas

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Prefeito de Manaus, David Almeida, testa positivo para Covid-19

Esta é a segunda vez que David Almeida (Avante) foi diagnosticado com Covid-19. A primeira foi em setembro de 2020, durante a pré-campanha para prefeito de Manaus.

22 de janeiro de 2022

Governo vai enviar doses pediátricas para estados com baixos estoques

Remessa emergencial de vacinas para crianças será enviada a estados com estoques abaixo das 40 mil doses. Segundo o Ministério da Saúde, doze estados estão nessa situação.

22 de janeiro de 2022

‘De novo’: Bolsonaro minimiza números de mortes de crianças por Covid

Bolsonaro voltou a citar remédios sem eficácia comprovada contra o coronavírus e disse que o número de mortes de crianças pela doença foram insignificantes.

22 de janeiro de 2022

Ministério da Saúde prorroga contrato do Programa Mais Médicos em Manaus

O contrato seria encerrado no final deste mês, mas foi prorrogado a pedido da Prefeitura por conta do aumento dos atendimentos por Covid-19 e outras síndromes respiratórias.

22 de janeiro de 2022

Em Manaus, Queiroga defende vacinação mas critica passaporte vacinal

Marcelo Queiroga pediu esforço dos estados para aumentar os níveis de vacinação, mas criticou a adoção do passaporte vacinal ao dizer que o documento não ampliaria os números

22 de janeiro de 2022

Ciro diz que falhas do PT são responsáveis pela vitória de Bolsonaro

Na sua avaliação, os presidentes do PT não diferem de Bolsonaro em suas agendas econômicas, criticadas por não estabelecer políticas de tributação de grandes fortunas.

22 de janeiro de 2022

Enchente 2022: Governo do Estado institui Grupo de Ações Coordenadas

As 27 instituições integrantes do Grupo de Ações Coordenadas utilizarão seus recursos e infraestrutura já existentes para atuação integrada aos demais membros.

22 de janeiro de 2022

Eduardo Bolsonaro e Mário Frias atacam publicamente os irmãos Weintraub

Eduardo Bolsonaro e Mário Frias trocaram farpas nas redes sociais com os irmãos Weintraub, agora ex-aliados do presidente Jair Bolsonaro e que estão de volta ao País.

22 de janeiro de 2022