fbpx

domingo, 23 de janeiro de 2022

Bancada do Amazonas recebe R$ 346,7 mi em emendas do Governo Federal

Os oitos deputados federais e os três senadores da bancada amazonense podem indicar R$ 16,2 milhões para obras e investimentos. Maior parte dos recursos é para o interior.

1 de janeiro de 2022

Compartilhe

A execução das emendas representam R$ 236,2 milhões e os outros 110,5 milhões em restos a pagar de emendas apresentadas em legislaturas passadas (Foto: Divulgação)

O Governo Federal pagou R$ 346,7 milhões em emendas impositivas da bancada do Amazonas no Congresso Nacional. As 25 emendas foram apresentadas ainda no ano passado, durante a aprovação do orçamento para 2021.

A execução das emendas representam R$ 236,2 milhões e os outros 110,5 milhões em restos a pagar de emendas apresentadas em legislaturas passadas. Os dados são da plataforma Siga Brasil do Senado Federal.

Foram repassados desse total, R$ 61 milhões para a capital amazonense. R$ 283,5 milhões foram dividos entre os outros 61 municípios do interior do estado. Os ministérios que mais liberaram recursos foram os da Saúde, Desenvolvimento, Educação, Infraestrutura e do Turismo.

Recursos para o combate à pandemia de covid-19 representam R$ 135,9 milhões, atenção primária à saúde R$ 91 milhões, enquanto que o apoio à política nacional de desenvolvimento urbano rendeu R$ 85,8 milhões em emendas.

No orçamento de 2021, as bancadas apresentaram emendas no valor total de R$ 6,7 bilhões, um aumento de 12,6% em relação aos R$ 5,9 bilhões de 2020.

Cada parlamentar pode apresentar emendas impositivas ao Orçamento de 2021 no total de R$ 16,2 milhões. Esse valor podia ser dividido em até 25 emendas. As 27 bancadas estaduais têm o direito de indicar emendas impositivas no valor total de R$ 270,4 milhões cada uma.

Texto: Jefferson Ramos

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Prefeito de Manaus, David Almeida, testa positivo para Covid-19

Esta é a segunda vez que David Almeida (Avante) foi diagnosticado com Covid-19. A primeira foi em setembro de 2020, durante a pré-campanha para prefeito de Manaus.

22 de janeiro de 2022

Governo vai enviar doses pediátricas para estados com baixos estoques

Remessa emergencial de vacinas para crianças será enviada a estados com estoques abaixo das 40 mil doses. Segundo o Ministério da Saúde, doze estados estão nessa situação.

22 de janeiro de 2022

‘De novo’: Bolsonaro minimiza números de mortes de crianças por Covid

Bolsonaro voltou a citar remédios sem eficácia comprovada contra o coronavírus e disse que o número de mortes de crianças pela doença foram insignificantes.

22 de janeiro de 2022

Ministério da Saúde prorroga contrato do Programa Mais Médicos em Manaus

O contrato seria encerrado no final deste mês, mas foi prorrogado a pedido da Prefeitura por conta do aumento dos atendimentos por Covid-19 e outras síndromes respiratórias.

22 de janeiro de 2022

Em Manaus, Queiroga defende vacinação mas critica passaporte vacinal

Marcelo Queiroga pediu esforço dos estados para aumentar os níveis de vacinação, mas criticou a adoção do passaporte vacinal ao dizer que o documento não ampliaria os números

22 de janeiro de 2022

Ciro diz que falhas do PT são responsáveis pela vitória de Bolsonaro

Na sua avaliação, os presidentes do PT não diferem de Bolsonaro em suas agendas econômicas, criticadas por não estabelecer políticas de tributação de grandes fortunas.

22 de janeiro de 2022

Enchente 2022: Governo do Estado institui Grupo de Ações Coordenadas

As 27 instituições integrantes do Grupo de Ações Coordenadas utilizarão seus recursos e infraestrutura já existentes para atuação integrada aos demais membros.

22 de janeiro de 2022

Eduardo Bolsonaro e Mário Frias atacam publicamente os irmãos Weintraub

Eduardo Bolsonaro e Mário Frias trocaram farpas nas redes sociais com os irmãos Weintraub, agora ex-aliados do presidente Jair Bolsonaro e que estão de volta ao País.

22 de janeiro de 2022