terça-feira, 16 de julho de 2024

faça parte da Comunidade RT1

Garota de Ipanema é a música brasileira mais gravada no mundo

Levantamento realizado pelo ECAD apresenta o ranking das dez músicas brasileiras mais gravadas pelo mundo. Tom Jobim é autor de 5 das 10.
COMPARTILHE
música

Segundo o levantamento do ECAD, a música Garota de Ipanema, de Tom Jobim e Vinicius de Moraes, lidera o ranking de músicas brasileiras mais gravadas no mundo, com 442 versões oficiais.

A canção escrita em 1962 inspirada ex-modelo Helô Pinheiro, já foi gravada e cantada em diversas versões e línguas por artistas famosos como Frank Sinatra, Madonna, Amy Winehouse, Ella Fitzgerald, Tim Maia e Caetano Veloso entre outros.

A clássica música de Tom e Vinicius também já fez parte de produções no cinema, séries de tv estrangeiras e até no famoso desenho “Os Simpsons”.

A música “Aquarela do Brasil”, de Ary Barroso, que antes liderava o ranking, agora está empatada em segundo lugar com “Carinhoso”, de Pixinguinha e Braguinha, ambas com 430 gravações cada.

Entre as dez primeiras músicas brasileiras mais gravadas, cinco são de autoria de Tom Jobim.

Receba notícias do RT1 em primeira mão
quero receber no Whataspp
Quero receber no Facebook
Quero receber no Instagram

Confira abaixo as 10 músicas brasileiras mais gravadas na história:

  1. Garota de Ipanema, de Tom Jobim e Vinicius de Moraes (442 gravações)
  2. Aquarela do Brasil, de Ary Barroso – (430 gravações)
    Carinhoso, de Braguinha e Pixinguinha – (430 gravações)
  3. Asa Branca, de Humberto Teixeira e Gonzagão – 382 gravações
  4. Manhã de Carnaval, de Luiz Bonfá e Antonio Maria – (337 gravações)
  5. Eu Sei que Vou te Amar, de Tom Jobim e Vinicius de Moraes – (279 gravações)
  6. Corcovado e Wave, Tom Jobim – (261 gravações)
  7. Chega de Saudade, de Tom Jobim e Vinicius de Moraes – (257 gravações)
  8. Desafinado, de Tom Jobim e Newton Mendonça – 245 gravações
  9. As Rosas Não Falam, de Cartola – 235 gravações
  10. Está Tudo Bem, de Jessé Aguiar – 220 gravações

Da Redação

Leia Mais:

COMPARTILHE