domingo, 14 de julho de 2024

faça parte da Comunidade RT1

Edital garante R$ 1,2 milhão para 65º Festival Folclórico do Amazonas

O tradicional evento cultural do Estado acontecerá de 11 a 25 de junho, no Centro Cultural Povos da Amazônia (CCPA), localizado na Bola da Suframa, zona Sul.
COMPARTILHE
festival do amazonas

O prefeito de Manaus, David Almeida, acompanhado do diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Osvaldo Cardoso, realizou, na noite deste domingo, 16/4, o lançamento do edital de apoio financeiro do 65º Festival Folclórico do Amazonas (FFA), no valor de quase R$ 1,2 milhão.

O tradicional evento cultural do Estado acontecerá de 11 a 25 de junho, no Centro Cultural Povos da Amazônia (CCPA), localizado na Bola da Suframa, zona Sul. A abertura do festival contará com o show do cantor de forró JM Puxado.

Durante a ação deste domingo, realizada no Parque Municipal do Idoso (PMI), localizado no bairro Nossa Senhora das Graças, zona Centro-Sul, David Almeida destacou o incentivo dado pela atual gestão municipal aos grupos folclóricos.

“Hoje, a Manauscult completa 14 anos e demos um presente ao folclore de Manaus, o lançamento do edital e também um aumento no repasse aos grupos folclóricos. Isso faz com que possamos impulsionar a cultura e o folclore nos bairros e nas comunidades de Manaus, e aventar a possibilidade de um festival maravilhoso em 2023”, enfatizou Almeida.

O certame de nº 004/2023 prevê a concessão de apoio financeiro para a apresentação de 78 grupos folclóricos integrantes, sendo que serão: três agremiações na categoria Master A, que contém os bois-bumbás, com apoio de R$ 120.494,22; 45 grupos da categoria Prata, que receberão R$ 15 mil; e 30 grupos da Bronze, no valor de R$ 5 mil.

Receba notícias do RT1 em primeira mão
quero receber no Whataspp
Quero receber no Facebook
Quero receber no Instagram

Emprego e renda

Questionado sobre os repasses, David Almeida destacou que esse investimento no folclore ajuda com que a economia gire na cidade, uma vez que o festival movimenta uma cadeia que engloba costureiras, ambulantes e pequenos empresários.

“Desde que chegamos na prefeitura, aumentamos 150% o repasse dos grupos e vamos continuar incentivando a cultura e o folclore na cidade de Manaus que é muito importante. Isso fomenta o comércio informal nas comunidades e no próprio entorno da realização do evento. Isso faz com que possamos trabalhar a inclusão social por meio da cultura, gerando emprego e renda”, afirmou David.

Demandas atendidas

O titular da Manauscult, Osvaldo Cardoso, destacou que antes do lançamento do edital, a comissão de cultura da Prefeitura de Manaus conversou com representantes do setor para discutir e encontrar soluções que impulsione o espetáculo apresentado no Povos da Amazônia. Para ele, essa edição do festival já nasce grande, ainda mais que terá em sua abertura uma atração nacional.

“Hoje, é um dia muito feliz. Manaus e a cultura da cidade ganharam um presente. Por determinação do prefeito David Almeida, conseguimos ampliar os investimentos no setor e estamos trazendo uma atração nacional para a abertura do nosso festival folclórico. Atendemos todas as demandas, fizemos todas as mudanças necessárias para garantir que tenhamos o maior festival folclórico da nossa cidade”, concluiu Osvaldo.

Integrante da quadrilha tradicional Família Gald, a estudante Letícia Nishimura, de 18 anos, comemorou o lançamento do edital, uma vez que o seu grupo promete trazer muitas novidades neste ano visando conquistar o sonhado acesso para o grupo Ouro.

“Estamos muito animados com o lançamento do edital, ainda mais que estávamos na categoria Ouro e agora recebemos um grande incentivo. Por isso, a população pode ter certeza que iremos trazer muitas novidades para que possamos conseguir esse acesso. Vamos preparar novas alegorias e esse apoio da Prefeitura de Manaus é fundamental, pois somos amantes da cultura e estávamos ansiosos por essa oportunidade de continuar fazendo o nosso trabalho”, finalizou Letícia.

Leia Mais:

COMPARTILHE