fbpx

sexta, 28 de janeiro de 2022

Risco na pandemia dispara alerta sobre turismo e compra do dólar

Com o risco de um novo crescimento da pandemia, dessa vez pela Ômicron, o mundo começa a fechar fronteiras internacionais e a tendência é mais uma queda das viagens.

11 de dezembro de 2021

Compartilhe

(Foto: Reprodução)

Com o anúncio oficial do risco de um novo recrudescimento da pandemia, dessa vez pela variante da Covid-19, a Ômicron, o mundo começa a fechar fronteiras internacionais e a tendência é uma queda

A notícia não só preocupa o mercado de turismo, como também já provocou impactos em nível macro, derrubando índices em Bolsas de Valores e promovendo oscilações na economia dos países. No Brasil, o dólar manifestou alta de 0,46% e estava cotado a R$ 5,636 (30/11, Às 20h12).

Quem ainda quer manter os planos de visitar outros países ainda não embarreirados ou está olhando para o futuro, construindo o planejamento de uma viagem, é preciso observar os fatos do passado recente e ter calma para conseguir organizar as finanças ao redor do contexto de crise para um passeio seguro e sem tantos gastos excessivos.

“Ainda estamos entendendo essa nova variante, verificando a letalidade, os sintomas e outras informações que nos ajudarão a desenhar os cenários. De toda sorte, é importante começar a, gradualmente, comprar a moeda estrangeira e seguir juntando o dinheiro, sem depender muito do que irá acontecer na última hora. Assim, será possível mitigar danos ocasionados pelas interferências do momento, caso venha a piorar”, explicou o especialista em câmbio Anderson Souza Brito.

Essa estratégia de compra de dólar para viagem internacional é muito utilizada e tem até nome: Dollar Cost Averaging (DCA). O DCA consiste na escolha da moeda do local para onde o turista vai e na aplicação periódica de uma quantia fixa para fazer a compra. 

Para ter uma análise mais certeira de quando fazer o câmbio, é importante ficar atento à volatilidade da moeda por meio de fatores políticos e econômicos, como turbulências políticas, status de vacinação da população local e intervenção dos Bancos Centrais. 

Fatores como estes podem alterar taxas de juros para fazer a contingência da crise da pandemia. O especialista esclarece que na compra de dinheiro vivo o imposto é menor. 

Com isso, o turista economiza mais. Quando as cédulas são compradas em casas de câmbio, a taxa do Imposto de Operações Financeiras (IOF) está em 1,10%, valor ideal para fazer a troca. Com o cartão pré-pago, a incidência do IOF sobre os custos é de 6,38%, aplicando a taxa de câmbio do momento em que o cartão for carregado. Também é de 6,38% a taxa do uso de cartão de crédito internacional. 

No entanto, esse valor será aplicado de acordo com o momento da utilização pelo viajante. Para tornar essa questão mais prática, segura e barata, o turista pode abrir uma conta corrente internacional em dólar. Além das vantagens de transporte, a cotação do dólar nesta modalidade é comercial, e não de turismo, o que garante uma economia maior. 

“A conta corrente é a melhor saída para economizar, ter segurança, controle e simplicidade. Além de usar a cotação comercial, a pessoa não fica limitada ao valor de R$ 10 mil e a obrigatoriedade de declarar à Receita Federal”, afirma o especialista.

Caso o viajante saia do Brasil com mais de R$ 10 mil em espécie, será preciso preencher a Declaração Eletrônica de Bens de Viajantes (e-DBV) e apresentar o dinheiro à fiscalização aduaneira. Além disso, o turista precisa redobrar os cuidados ao guardar e a manusear o dinheiro nos aeroportos.

Com informações do Estadão Conteúdo

Leia Mais

Leia mais sobre Economia & Negócios

Procurando emprego? Sine Manaus oferta 253 vagas nesta sexta–feira

O candidato que deseja concorrer a uma das vagas disponíveis, deve enviar mensagem para os números de WhatsApp disponibilizados na vaga pretendida, informando dado completos.

28 de janeiro de 2022

Defensoria Pública abre processo seletivo de estágio em Direito

As inscrições no Cadastro de Reserva da Defensoria Pública do Estado do Amazonas estão abertas para candidatos ao Estágio de Direito com bolsa de R$987 e auxílio transporte.

27 de janeiro de 2022

Secretários de Fazenda aprovam congelamento de ICMS dos combustíveis

Congelamento do preço médio ponderado ao consumidor final (PMPF), base para cálculo do ICMS, tinha validade até 31 de janeiro. Com a decisão, valerá por mais 60 dias.

27 de janeiro de 2022

Jovem aprendiz colabora em média com 30% da renda das famílias, diz fórum

Fórum lançado nesta quinta, busca soluções para ampliar estágio e primeiro emprego no Brasil por meio de ações alinhadas com Estados e Municípios e ao Novo Ensino Médio.

27 de janeiro de 2022

Empresas podem acionar Justiça para liberar mercadorias na Receita

Mais empresas podem seguir a Moto Honda e acionar a Justiça para desembaraçar mercadorias fiscalizadas no operação padrão dos auditores fiscais, diz a Fieam.

27 de janeiro de 2022

Setor imobiliário deve frear reação devido Inflação e juros altos, em 2022

Conjuntura de 2022 com inflação e juros altos tem diferença em relação ao ano passado quando o mercado imobiliário reagiu bem apesar da pandemia, dizem especialistas.

27 de janeiro de 2022

Faturamento do PIM cresce 32% até novembro de 2021 e bate recorde

De acordo com dados da Suframa, o faturamento do Polo Industrial de Manaus acumulado de janeiro a novembro de 2021 atingiu volume recorde de quase R$ 145,59 bilhões.

27 de janeiro de 2022

5 milhões de m³/dia: consumo de gás natural atinge volume inédito no AM

Volume demandado em 2021 alcançou média de 5,2 milhões de m³/dia, alta de 5,5 % em comparação com o ano de 2020, segundo cálculos da Cigás.

27 de janeiro de 2022