fbpx

sábado, 21 de maio de 2022

Exportações do Amazonas caíram 12% no primeiro bimestre

No primeiro bimestre as exportações registraram saldo de US$123,23 milhões. O volume representa queda de 12% quando comparado a igual período de 2021.

14 de abril de 2022

Compartilhe

Exportações do Amazonas caíram 12% no primeiro bimestre (Foto: Reprodução)

As exportações do Amazonas registraram saldo de US$123,23 milhões no primeiro bimestre do ano, conforme dados divulgados pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti). O volume representa queda de 12% quando comparado a igual período de 2021, quando o estado contabilizou US$140,2 milhões em envio de produtos ao exterior.

Segundo dados da Balança Comercial do Amazonas, divulgada pela Sedecti, em janeiro, as exportações totalizaram US$60,92 milhões. O principal comprador da produção estadual foi a Argentina, com a participação de US$11,96, com 48 diferentes itens transacionados. Os principais foram ‘máquinas e aparelhos de escritório e máquinas para uso bancário e semelhantes’.

Na segunda colocação do ranking de janeiro aparece a Venezuela com valores de US$ 9,90 milhões. A lista é seguida pelos países da Colômbia (US$7,53milhões), Bolívia (US$6,94 milhões) e China (US$5,61 milhões).

No segundo mês do ano o envio de produtos aos outros países somaram US$62,31 milhões. Em fevereiro, a Colômbia que tinha ocupado o terceiro lugar nas aquisições em janeiro, saltou para o primeiro lugar como parceiro comercial do estado, sendo responsável por US$ 9,58 milhões e participação de 15,37%. Dos 15 diferentes produtos transacionados o principal foi ‘outras preparações alimentícias’.

A Venezuela ocupou o segundo lugar do ranking de parceiros comerciais com US$ 9,29 milhões, seguido dos países: Alemanha (US$ 8,18), China (US$ 5,97) e Argentina (US$ 5,13). A Argentina que em janeiro ocupou o primeiro lugar, no mês posterior ocupou a quinta classificação.

Na lista dos principais itens exportados no bimestre constam: outras preparações alimentícias, motocicletas entre 50 e 250 cilindradas, ouro em outras formas semimanufaturadas, e máquinas e aparelhos de escritório.

Texto: Priscila Caldas

Leia Mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

STF valida Lei do AM que iguala salários de escrevente com o de analista

Para o STF, a lei amazonense não promoveu a transposição de servidores ou o provimento de cargos sem concurso público, apenas deu isonomia para categoria em extinção.

21 de maio de 2022

MPAM pede anulação de prova do concurso da Sefaz para Auditor

O Ministério Público identificou que prova tinha questões que fugiram ao que estava previsto no edital e pediu pela suspensão do exame para a categoria.

21 de maio de 2022

Faturamento do varejo cresce 3,5% em relação ao período pré-pandemia

Para a Câmara dos Dirigentes Lojistas de Manaus, a abertura de novos empregos na capital impulsionou os resultados, contribuindo para a recuperação do segmento.

21 de maio de 2022

Lei de tempo de espera máximo para atendimento é sancionada, no AM

O Instituto de Defesa do Consumidor do Amazonas destaca que, para que o consumidor consiga indenização perante a Justiça, é necessário recorrer ao Poder Judiciário.

20 de maio de 2022

PL destina recursos do pré-sal para políticas de pesca e aquicultura

Projeto de Lei 6114/19 destina para as políticas de aquicultura e pesca dos estados e municípios até 1% dos recursos arrecadados pela União com venda dos barris de petróleo.

20 de maio de 2022

PIM poderá ganhar fábrica da Tesla, empresa de Elon Musk, diz colunista

Informação é do colunista Igor Gadelha, do site Metrópoles. Em setembro do ano passado, a empresa apresentou, pela primeira vez, um protótipo de um veículo de duas rodas.

20 de maio de 2022

Em 4 meses, a arrecadação tributária do AM cresce 4% e supera R$ 5 bi

Crescimento reflete o bom desempenho da atividade comercial, e ainda, do subsetor de postos de combustíveis, que registraram alta na arrecadação, respectivamente, de 6% e 10%

20 de maio de 2022

Governo publica decreto com regras para mercado de carbono

Medida exige que os ministérios do Meio Ambiente e da Economia criem um plano de mitigação das mudanças climáticas, em que serão definidas metas de emissão de gases.

20 de maio de 2022