fbpx

quinta, 09 de dezembro de 2021

Empresas aéreas relatam dificuldades para expandir aviação regional

Obstáculos incluem falta de infraestrutura e preço dos combustíveis; deputado quer apresentar plano para contribuir com o setor.

4 de novembro de 2021

Compartilhe

(Foto: Agência Brasil)

Representantes de empresas de aviação regional relataram aos integrantes da Comissão de Turismo da Câmara dos Deputados, nesta quarta-feira (3), os desafios para expandir o setor no País. Atualmente, dos mais de 5,5 mil municípios brasileiros, apenas cerca de 100 contam com voos regionais regulares.

A expansão esbarra em problemas como falta de infraestrutura de aeroportos, a alta no preço dos combustíveis e a suspensão do Programa de Desenvolvimento da Aviação Regional (Pdar), instituído pela Lei 13.097/15.

O deputado Eduardo Bismarck (PDT-CE), que propôs o debate, defendeu a importância da aviação regional, interligando capitais e municípios do interior, lugares aonde muitas vezes não se chega por terra, especialmente nas regiões Norte e Centro-Oeste.

“Pretendemos apresentar, em nome da Comissão de Turismo e de outros parlamentares, um plano que possa contribuir realmente com a aviação regional e a aviação no Brasil, frente ao novo momento de passagens aéreas muito caras, dificuldades no setor e a retomada pós-pandemia”, afirmou Bismarck.

Segundo o diretor-geral da Associação Brasileira de Aviação Geral (Abag), Flávio Pires, a existência de passageiros e de aeroportos e a conectividade com a malha área nacional são fundamentais para o desenvolvimento do setor.

Impacto na economia

O impacto da aviação na economia das regiões servidas por voos também foi destacado pelos representantes das empresas. Foi o que explicou o gerente de Relações Institucionais da Azul Linhas Aéreas, César Grandolfo.

“O crescimento das cidades de mesmo porte que têm aviação é razoavelmente maior do que o daquelas que não a têm. O crescimento médio anual nas servidas por aviação foi de 2,08%, enquanto cidades sem aviação cresceram em média 1,61% [de 2010 a 2018]”, comparou Grandolfo. “Se as cidades com aviação crescessem às mesmas taxas das que não possuem voos, cerca de R$ 3,1 bilhões deixariam de ser adicionados anualmente ao PIB.”

Grandolfo destacou, para além do preço dos combustíveis, a dificuldade de atrair distribuidoras para locais mais remotos. “Para uma distribuidora nos atender, precisa fazer grandes investimentos. Só que os aviões são pequenos, têm baixo consumo. É um investimento muito alto, não atrai interessados”, declarou.

Por sua vez, o assessor da presidência da Gol Linhas Aéreas Inteligentes Alberto Fajerman cobrou dos estados dizerem do que eles precisam e como podem contribuir para que os voos existam.

Também participaram da audiência representantes da Latam Airlines Brasil, da Itapemirim Transportes Aéreos e da Rio Madeira Aerotáxi.

Com informações da Agência Câmara de Notícias

Leia Mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

Segurança: concursos têm salários de até R$ 13 mil no AM; inscreva-se aqui

São ofertadas mais de 1,3 mil vagas para a Polícia Militar do Amazonas e mais de 450 vagas para o Corpo de Bombeiros. Incrições tiveram início nesta quarta-feira (8).

8 de dezembro de 2021

Feira do Polo Digital de Manaus acontecerá de 9 a 11 de dezembro

A feira terá entrada gratuita e acontecerá nas modalidades virtual e presencial. Para participar, é necessário garantir a inscrição no site www.feiradopolodigitaldemanaus.com

8 de dezembro de 2021

Expoagro inicia com festa e cuidados sanitários contra a Covid-19

A exposição será realizada no Kartódromo da Vila Olímpica de Manaus, no bairro Alvorada, zona centro-oeste de Manaus. Todas as programações serão gratuitas.

8 de dezembro de 2021

Afeam investiu R$30 mi em financiamentos rurais, em 2021

Durante todo o ano a Afeam registrou geração ou manutenção de mais de 5 mil ocupações na produção rural por meio de 1.734 operações de crédito.

8 de dezembro de 2021

Setemp oferta 660 vagas para cursos profissionalizantes no interior

Os cursos cursos profissionalizantes ocorrerão na modalidade on-line e presencial, destinados aos municípios de Manacapuru e Itacoatiara.

8 de dezembro de 2021

Pequenos negócios foram responsáveis por 80% dos empregos gerados em outubro

Segundo o Sebrae, os pequenos negócios foram responsáveis por 79,7% das 253 mil vagas criadas no mês de outubro, com a abertura de 201,7 mil novos postos de trabalho.

8 de dezembro de 2021

Polo Digital do Amazonas é o 5º em faturamento do Brasil, destaca Codese

Em entrevista à TVRealTime1, o presidente do Conselho de Desenvolvimento Econômico, Sustentável e Estratégico de Manaus, destacou o faturamento do Polo Digital.

8 de dezembro de 2021

Comércio eletrônico no Amazonas movimentou R$39,6 mi na Black Friday

Apesar de as vendas do comércio eletrônico terem registrado crescimento em relação a 2020, ABComm afirma que desempenho foi afetado pela inflação.

8 de dezembro de 2021