fbpx

domingo, 19 de setembro de 2021

Alta de 59%: faturamento do PIM alcança R$ 73,8 bi no primeiro semestre

Em dólar, o faturamento acumulado no primeiro semestre foi de US$ 13.7 bilhões, significando incremento de 46,8% na comparação com o mesmo período de 2020 (US$ 9.3 bilhões).

30 de agosto de 2021

Compartilhe

Televisor com tela de cristal líquido puxou a alta de faturamento no semestre (Foto: Reprodução)

O Polo Industrial de Manaus (PIM) faturou R$ 73,8 bilhões no primeiro semestre do ano. O volume representa um crescimento de 59,33% em relação ao período de janeiro a junho do ano passado (R$ 46,3 bilhões). Em dólar, o faturamento acumulado no primeiro semestre de 2021 foi de US$ 13.7 bilhões, significando incremento de 46,79% na comparação com o mesmo intervalo de 2020 (US$ 9.3 bilhões).

(Arte: Fábio Alencar/Suframa)

Ainda de acordo com os dados dos Indicadores de Desempenho do PIM, as exportações do parque fabril manauara também fecharam o semestre em alta. As vendas externas totalizaram US$ 221.5 milhões, o que representa aumento de 30,97% em relação ao mesmo intervalo de 2020 (US$ 161.5 milhões).

Conforme as informações fornecidas pelas empresas incentivadas, o mês de junho registrou a ocupação de 99.167 postos de trabalho, entre mão de obra efetiva, temporária e terceirizada. Até o primeiro semestre deste ano ocorreram 15.834 admissões contra 12.368 rescisões, perfazendo o saldo de 3.466 vagas. A média mensal até junho 2021 ficou estabelecida em 101.852 empregos.

Com R$ 20,1 bilhões (US$ 3.7 bilhões) faturados no primeiro semestre, o polo de Bens de Informática segue sendo, desde 2020, o maior responsável pelo resultado global do PIM, respondendo por 27,28% do total em moeda nacional. Em seguida estão os segmentos de Eletroeletrônico (R$ 16,1 bilhões e US$ 3 bilhões), com 21,84% e Duas Rodas (R$ 9,1 bilhões e US$ 1.7 bilhão), com 12,44% de participação no faturamento.

Dos 26 subsetores de atividades monitorados nos Indicadores do PIM, 25 apresentaram elevação no faturamento, em moeda nacional, na comparação entre o primeiro semestre de 2021 com o período igual de 2020: Bens de Informática (72,71% em real; 61,07% em dólar); Eletroeletrônico (36,32% em real; 25,26% em dólar); Duas Rodas (59,10% em real; 44,23% em dólar); Couro e similares (238,93% em real; 226,63% em dólar); Polo Termoplástico (113,23% em real; 85,92% em dólar); Têxtil(107,09% em real; 89,88% em dólar); Metalúrgico (63,87% em real; 51,43% em dólar), Químico (54,74% em real; 41,99% em dólar); entre outros.

Entre os produtos que apresentaram incremento relevante de produção no acumulado do primeiro semestre em relação ao mesmo período do ano anterior, destacam-se: home theater (246,60%); aparelhos de reprodução/gravação de áudio portátil – mp3/mp4- (137,84%); DVD inclusive blu-ray (116,39%); microcomputador portátil (93,10%); forno micro-ondas (90,09%); condicionador de ar split system (68,33%); motocicleta, motoneta e ciclomotores (45,16%), entre outros.

Em termos de volume de faturamento apresentado, os principais produtos fabricados pelo PIM no primeiro semestre deste ano foram: televisor com tela de cristal líquido (R$ 11,04 bilhões e US$ 2.05 bilhões); telefone celular (R$ 7,26 bilhões e US$ 1.35 bilhões); motocicleta, motoneta e ciclomotores (R$ 6,9 bilhões e US$ 1.29 bilhão); placa de circuito montada para uso em informática (R$ 5,11 bilhões e US$ 955.3 milhões); condicionador de ar do tipo split system (R$ 3,69 bilhões e US$ 682.8 milhões); forno micro-ondas (R$ 1,023 bilhão e US$ 190.8 milhões).

O superintendente da Suframa, Algacir Polsin, avalia que os indicadores do primeiro semestre refletem a retomada dos patamares de produção anteriores à pandemia, com os empresários demonstrando otimismo no avanço da vacinação da população e na redução do distanciamento social.

Conforme o superintendente, a expectativa é por um segundo semestre ainda mais positivo, pois esse período costuma apresentar os maiores índices de produção e faturamento do ano, inclusive contando com contratações temporárias promovidas pelos setores industrial, de comércio e serviços.

“Recentemente, confiante em um segundo semestre ainda melhor, o Ministério da Economia revisou a projeção para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB, a soma de todos os bens e serviços produzidos no País) passando de 3,5% para 5,3% em 2021”, explicou.

Fonte: Suframa

Leia mais:

Leia mais sobre Economia & Negócios

Governo anuncia leilão para compra simplificada de energia em outubro

Leilão, a ser realizado em outubro, contratará energia de reserva, na modalidade por quantidade para usinas termelétricas a biomassa, eólica e solar fotovoltaica.

18 de setembro de 2021

Temporada de manejo do pirarucu na RDS Uacari está aberta

Em toda a RDS Uacari, a despesca será de 646 pirarucus, envolvendo 16 outras comunidades e 134 famílias. A estimativa de renda total na reserva é de R$ 290 mil.

18 de setembro de 2021

Produção de splits impulsiona setor de condicionador de ar no PIM

Produção do modelo split saltou de 1,8 milhão, nos primeiros meses de 2020, para mais de 3,1 milhões, de janeiro a junho deste ano. Fabricação do modelo janela também cresce.

18 de setembro de 2021

FGV divulga resultados das provas objetivas do concurso do TCE-AM

O concurso teve a confirmação de mais de 15 mil candidatos, com 40 vagas para provimento imediato na Corte de Contas, com vencimentos de até R$ 8,3 mil, além de benefícios.

17 de setembro de 2021

Inaugura em Manaus a primeira unidade franqueada da rede Flexfarma

Com um diversificado mix de fármacos, dermocosméticos e conveniências, primeira unidade da rede de drogarias Flexfarma em Manaus inaugura na próxima segunda-feira (20).

17 de setembro de 2021

Renda das mulheres cresce no 2º trimestre, apesar da desocupação maior

Redimento da força de trabalho feminina teve aumento 1,4% no segundo trimestre deste ano, na comparação com o mesmo período de 2020. Enquanto a renda masculina subiu 0,4%.

17 de setembro de 2021

Endividamento familiar sobe 2,1% e tem o maior nível da história

Percentual das famílias endividadas apresentou sua nona alta na passagem mensal, chegando em 72,9% em agosto, segundo pesquisa da Confederação Nacional do Comércio

17 de setembro de 2021

Secretário do Tesouro garante Auxílio Brasil no valor de R$ 300

De acordo com o secretário especial do Tesouro Nacional, Bruno Funchal, a expectativa é de que os beneficiário recebam o novo auxílio já a partir do mês de novembro.

17 de setembro de 2021