fbpx

quinta, 09 de dezembro de 2021

Prefeitura garante que prédios vizinhos ao que desabou no Centro estão fora de risco

Equipes da Seminf e da Defesa Civil atuam no local para fazer a limpeza e desobstrução do entulho gerado depois do desabamento de um prédio na rua Henrique Martins.

19 de novembro de 2021

Compartilhe

Risco de desabamento foi alertado há cinco meses pelo RealTime1 (Foto: João Luiz Onety)

Na manhã desta sexta-feira (19), a Prefeitura de Manaus deu início aos trabalhados de limpeza e retirada dos entulhos de um prédio localizado rua Henrique Martins, Centro da cidade, que desabou na noite de ontem (18). A edificação encontrava-se ao lado de uma cratera que abriu ano passado, tanto que em julho de 2020, foram demolidos dois prédios na área que corriam risco de desabar.

O prédio que desabou já estava interditado para que fossem realizadas obras nas galerias e não contava com a presença de operários no momento do incidente. A necessidade do reparo nos canais é antiga e segue sendo passada de um gestor para outro.

O chefe da divisão distrital do Centro Histórico, Efrain Costa, disse ao RealTime1 que as fortes chuvas registradas nos últimos dias contribuíram para a erosão do solo, o que provocou o incidente.

Efrain explicou que a Prefeitura iniciou, há cerca de um mês, a Prefeitura deu início aos trabalhos de recuperação das galerias, culpando a cheia histórica do Rio Negro deste ano como um fator para o atraso de tais serviços durante a gestão atual.

”Vamos mudar a concepção de execução da obra porque a galeria não está completamente obstruída. Está em funcionamento. Então, a gente está fazendo a limpeza para mudar a concepção”, contou Efrain.

A Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), que também estava com servidores no local, informou ao RealTime1 que não há previsão para desobstruir o canal da galeria.

Defesa Civil de Manaus garante que demais prédios não correm riscos

O chefe da divisão operacional da Defesa Civil Municipal, José Mendes, afirma que os prédios que ficam ao lado do edifício que desabou não correm risco de passar pela mesma situação.

”Está tudo em perfeitas condições. Não corre risco de desabar”, garantiu José.

No entanto, Camylla Santos, gerente de uma das lojas vizinhas ao prédio que desabou, a Show dos Calçados, discorda do chefe da Defesa Civil.

Prejuízos e falsas promessas

Camylla diz que, por conta da proximidade com a cratera, a direção da empresa decidiu não utilizar mais o subsolo como estoque desde o final do ano passado por medo de um possível desabamento.

”A gente está correndo risco de interditarem a loja. Temos funcionários para manter”, preocupa-se a gerente.

O estoque da loja se tornou um amontoado de caixas com produtos impróprios para venda (Foto: João Onety/RealTime1)

Além de haver a possibilidade do não-funcionamento, as mercadorias da sapataria ficaram comprometidas. O incidente ocorrido ontem, para Camylla, também pode ‘espantar’ os clientes daquela área no período natalino.

A gerente da loja reclama do descaso do poder público, frisando que o problema já se arrasta há anos.

”Na primeira chuva, lá em novembro do ano passado, prometeram para gente que resolveriam. Por causa do período chuvoso, jogaram [o início das obras] para o início de janeiro deste ano, depois para maio (…) A obra fez um ano. Foi só promessa! Até agora não resolveram e, infelizmente, mais uma vez a gente volta a passar pela mesma situação e também pelas mesmas promessas”, criticou Camylla.

Expositores precisaram ser retirados da área externa por conta das obras (Foto: João Onety/RealTime1)

Texto: João Luiz Onety

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

Festejos à Padroeira do Amazonas ocorrem durante toda a quarta-feira

Os festejos ocorrerão até às 17h com a realização de uma missa campal na avenida Eduardo Ribeiro, no Centro.

8 de dezembro de 2021

Prefeitura premia curtas do ‘Programa Ampliando Horizontes’

O objetivo do programa é estimular nos alunos a comunicação pela língua, estudada em curto espaço de tempo, usando diálogos, músicas, imagens e sons.

8 de dezembro de 2021

Prefeitura mantém serviços essenciais durante o feriado

Serviços relacionados à saúde e limpeza terão continuidade no feriado da Padroeira do Amazonas, Nossa Senhora da Conceição.

8 de dezembro de 2021

Governo anuncia suspensão de eventos com mais de 3 mil pessoas

Governo adotou medida após dados epidemiológicos indicarem aumento nos casos de Covid-19, e em função da variante Ômicron.

8 de dezembro de 2021

Acesso à praia da Ponta Negra é liberado no feriado desta quarta-feira

Agora, o complexo voltou a funcionar de segunda a domingo, de 9h às 17h (para banho no rio). Antes, o acesso à praia estava interditado aos finais de semana e feriados.

7 de dezembro de 2021

Famílias da calha do Juruá começam a receber Auxílio Estadual Permanente

A entrega do benefício é feita somente para o titular do cartão, mediante apresentação de documento de identificação com foto, coleta de assinatura e registro no app SASI.

7 de dezembro de 2021

FGV divulga resultado final do concurso para o Tribunal de Contas do AM

Mário de Mello, presidente do órgão, disse que o sentimento é de "dever cumprido" por ter conseguido renovar o quadro de colaboradores do TCE-AM.

7 de dezembro de 2021

Nova rede de água de Envira terá investimento de R$ 4,3 milhões

Prefeitura de Envira havia declarado estado de calamidade pública devido ao nível crítico de funcionamento e contaminação dos poços de captação na cidade.

7 de dezembro de 2021