fbpx

terça, 18 de janeiro de 2022

Prefeitura divulgará os locais de vacinação para crianças até sexta

Secretaria Municipal de Saúde informou que, em Manaus, haverá quatro pontos estratégicos para imunizar o público com idade entre 5 e 11 anos. Meta é vacinar 260.721 crianças.

12 de janeiro de 2022

Compartilhe

Vacinação atenderá ordem de prioridade definida pelo Ministério da Saúde (Foto: Reprodução)

A  vacinação de crianças de 5 a 11 anos contra a Covid-19 em Manaus estará concentrada em apenas quatro locais de grande fluxo e com condições para o cumprimento das recomendações de segurança da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A orientação está no Plano de Operacionalização da Prefeitura de Manaus para essa nova etapa da campanha, aprovado nesta terça-feira (11), pelos membros do Gabinete de Crise da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

Além da estratégia de atendimento concentrado, o documento define que a imunização seja feita por escala de prioridades e idade, os documentos obrigatórios para acesso ao imunizante e outras recomendações baseadas em nota técnica emitida pelo Ministério da Saúde (MS) no último dia 5.

A secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe, informa que o início da campanha na capital depende do recebimento das doses do imunizante, que devem chegar ao país nesse dia 13, para distribuição posterior a estados e municípios.

A vacina utilizada será a Pfizer pediátrica, única autorizada para esta faixa etária no país, e que traz um frasco na cor laranja, para evidenciar a diferença com a vacina utilizada no público de 12 anos e mais, cuja embalagem é roxa.

“Nossa expectativa é receber a primeira remessa até o início da próxima semana, por isso o plano está pronto e até sexta-feira teremos a confirmação dos locais de atendimento, para dar início à organização dos espaços e divulgação à população”, disse a secretária.

Nos locais de aplicação da vacina pediátrica contra a Covid-19, não haverá aplicação de outros tipos de vacina para a mesma faixa etária, nem a imunização dos demais públicos. Os espaços serão exclusivos e controlados.

A meta é de vacinar 90% da população de 5 a 11 anos residente em Manaus que, de acordo com projeção do MS, totaliza 260.721 crianças.

O primeiro grupo a ser vacinado é o de crianças com deficiência permanente e as que têm comorbidades. Depois, serão os grupos infantis de indígenas e quilombolas. O terceiro grupo será o das que vivem em instituições de longa permanência (abrigos e orfanatos); e, a partir daí, a vacina passa a ser oferecida de acordo com a idade, sendo uma idade por vez.

A chefe da Divisão de Imunização da Semsa, Isabel Hernandes, destaca que, para o público infantil, o ritmo de vacinação será mais lento porque exige alguns cuidados adicionais, como a observação da criança vacinada pelo período de 20 minutos após a administração da dose.

Para ser vacinada, a criança deverá estar saudável e não pode ter recebido nenhuma outra vacina nos 15 dias anteriores.

Pais ou outros responsáveis precisarão levar ao pontos definidos pela Semsa três documentos do menor: certidão de nascimento ou um documento original com foto; cartão nacional do SUS ou CPF, e a caderneta de vacinação. No caso das crianças com comorbidades, deve ser apresentado laudo médico.

Com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

Sisu e Prouni abrem inscrições em fevereiro; Fies, em março

Para concorrer aos processos seletivos para programas de acesso ao ensino superior -- Prouni, Sisu e Fies --, estudante precisa ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio.

18 de janeiro de 2022

População de Manaus foi a que mais engordou durante a pandemia

Relatório Doenças Crônicas e Seus Fatores de Risco e Proteção mostra que, em 2020, 24,9% dos manauaras adultos apresentavam obesidade, maior índice entre as capitais.

18 de janeiro de 2022

Em 2021, devastação do bioma Amazônia cresceu 49% só no Amazonas

De acordo com dados do Imazon, em 2021 o Amazonas foi o estado da região que registrou o maior crescimento na devastação do bioma em relação ao ano anterior.

18 de janeiro de 2022

Casos de Covid no Amazonas aumentam e visitas em hospitais são suspensas

Em caso de acompanhantes, têm direito pacientes acima de 60 anos, pessoas com deficiência, menores de 18 anos ou mulheres no pré-parto e pós-parto.

18 de janeiro de 2022

Teatro Amazonas recebe festival de cinema Olhar do Norte

A quarta edição do festival Olhar do Norte foi contemplada pelo Programa Cultura Criativa – 2021/AM, realizado pelo Governo. Ao todo, 17 filmes concorrem em nove categorias.

18 de janeiro de 2022

Semsa garante que estoque de testes para Covid-19 é suficiente para demanda

A preocupação é decorrente do que já acontece em São Paulo que, com estoque para oferecer os testes por apenas mais 15 dias, limitou a testagem e grupos de risco.

18 de janeiro de 2022

Pelo quinto dia seguido, Amazonas registra mais de mil casos de Covid-19

Desde o dia 11 de janeiro, o Amazonas registra números de casos positivos acima de mil por dia. A partir do dia 13, os registros começaram a superar os dois mil casos.

18 de janeiro de 2022

Segundo Centro de Testagem para Covid-19 será aberto nesta quarta-feira

Na semana passada, a Prefeitura abriu o primeiro centro de testagem, no Centro de Convenções Studio 5. Este segundo ponto terá capacidade para realizar 200 testes por hora.

18 de janeiro de 2022