fbpx

sábado, 24 de julho de 2021

Mural de 34 metros recupera memória indígena no Centro Histórico

A Praça Dom Pedro II foi escolhida para receber a exposição por ser um antigo cemitério indígena de Manaus. O mural será inaugurado amanhã para comemorar o Dia do Índio.

18 de abril de 2021

Compartilhe

No local serão expostos quatro imagens retiradas de livros históricos (Foto: Oliveira Júnior / Manauscult)

Um mural de 34 metros de comprimento, pintado pelo artista muralista  Fabio Ortiz, com quatro imagens da presença indígena em Manaus, será uma das atrações do memorial Aldeia da Memória Indígena de Manaus será inaugurado, nesta segunda-feira, (19). A data foi escolhida em celebração ao Dia do Índio.

A localização onde o mural será exposto, Praça Dom Pedro II, Centro Histórico de Manaus, foi escolhido por ser um antigo cemitério indígena.

“São quatro imagens nos 140 metros quadrados do mural retiradas de livros históricos, mostrando o mapa das calhas dos rios onde existe a forte presença dos povos indígenas no Amazonas desde muito antes da presença europeia, além do herói-ícone da luta, o grande  Ajuricaba; ainda os Manaos e o cemitério indígena  na visão do colonizador quando aqui chegou”, explica o diretor-presidente da Fundação Municipal Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Alonso Oliveira.

Ele reforça a recomendação feita pelo prefeito David Almeida (Avante) em reparar essa invisibilidade indígena e o  protagonismo da narrativa da história da cidade de Manaus, reconhecendo o espaço do cemitério como um lugar sagrado pelos povos que compõem a ancestralidade da sociedade manauara.

“Estamos começando a reparar o passivo histórico do poder público com nossos irmãos indígenas, e este belo painel mostra a importância dos povos ancestrais na formação social e cultural de nossa sociedade”, declarou Oliveira.

O artista muralista, Fábio Ortiz, 27, autor de painéis de grafitte urbano, é estudante de Agronomia na Universidade Federal do Amazonas (Ufam), filho de pais ribeirinhos do munícipio de Manacapuru, com descendência de peruanos e nordestinos. Ele estava pensando em desistir da arte do grafitte por conta das dificuldades da pandemia, quando procurou a Manauscult para saber sobre os projetos de incentivo.

“Hoje me sinto contemplado de poder contar essa história de tantos séculos de existência e luta”, fala orgulhoso Ortiz, ressaltando que tem aprendido muito sobre o protagonismo dos povos indígenas na história de Manaus e do Amazonas.

Por assessoria PMM

Leia mais:

Leia mais Dia a Dia

Hortaliças cultivadas no sistema prisional são doadas a instituições

Os produtos orgânicos são cultivados na horta do Centro de Detenção Provisória de Manaus 2 e foram doados a instituições de acolhimento.

23 de julho de 2021

Fiscalização do combustível de veículos da Semed em Humaitá é redobrada

A partir de agora, toda tentativa de abastecimento ilegal deve ser comunicada aos órgãos de controle, a fim de evitar fornecimento em desacordo com o solicitado.

23 de julho de 2021

Cadastro do Auxílio Estadual para trabalhadores da cultura é reaberto

O novo prazo foi determinado em decreto, que também simplifica as regras para o acesso. O valor do benefício é de R$ 600.

23 de julho de 2021

Negligenciada por Arthur, cratera na avenida Brasil será reparada

Segundo o vice-prefeito de Manaus, Marcos Rotta, o problema na via é antigo e foi negligenciado pela última administração, prejudicando uma faixa da pista.

23 de julho de 2021

Prefeitura e gestores tratam sobre a volta das aulas 100% presenciais

A meta da Prefeitura de Manaus é que os alunos do 5º ao 9º ano do ensino fundamental voltem a ter aulas 100% presenciais ainda este ano.

23 de julho de 2021

UBS Luiz Montenegro é entregue em novo endereço no bairro Planalto

Conforme a Prefeitura de Manaus, o endereço original da UBS é no bairro Lírio do Vale, mas o imóvel onde funcionava a unidade de saúde enfrenta problemas estruturais.

23 de julho de 2021

MPF-AM recomenda que 30% da merenda escolar saia da agricultura familiar

O MPF estabelece prazo de 15 dias, contados a partir do recebimento do documento, para prestação das informações sobre as medidas recomendadas.

23 de julho de 2021

UEA ganha prêmio internacional por balsa com recursos anti-Covid

Projeto 'Arapaima Gigas', desenvolvido pelo grupo de estudantes, teria capacidade para levar 300 pessoas de Manaus a Tefé, num percurso de 20 horas.

22 de julho de 2021