fbpx

sábado, 29 de janeiro de 2022

Intercambialidade das vacinas: Manaus aplica Pfizer como dose de reforço

A dose de reforço deve vir, posteriormente, para os imunossuprimidos, transplantados e idosos com idade a partir de 60 anos; Semsa diz que avanço depende das remessas.

14 de setembro de 2021

Compartilhe

Em Manaus, Pfizer será aplicada como 3ª dose (Foto: Divulgação)

Nesta terça-feira (14), dia em que explicou a metodologia a ser adotada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), a titular da pasta, Shádia Fraxe, também falou sobre a intercambialidade dos imunizantes nesta etapa da vacinação contra a Covid-19. Em Manaus, idosos que receberam a CoronaVac ou a AstraZeneca em seus esquemas vacinais, irão receber a Pfizer a partir desta quarta-feira (15).

Shádia disse que já muitos estudos sobre o intercâmbio entre as vacinas contra a Covid e garantiu que o método é seguro, dando como exemplo as grávidas que, na capital, tomaram a AstraZeneca na D1 (primeira dose) e, na D2 (segunda dose), receberam a Pfizer.

“Isso aconteceu logo no início com as grávidas, quando tomaram a primeira dose de AstraZeneca, depois foi proibido e elas tomaram a segunda dose de Pfizer. Então, como terão o prazo de seis meses da segunda dose, não há problema. É uma orientação do Ministério de Saúde que nós estamos cumprindo”, esclareceu a secretária, que também é médica.

Shádia destacou que Manaus tem recebido constantemente remessas de vacinas contra o novo coronavírus e explicou que todo o planejamento está sendo feito para que aproximadamente 68 mil idosos, com idades acima de 70 anos, sejam vacinados com a terceira dose e, em seguida, a operacionalização avance para os imunossuprimidos, transplantados e os idosos a partir de 60 anos.

Para que toda a população seja contemplada com a terceira dose, Shádia explica que vai depender da quantidade de doses que a cidade siga recebendo.

“Cada recebimento de vacina é destinado a um grupo. Isso já vem no corpo da nota a qual aquela remessa se destina. Se a pessoa tomou a primeira dose de Pfizer, então vai tomar a segunda dose de Pfizer porque aqui em Manaus nós acautelamos a segunda dose de todos para que não haja falta. Porém, a terceira dose será feita com a Pfizer”, disse a secretária municipal de saúde.

Texto: Isac Sharlon

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

Vacinação infantil contra a Covid-19 ganha mais um ponto no Studio 5

Com a inclusão de mais um local para vacinar as crianças, os pais têm 5 pontos para levarem os filhos: Studio 5, Parque da Criança, Sesi, ViaNorte e Magdalena Arce Daou.

28 de janeiro de 2022

5 de fevereiro: bateria e feijoada para alavancar números da vacinação

Estratégia da campanha 'Pra sambar tem que vacinar', lançada hoje pelo Governo do Amazonas, vai levar as vacinas para a quadra de 8 escolas de samba do Grupo Especial.

28 de janeiro de 2022

Anvisa autoriza venda de autotestes para Covid-19 no Brasil

Com o envio dos dados pela pasta na última terça-feira (25), a cúpula da Agência concluiu então que não há obstáculos que impossibilitem a comercialização dos autotestes.

28 de janeiro de 2022

Anitta usa ‘Fora Bolsonaro’ para divulgar videoclipe Boys Don’t Cry

Cantora brincou com seus seguidores nas redes sociais ao editar take do vídeo onde aparece recebendo uma mensagem dentro do envelope. O texto editado diz: 'Fora Bolsonaro'.

28 de janeiro de 2022

Número de acidentes de trânsito cai 37% no Amazonas em 2021

Dados do Detran-AM indicam que houve redução nos acidentes com danos materiais e vítimas lesionadas em todo o Estado; na capital, houve redução de mortes no trânsito.

28 de janeiro de 2022

STF quer manifestação de indígenas sobre Plano de Enfretamento à Covid

Apib, Fiocruz e Abrasco devem se manifestar ao Supremo Tribunal Federal (STF) sobre os pontos do Plano Geral de Enfrentamento à Covid-19 para os povos indígenas.

28 de janeiro de 2022

Centro de Testagem do Studio 5 encerra as atividades nesta sexta-feira

Atendimento aos usuários com sintomas gripais seguirá ao longo do dia e, após às 17h, o serviço deixará de ser oferecido no local, ficando restrito ao Vasco Vasques.

28 de janeiro de 2022

Após vacinação, mortalidade de internados com Covid no SUS cai 37%

Segundo os dados do Sistema de Informações Hospitalares do SUS, a taxa de mortalidade de pacientes internados com Covid em novembro foi de 16,3%, a menor da série histórica.

28 de janeiro de 2022