fbpx

domingo, 23 de janeiro de 2022

Fórum discute estratégias para melhorias no nascimento de bebês no Amazonas

Entre os objetivos do fórum está a programação de ações que qualifiquem o planejamento reprodutivo e atenção ao pré-natal de mães na capital e no interior do Amazonas.

15 de dezembro de 2021

Compartilhe

Fórum acontece na unidade 6 do Centro Universitário do Norte (Foto: Geraldo Farias/SES-AM)

A Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM) realizou, nesta terça-feira (14), a abertura do Fórum Estadual Perinatal, para aprimoramento da atenção maternoinfantil, sensibilizando profissionais do Sistema Único de Saúde (SUS) para adoção de estratégias no parto e nascimento.

O evento, que ocorre ao longo do dia, no Teatro da Unidade 6 do Centro Universitário do Norte – Uninorte, conta com a participação de profissionais da linha de cuidado maternoinfantil de todo o estado. 

De acordo com a secretária executiva adjunta de Políticas em Saúde, da SES-AM, Nayara Maksoud, o Fórum Perinatal é uma das ações do Programa Saúde Amazonas. Durante todo o ano várias estratégias vêm sendo discutidas e executadas para o aperfeiçoamento da rede maternoinfantil.

“Nós estamos em mais um momento, chamado Fórum Perinatal, em um encontro entre municípios e Estado do Amazonas. Estão presentes as coordenações de Saúde da Mulher, da Criança, coordenação da Rede Cegonha, junto com a universidade, em um único ambiente, para trabalhar temas relevantes que envolvem o enfrentamento da mortalidade maternoinfantil”, disse.

O objetivo do fórum é programar ações que qualifiquem o planejamento reprodutivo e atenção ao pré-natal; implementar um novo modelo de atenção ao parto e ao nascimento com base em evidências científicas e nos princípios da humanização; implementar uma agenda de saúde da criança promovendo o crescimento e desenvolvimento saudáveis; articular redes de atenção de forma a garantir o acesso, vinculação, acolhimento e melhoria da resolutividade e, consequentemente, reduzir a mortalidade materna, neonatal e infantil.

A secretária executiva de Assistência da Capital, da SES-AM, Adriana Elias, também participou da abertura do fórum, destacando a importância de discutir e refletir toda a rede de atenção maternoinfantil de forma unificada da atenção primária ao parto. 

“Toda essa linha de cuidado por onde a mulher passa e, posteriormente, a criança também, precisa ter uma qualificação e uma articulação para que se comunique essa rede. Se o resultado que queremos é qualificar essa assistência, a gente precisa ter esse diálogo permanente sistematizado do processo de trabalho intersetorial de toda rede de saúde”, ressaltou a secretária.

Na solenidade de abertura do evento ainda participaram a coordenadora da Rede Cegonha no município de Manaus, Lúcia Marques de Freitas, representando a Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (Semsa/Manaus), a diretora da escola de saúde do Centro Universitário do Norte, Hellen Priscila, representando a reitoria. 

Programação

Durante o fórum serão realizadas Mesas Redondas sobre boas práticas na atenção ao parto e nascimento e o combate à violência obstétrica; palestras sobre incentivo ao parto normal; sobre o parto cesariano; regulação maternoinfantil; métodos contraceptivos no planejamento sexual e reprodutivo; logística na distribuição de métodos contraceptivos; e apresentação e debates de ações pactuadas.

Com informações da assessoria

Leia Mais

Leia mais Dia a Dia

Covid mata 4x mais crianças de 0 a 4 anos no Brasil que maiores que 5

Oficialmente, o Brasil registrou 1.544 mortes de crianças de 0 a 11 anos. Faixa etária já pode ter atingido 3.249 óbitos e 92.837 internações desde o início da pandemia.

23 de janeiro de 2022

Exame para checar níveis de vitamina D no organismo agora é obrigatório

A medida, sancionada pelo governador Wilson Lima, orienta que médicos da rede pública de Saúde incluam nos exames de rotina checagem das dosagens da vitamina no corpo.

23 de janeiro de 2022

Belém adia volta presencial às aulas na rede pública de ensino

Decisão foi tomada após a identificação de casos de síndromes gripais entre trabalhadores da educação. Aulas serão retomadas na próxima segunda-feira (24) de forma remota.

23 de janeiro de 2022

Fiocruz Amazônia realiza evento pelo mês da Visibilidade Trans

O evento reforça a necessidade de respeito ao movimento trans e a importância da promoção de cidadania entre mulheres e homens travestis e transexuais.

23 de janeiro de 2022

Roteirista da Turma da Mônica, amazonense Romahs lança obra sobre felinos

Livro “Todos os meus gatos de volta” conta uma aventura tendo como personagens as várias representações mitológicas ou religiosas de felinos em culturas de outros povos.

23 de janeiro de 2022

Novo Centro de Testagem realizou exames em mais de 10 mil pessoas

Do dia 19 de janeiro até este sábado (22), o número de exames do tipo antígeno realizados no espaço foi de 10.533, sendo 5.387 com resultados positivos e 5.146 negativos.

23 de janeiro de 2022

ANAC dá primeira autorização para entrega comercial usando drones

Empresa contemplada foi a companhia Speedbird. Poderão ser carregadas cargas de até 2,5 quilos em um raio de até 3 quilômetros. Autorização contempla áreas rurais e urbanas.

23 de janeiro de 2022

Reforço de marca diferente é mais eficaz para vacinados com CoronaVac

Voluntários em São Paulo e Salvador que receberam doses da CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan, em um intervalo de seis meses antes do início do estudo.

23 de janeiro de 2022