fbpx

quinta, 07 de julho de 2022

Mesmo na pandemia, Maternidade Alvorada registrou 1,3 mil partos

Do total, 50 partos foram de mulheres estrangeiras que vivem em Manaus. A instituição completa 34 anos em 2021 e conta com aparelhos modernos e digitais

2 de julho de 2021

Compartilhe

A unidade completou, no dia 1º de julho, 36 anos de funcionamento (Foto: Marcos Vinícius Araújo/SES)

A Maternidade Alvorada, unidade da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), realizou 1.329 partos somente nos primeiros seis meses deste ano. Sendo 643 partos normais, 406 cesarianos e 50 partos de mulheres estrangeiras, respeitando o princípio de integralidade do Sistema Único de Saúde (SUS).

“Apesar de ser uma unidade pequena, ela é muito acolhedora e completa. Hoje temos um centro cirúrgico equipado com aparelhos modernos e digitais, temos uma estrutura mais confortável pensando na humanização não só da mãe, mas também de quem acompanha a paciente. Não é por sermos uma unidade pequena, que ficamos de fora da modernização”, contou Márcio Rodrigues, gestor da unidade de saúde.

Memórias

Trabalhando na unidade há 34 anos, o técnico de enfermagem Evandro Mourão, relembra o início da Maternidade Alvorada, quando a estrutura era simples. “Quando vinham gestantes para cá, às vezes elas chegavam aqui em frente e muitas dessas vezes voltavam, porque a infraestrutura era no formato de uma casa simples, então muitas não sabiam que ali funcionava a casa de parto”, relatou.

O técnico também ressalta o crescimento do corpo de servidores da maternidade durante as últimas décadas. “Eu vejo muita evolução principalmente no corpo técnico, que desde o início aumentou. No meu início, por exemplo, eram somente dois técnicos, um médico e uma enfermeira. Isso melhorou com a ampliação e construção do centro cirúrgico, quando a secretaria mandou mais servidores. Agora tá muito melhor”, disse.

Parto Natural e Humanizado

Em 2014, esta unidade aderiu ao programa nacional da Rede Cegonha que preconiza o Parto Natural e Humanizado. Atualmente a unidade possui alojamentos mais confortáveis, tanto para as mães quanto para os pais, além de uma Unidade de Cuidados Intermediários Canguru (Ucinca), que segundo a gerente administrativa Gisele Vieira, ajuda na recuperação de recém-nascidos que ainda necessitam ser assistidos por profissionais na unidade.

“Quando o bebê está nos braços da mãe ou do pai, ele se aquece facilmente e não precisa fazer esforço e assim economiza energia sem precisar se aquecer sozinho. Ele tem a possibilidade de ganhar peso mais rápido, e isso ajuda na recuperação para que ele receba alta mais rápido”, explicou a gerente.

Histórico

Inaugurada em 1985, o então Centro de Atenção Materno Infantil “Balbina Mestrinho I” (CAMI I), foi a primeira casa de parto inaugurada pela SES-AM. Contando com 10 leitos e 4 camas de pré-parto, mas até então realizando somente partos normais. A unidade passou por sua primeira reforma e ampliação do centro obstétrico em 1999, recebendo sua primeira sala de cirurgia e assim possibilitando a realização de partos cesarianos.

Em 2001, após passar por outra reforma, a unidade passou a ser finalmente identificada como Maternidade Alvorada – CAMI I, dessa vez contando com 30 leitos, assistência ao recém-nascido (RN), sala de esterilização e preparo de materiais, sala de recuperação pós-anestésica, laboratório de análises clínicas e ultrassonografia. A unidade também presta serviços voltados para o planejamento familiar, acompanhando a saúde da mulher e da criança.

Com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

Top100: RealTime1 é o portal com maior engajamento do Amazonas

Levantamento da iMarketing Agência Digital aponta quais Portais e Sites de Notícias possuem as melhores performances. O RT1 aparece em 1º lugar em engajamento no Facebook.

6 de julho de 2022

MP-AM realiza corrida de rua em comemoração aos seus 130 anos

Corrida que celebra o MPAM terá duas modalidades de 5 quilômetros e 10 quilômetros e as inscrições no valor de R$ 90 estão abertas a todos os praticantes.

6 de julho de 2022

Manaus vai ter mega-ação para intensificar vacinação contra a Covid

Mega-ação será realizada nos próximos três dias. Número de pontos estratégicos de grande fluxo será ampliado para quatro, com retomada da vacinação drive-thru no sambódromo.

6 de julho de 2022

‘Prosamin+ vai corrigir problemas dos programas anteriores’, diz Campêlo

Nova etapa do Prosamin será construída na comunidade da Sharp, na Zona Leste de Manaus, com investimentos de R$ 540 milhões, que serão investidos nos proximos cinco anos.

6 de julho de 2022

Instituto oferece atendimento grátis em Nutrologia, Endocrinologia e Dermatologia

Atendimento gratuito na área de Nutrologia acontece nesta sexta-feira, em Manaus. No dia 22, as consultas, também sem custo, serão com endocrinologistas e dermatologistas.

6 de julho de 2022

MEC divulga nesta quarta resultado de 2ª edição do Sisu 2022

Após a divulgação do resultado, os candidatos têm de 13 e 18 de julho para se matricular no curso em que for aceito. A consulta das vagas foi aberta em 15 de junho.

6 de julho de 2022

Viagens têm queda de 41% entre 2019 e 2021, aponta IBGE

Em 2021, as despesas totais em viagens nacionais com pernoite somaram R$ 9,8 bi, contra R$ 11 bi em 2020. Em 2021, os maiores gastos foram em viagens para SP, RJ e BA.

6 de julho de 2022

Brasil passa a oferecer sinal da tecnologia 5G nesta quarta-feira

Para ter acesso à tecnologia 5G, o cliente deve ter um chip e um aparelho que aceite a conexão. O cliente precisa verificar se a operadora oferece o serviço.

6 de julho de 2022