fbpx

sexta, 27 de maio de 2022

Fiocruz Amazônia realiza evento pelo mês da Visibilidade Trans

O evento reforça a necessidade de respeito ao movimento trans e a importância da promoção de cidadania entre mulheres e homens travestis e transexuais.

23 de janeiro de 2022

Compartilhe

(Foto: Reprodução)

O Instituto Leônidas & Maria Deane (ILMD/ Fiocruz Amazônia) promove no próximo dia 28, às 9h, o “Encontro Amazonense de Visibilidade Trans – Direito e Respeito: Uma questão de saúde”, em alusão ao mês em que é comemorado o Dia Nacional da Visibilidade Trans (29/1). O evento reforça a necessidade de respeito ao movimento trans e a importância da promoção de cidadania entre mulheres e homens travestis e transexuais.

O encontro contará com a participação de representantes da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALEAM), Defensoria Pública do Estado do Amazonas, Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Amazonas (OAB-AM) Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM), Associação de Travestis, Transexuais e Transgêneros do Amazonas (Assotram) e, Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania (Semasc).

Em atendimento às normas sanitárias vigentes, o evento ocorrerá virtualmente e, terá transmissão feita pelo canal da Associação dos Servidores da Fundação Oswaldo Cruz – Sindicato Nacional (Asfoc-SN), no YouTube. A atividade reafirma o compromisso do ILMD/ Fiocruz Amazônia com a diversidade, como um valor fundamental ao conceito ampliado de saúde, em consonância com as ações e diretrizes do Comitê de Pró-Equidade de Gênero e Raça, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

O evento terá mediação de Adele Benzaken, diretora do ILMD/ Fiocruz Amazônia e, contará com as palestras “Vida familiar, social e profissional de uma pessoa trans: da invisibilidade ao protagonismo”, a ser ministrada por Jacqueline Côrtes, ativista em vários movimentos sociais Aids e LGBTQIA+ ; “PrEP: caminhos, desafios e estimativas”, a ser proferida por Biancka Fernandes, pesquisadora no Instituto Nacional de Infectologia (INI-Fiocruz), além de atuar no Comitê Pro-Equidade de Gênero e Raça da Fiocruz, trabalhando com pesquisa clínica, informações e prevenção ao HIV-Aids, realizando jornadas formativas na Fiocruz.

Biancka Fernandes, mulher trans, é bolsista da Fiocruz RJ e uma das palestrantes do evento

“A finalidade do encontro, como já indica o próprio nome, é dar visibilidade a essa parcela da população, ainda hoje vulnerabilizada pela sua condição, e valorizar a data, 29 de janeiro, criada em 2004 como forma de exigir respeito, vez e voz a essas pessoas, ainda hoje vítimas de discriminação e crimes de ódios”, explica Adele Benzaken.

Na oportunidade, a pesquisadora Rita Suely Bacuri, tecnologista em Saúde Pública do ILMD/Fiocruz Amazônia, apresentará os resultados do projeto TransOdara – “Estudo de prevalência da sífilis e outras ISTs entre travestis e mulheres transexuais no Brasil: cuidado e prevenção – Um olhar sobre Manaus”. Durante a programação, serão lançados vídeos que são resultado do projeto, protagonizados por mulheres transexuais, participantes da pesquisa.

SOBRE O PROJETO

Trata-se de um estudo transversal com abordagem quantitativa e qualitativa, realizado entre os anos de 2019 e 2020, nas capitais das cinco macrorregiões do Brasil: São Paulo (SP – região Sudeste), Campo Grande (MS – região Centro-Oeste), Manaus (AM – região Norte), Porto Alegre (RS – região Sul) e Salvador (BA – região Nordeste).

Com o objetivo de construir uma rede de pesquisa, para verificar a prevalência de sífilis e de outras Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs), além de compreender os significados atribuídos a essas doenças em travestis e mulheres trans (TrMT), o projeto é fruto da parceria entre o governo do Amazonas, Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e a Santa Casa de Misericórdia de São Paulo.

Em Manaus, o TransOdara foi realizado no ambulatório de Diversidade Sexual da unidade de saúde Policlínica Codajás, localizada no bairro Cachoeirinha, zona Sul, e ultrapassou a meta inicial de atendimento. Foram oferecidos os serviços de consulta médica, exames ginecológicos, ultrassonografia, mamografia, exames laboratoriais, vacinas e testagem para o vírus HIV e outras ISTs, todos de maneira gratuita.

“O projeto TransOdara, possibilitou o desenvolvimento de uma política pública de saúde, voltada para essa parcela da população, com ações de diagnóstico e tratamento humanizado para mais de 300 mulheres trans em Manaus. Na oportunidade do encontro, faremos um apanhado sobre esse trabalho e lançaremos uma série de vídeos com depoimentos de mulheres trans sobre suas vidas e sobre os direitos à saúde”, ressalta a diretora da Fiocruz Amazónia, Adele Benzaken.

DIA NACIONAL DA VISIBILIDADE TRANS

O dia 29/1, no Brasil, é uma data destinada a promover reflexão e conscientização a respeito da cidadania de pessoas trans. Desde 2004, o Dia da Visibilidade Trans integra o calendário brasileiro. A data rememora o lançamento oficial da campanha “Travesti e Respeito”, que ficou marcado pela entrada de 27 travestis e transexuais no Congresso Nacional.

A campanha “Travesti e Respeito” visava reforçar atitudes de inclusão social a esse segmento da população, buscando conscientizar escolas, serviços de saúde e a comunidade em geral sobre vulnerabilidade implicada a essa população pelo preconceito e pela violência. A iniciativa foi elaborada em conjunto pelo Ministério da Saúde e por importantes lideranças do movimento trans da época, como Fernanda Benvenutty, Jovana Baby, Kátia Tapety e Keila Simpson.

O termo trans corresponde à letra T da sigla LGBTQIA+, abrangendo as pessoas transexuais (homens e mulheres trans), travestis e não-binárias (que não se reconhecem como homens e nem como mulheres, e sim num lugar intermediário entre gêneros).

Fonte: ILMD/Fiocruz Amazônia

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

Agência do AM e Prefeitura de Parintins debatem sobre atracação de barcos

Agência Reguladora do Governo consultou a prefeitura de Parintins e outros órgãos para ordenar o fluxo de passageiros no Festival Folclórico.

26 de maio de 2022

Amazonas apresenta projetos ambientais para embaixador da Irlanda

Governo do Amazonas busca parceria com o projeto "Irlanda Global" para conseguir financiamentos a projetos ambientais em execução.

26 de maio de 2022

Crianças de comunidades ribeirinhas assistirão ópera no Teatro Amazonas

Crianças da comuniade do Livramento vão assistir no Teatro Amazonas o espetáculo “Onheama”, em mais uma iniciativa de inclusão cultural do Estado.

26 de maio de 2022

Fundação Cecon ganha novos equipamentos e amplia oferta de exames

Com a entrega dos equipamentos feita pelo Governo do Amazonas, a estimativa é que, mensalmente, sejam realizados na Fundação Cecon 1,5 mil tomografias e 800 exames raio-X.

26 de maio de 2022

Ações do ‘Governo Presente’ chegam ao bairro Cidade Nova pela 5ª vez

Programação tem início às 8h e encerra às 14h, neste sábado (28), no Ceti João dos Santos Braga. Mais de 20 mil atendimentos já foram realizados em edições anteriores.

26 de maio de 2022

Cheia deixa 40 cidades em situação de emergência no Amazonas

Em 2022, 58 dos 62 municípios do Amazonas enfrentam os danos causados pela enchente. efeitos mais severos ocorreram nas cidades de Careiro da Várzea e Anamã.

26 de maio de 2022

Serviços do TJAM são transferidos para home office após tremor em prédio

Por precaução, a equipe da Secretaria de Infraestrutura do TJAM foi acionada para avaliações pertinentes, juntamente com a Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros.

26 de maio de 2022

Amazonas confirma primeiro caso de sarampo em criança de Manacapuru

Criança de 1 ano de idade, moradora de Manacapuru – que não tem histórico de tomar a tríplice vacina – contraiu o sarampo e está sendo acompanhada pela FVS.

26 de maio de 2022