fbpx

sexta, 28 de janeiro de 2022

Defesa Civil do Estado coordena órgãos para Operação Enchente 2022

Defesa Civil do Estado discute a disponibilidade de servidores para a força-tarefa e define visitas de técnicos a municípios das calhas do Juruá, Purus e Madeira.

11 de janeiro de 2022

Compartilhe

Avaliação de dados hidroclimatológicos apontam risco de cheia acima da normalidade nos rios do Estado (Foto: Reprodução)

O Subcomando de Ações de Proteção e Defesa Civil, reuniu órgãos estaduais para alinhar o planejamento das ações que serão executadas em auxílio aos municípios que deverão ser afetados pela cheia dos rios neste ano. Na reunião, foi discutida a disponibilidade de servidores para a força-tarefa e definida visitas de técnicos a municípios das calhas do Juruá, Purus e Madeira.

Participaram da reunião, coordenada pelo secretário executivo da Defesa Civil do Estado, coronel Francisco Ferreira Máximo Filho, representantes das Secretarias de Assistência Social; Justiça e Cidadania; Saúde; Meio Ambiente; Infraestrutura; Educação; Segurança; Produção Rural e demais órgãos do setor primário; além da Fundação de Vigilância em Saúde Dra. Rosemary da Costa Pinto (FVS-RCP); Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS); Instituto de Pesos e Medidas do Amazonas (Ipem); e Casa Militar.

O plano de ação da Operação Enchente 2022 foi lançado pelo governador Wilson Lima no dia 27 de dezembro do ano passado, após avaliação de dados hidroclimatológicos que apontam risco de cheia acima da normalidade nos rios do Estado.

A reunião de alinhamento faz parte da primeira fase do plano de ação e tem como objetivo definir a estrutura operacional e ações integradas para enfrentamento da cheia, atendendo milhares de famílias do Amazonas com ajuda humanitária, ações sociais e de saúde, garantia da segurança alimentar e apoio para recuperação das atividades produtivas.

De acordo com a Defesa Civil do Estado, o processo de enchente e vazante dos rios da bacia amazônica é natural, cíclico e sazonal no estado do Amazonas. Nesses períodos, o trabalho da Defesa Civil é permanente, no monitoramento de dados, difusão de informações, assessoramento e orientação de prefeituras e da população de um modo geral.

Os boletins hidrometeriológicos do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) e do Serviço Geológico do Brasil (CPRM) indicam que os rios nos municípios de Manaus (baixo rio Negro), Manacapuru (baixo rio Solimões), Itacoatiara (médio rio Amazonas) e Parintins (baixo rio Amazonas) seguem em processo natural de enchente, mas com níveis acima do esperado para o atual período do ano.

Na calha do rio Negro, em Manaus, onde a maior enchente registrada foi em 2021, a estação de coleta de dados (Cód. da Est. Nº 14990000) registrou hoje (10) o nível de 24,37m. Na mesma data em 2021, ano da maior enchente na capital, foi registrado nível de 22,38 m (1,99 m abaixo da cota atual), segundo dados da Agência Nacional de Água (ANA).

Além de Manaus, o monitoramento do nível do rio na calha do rio Negro nas estações dos municípios de Santa Isabel do Rio Negro e Barcelos aponta níveis também atípicos para o atual período do ano, segundo o CPRM.

Com informações da Assessoria

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

5 de fevereiro: bateria e feijoada para alavancar números da vacinação

Estratégia da campanha 'Pra sambar tem que vacinar', lançada hoje pelo Governo do Amazonas, vai levar as vacinas para a quadra de 8 escolas de samba do Grupo Especial.

28 de janeiro de 2022

Anvisa autoriza venda de autotestes para Covid-19 no Brasil

Com o envio dos dados pela pasta na última terça-feira (25), a cúpula da Agência concluiu então que não há obstáculos que impossibilitem a comercialização dos autotestes.

28 de janeiro de 2022

Anitta usa ‘Fora Bolsonaro’ para divulgar videoclipe Boys Don’t Cry

Cantora brincou com seus seguidores nas redes sociais ao editar take do vídeo onde aparece recebendo uma mensagem dentro do envelope. O texto editado diz: 'Fora Bolsonaro'.

28 de janeiro de 2022

Número de acidentes de trânsito cai 37% no Amazonas em 2021

Dados do Detran-AM indicam que houve redução nos acidentes com danos materiais e vítimas lesionadas em todo o Estado; na capital, houve redução de mortes no trânsito.

28 de janeiro de 2022

STF quer manifestação de indígenas sobre Plano de Enfretamento à Covid

Apib, Fiocruz e Abrasco devem se manifestar ao Supremo Tribunal Federal (STF) sobre os pontos do Plano Geral de Enfrentamento à Covid-19 para os povos indígenas.

28 de janeiro de 2022

Centro de Testagem do Studio 5 encerra as atividades nesta sexta-feira

Atendimento aos usuários com sintomas gripais seguirá ao longo do dia e, após às 17h, o serviço deixará de ser oferecido no local, ficando restrito ao Vasco Vasques.

28 de janeiro de 2022

Após vacinação, mortalidade de internados com Covid no SUS cai 37%

Segundo os dados do Sistema de Informações Hospitalares do SUS, a taxa de mortalidade de pacientes internados com Covid em novembro foi de 16,3%, a menor da série histórica.

28 de janeiro de 2022

Exigência do passaporte vacinal divide opinião do público em Manaus

A média móvel de casos de covid por dia de diagnóstico, no período entre 1º e 25 de janeiro, apresentou alta de 582% nos últimos 14 dias; e de 74% nos últimos 7 dias no AM.

28 de janeiro de 2022