fbpx

segunda, 23 de maio de 2022

Aplicação da CoronaVac em crianças será definida pela Anvisa nesta quinta

Dimas Covas, diretor do Instituto Butantan, garante que a vacina CoronaVac é 'segura, tem tecnologia de vírus inativado e é altamente eficiente' para público de 3 a 17 anos.

19 de janeiro de 2022

Compartilhe

Imunizante é produzido no país pelo Instituto Butantan (Foto: Reprodução)

No início desta semana, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) realizou mais uma reunião sobre a vacina CoronaVac. O encontro on-line e fechado reuniu especialistas da Agência e do Instituto Butantan e tem o intuito de avaliar o processo de pedido para indicar a vacina produzida pelo Butantan para crianças e adolescentes na faixa de 3 a 17 anos. 

Atualmente, apenas a Pfizer pode ser aplicado em pessoas de 5 a 17 anos no Brasil.

A Anvisa apresentou parte da análise que está em andamento, realizada a partir de dados protocolados pelo Instituto Butantan.

De acordo com uma nota divulgada pela Anvisa, por se tratar de uma solicitação de autorização de uso emergencial, a decisão é tomada pela Diretoria Colegiada, com base em subsídios apresentados pela Gerência-Geral de Medicamentos e Produtos Biológicos (GGMED) e pela Gerência de Farmacovigilância (GFARM).

A partir disso, cada diretor irá elaborar seu voto e, caso haja maioria simples para a aprovação, o uso emergencial será concedido. A previsão é que tal votação ocorra nesta quinta-feira (20).

“Ela é segura, tem tecnologia de vírus inativado e é altamente eficiente. Ela reduz óbitos e internações. Esses dados foram apresentados e discutidos com especialistas da China, Chile e Brasil”, disse Dimas Covas, diretor do Butantan, em entrevista à CNN Brasil, relembrando ainda que em 2021, o país registrou a morte de três mil crianças e adolescentes em decorrência da Covid.

Da Redação, com informações da Anvisa e CNN

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

Profissionais de saúde recebem capacitação em Canutama, no AM

O objetivo é ajudar Canutama a melhorar a sua avaliação de desempenho, possibilitando aumentar o recurso que o município recebe e melhorar a assistência à população.

22 de maio de 2022

Covid-19: chega ao fim estado de emergência em saúde pública no Brasil

Apesar da decisão assinada pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, o governo federal diz que nenhuma política pública de saúde será interrompida.

22 de maio de 2022

Serviço de bordo em voos nacionais começa a ser retomado neste domingo

Após dois anos de suspensão por causa da pandemia, as empresas Azul, Gol e Latam voltam a oferecer serviços de bordo com snacks e bebidas à vontade, sem custo adicional.

22 de maio de 2022

2ª etapa do concurso do Corpo de Bombeiros tem mais de 400 ausentes

O resultado preliminar desta segunda fase do concurso do Corpo de Bombeiros do Amazonas está previsto para ser divulgado no dia 14 de julho.

22 de maio de 2022

Cheia do rio Negro avança e feira Manaus Moderna ganha pontes de madeira

A medida é para que o trânsito de permissionários e clientes dentro da feira Manaus Moderna, especialmente nas áreas mais baixas, não prejudique o comércio dos feirantes.

22 de maio de 2022

Termina neste sábado o prazo para as inscrições do Enem 2022

De acordo com o Inep, as provas do exame do Enem 2022 serão aplicados em todos os Estados brasileiros, nos dias 13 e 20 de novembro.

21 de maio de 2022

TCE-AM dá início a curso inédito de Contabilidade Pública, nesta segunda

O curso do TCE-AM inicia segunda-feira e será realizado até o dia 26 de maio de forma presencial para servidores públicos, jurisdicionados e sociedade, em geral.

21 de maio de 2022

Governo regulariza 100 pistas de pouso em funcionamento na Amazônia Legal

A Anac já havia aprovado no ano passado uma norma que liberou pousos e decolagens em locais não cadastrados na região para facilitar atendimento humanitário na pandemia.

21 de maio de 2022