quinta-feira, 25 de julho de 2024

faça parte da Comunidade RT1

Arcebispo de Manaus anuncia retorno gradativo das celebrações

No dia 4 e 5/7, estão liberadas as missas e celebrações para os fiéis, contudo a lotação máxima das igrejas, capelas e outros espaços celebrativos é de 30% da capacidade total.
COMPARTILHE
Arquidiocese de Manaus anuncia retorno das celebrações com fiéis já no início de julho.
Arquidiocese de Manaus anuncia retorno das celebrações com fiéis já no início de julho.

O Arcebispo Metropolitano de Manaus, Dom Leonardo Ulrich Steiner, anunciou nesta segunda-feira (21), em coletiva, a reabertura dos templos e retomada das celebrações.

Em suma, o processo de reabertura terá flexibilização gradual para acolhida da participação do povo, a partir de quarta-feira (24/6).

Em documento publicado no site da Arquidiocese, Dom Leonardo destaca as orientações e protocolos de segurança.

As orientações devem ser seguidas por todas as Paróquias e Áreas Missionárias, sem exceção, e se estenderá até que o contexto e autoridades de saúde permitam novos avanços.

Celebrações com fiéis só dia 4 e 5 de julho

Receba notícias do RT1 em primeira mão
quero receber no Whataspp
Quero receber no Facebook
Quero receber no Instagram

A partir de quarta-feira (24/6), até o dia 4 de julho, as igrejas serão abertas para oração e prática devocional pessoal, porém sem concentração de pessoas.

Somente no domingo, dia 28, haverá celebração de Missa, porém com um número limitado de agentes de pastoral.

O dia 28/6 será considerado um treino sobre como executar a celebração eucarística – observar orientações e protocolo, saída da igreja sem aglomerar.

No dia 4 e 5/7, estão liberadas as missas e celebrações para os fiéis, contudo a lotação máxima das igrejas, capelas e outros espaços celebrativos é de 30% da capacidade total.

O tempo total destinado às celebrações – desde acolhida ao templo até despedida – não deve ultrapassar 90 minutos. Os intervalos entre as celebrações para sanitização do ambiente devem ser de 5 horas.

Continuam suspensas as reuniões de pastorais, catequese e outros momentos de grupos de serviços e movimentos.

Protocolos de prevenção

Além de lotação máxima de 30% da capacidade total do espaço celebrativo, por exemplo, para ter acesso às celebrações os fiéis devem estar utilizando máscara (obrigatório), obedecer ao distanciamento social, usar álcool gel e praticar etiquetas respiratórias.

Só poderão participar presencialmente das celebrações as pessoas que estejam fora do grupo de risco. Por enquanto, ainda não terão acesso as crianças até 12 anos e as pessoas idosas.

COMPARTILHE