terça-feira, 23 de julho de 2024

faça parte da Comunidade RT1

AÇÃO EMERGENCIAL

Afeam oferece assistência técnica e crédito para enfrentar estiagem no Estado

O diretor-presidente da entidade afirmou que a agência está comprometida em oferecer suporte eficaz e soluções sustentáveis para ajudar agricultores e empresários a superar a crise prevista.
COMPARTILHE
Sistema de irrigação em Iranduba (Foto: Isaac Maia/Sepror)
Sistema de irrigação em Iranduba (Foto: Isaac Maia/Sepror)

A Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam) adotou medidas significativas para amenizar os efeitos da estiagem na região. A principal iniciativa foi a criação de linhas de crédito emergenciais voltadas para agricultores familiares, produtores rurais e microempreendedores. Além disso, a Afeam disponibilizou assistência técnica para orientar os beneficiários sobre o melhor uso dos recursos e como lidar com as adversidades climáticas.

As ações buscam garantir a continuidade das atividades produtivas e minimizar os prejuízos causados pela seca severa dos rios na região que devem afetar mais de 150 mil famílias. Entre as principais delas está a destinação de um orçamento de R$ 50 milhões para o setor do agronegócio.

Também foi firmada uma parceria com a Secretaria de Produção Rural (Sepror), no valor de R$ 3 milhões, para o programa Proirrigação, que visa melhorias no sistema de irrigação de baixo custo. Nesse programa, 70% da subvenção será subsidiada pelo Governo do Estado, cabendo aos produtores custear os 30% restantes.

Além dessas ações, o pacote de medidas inclui um plano de renegociação de débitos.

Para os empreendedores dos setores de comércio e serviços, a Afeam, em parceria com o Sebrae-AM, antecipará as ações de crédito, priorizando os municípios com maior probabilidade de impacto da seca este ano.

Receba notícias do RT1 em primeira mão
quero receber no Whataspp
Quero receber no Facebook
Quero receber no Instagram

O diretor-presidente da Afeam, Marcos Vinicius Castro, destacou que a estiagem prolongada traz desafios significativos para a economia e compromete o bem-estar das comunidades afetadas. Ele afirmou que a agência está comprometida em oferecer suporte eficaz e soluções sustentáveis para ajudar agricultores e empresários a superar a crise prevista.

Em 2023, quando o Amazonas registrou uma seca histórica, a Afeam beneficiou 424 produtores rurais, micro e pequenos empresários, além de profissionais autônomos de baixa renda, totalizando um investimento de R$ 4.645.172,26.

Leia mais:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

COMPARTILHE