‘2022 será o ano em que a demanda por energia solar vai explodir no Brasil’