fbpx

sábado, 31 de julho de 2021

Regularização fundiária vai beneficiar 60 mil famílias até 2022

A promessa é do prefeito de Manaus, David Almeida, que prevê regularizar as propriedades de familiares que residem em 14 bairros e comunidades da capital amazonense.

14 de junho de 2021

Compartilhe

Na comunidade Rio Piorini serão entregues 2.500 títulos (Foto: Reprodução)

Quatorze bairros e comunidades da capital fazem parte do plano de regularização fundiária da Prefeitura de Manaus, que pretende beneficiar 60 mil pessoas até 2022 com documentos definitivos de propriedade, que serão entregues pelo prefeito David Almeida, já registrados em cartório sem custo ao beneficiário que se enquadrar no perfil social.

Na Cidade de Deus, a prefeitura, via Vice-Presidência de Habitação e Assuntos Fundiários (Vpreshaf), dentro da estrutura do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), trabalha para entregar 22 mil títulos; seguido das comunidades Coliseu, com 20 mil títulos; comunidade João Paulo, com 5 mil documentos; comunidade da Fé, com 3 mil; e comunidade Rio Piorini, com 2.500.

Também serão contemplados moradores do Novo Reino I (1.500); Morro da Liberdade (1.700); Santa Luzia (900); São Lázaro (1.600); Parque das Nações (1.000); Terra Nova II (400); Recreio Canaã (50); Igarapé dos Franceses (60 títulos e recuperação ambiental); e Santos Dumont (80 títulos e recuperação ambiental).

“A regularização fundiária serve para compatibilizar o registro de imóveis com a realidade, com a vida de milhares de pessoas que moram muitas vezes há décadas num bairro ou comunidade e não têm a segurança jurídica. O produto final da Regularização Fundiária Urbana (Reurb) é um direito real registrado no cartório de imóveis, garantindo a segurança na propriedade para o morador do imóvel regularizado”, explica o vice-presidente de Habitação e Regularização Fundiária, Renato Queiroz.

Primeiros títulos

Os primeiros títulos entregues na gestão David Almeida vão beneficiar 800 famílias da comunidade São José dos Campos, no São José Operário, zona Leste, até o início do mês de julho deste ano. Moradores da Colônia Antônio Aleixo, do Rio Piorini e de trechos do Igarapé dos Franceses e do conjunto Santos Dumont estão recebendo ações de regularização fundiária da Vpreshaf.

Mesmo no regime de teletrabalho, as peças técnicas estão sendo produzidas para entrega de documentação de um total de 2.940 famílias que serão beneficiadas até o final de 2021.

O documento garante aos proprietários segurança jurídica de propriedade de imóveis e valorização de terrenos. Para a futura entrega dos títulos definitivos serão emitidas, junto aos cartórios, as Certidões de Regularização Fundiária (CRF). Para a entrega dos documentos serão mantidos as condicionantes de segurança e distanciamento social. O atendimento ao público continua suspenso em razão das medidas de proteção contra a Covid-19.

Contemplados

“São realizados o cadastro socioeconômico da família e a medição dos terrenos, e todo o serviço é gratuito. Este ano, na Colônia Antônio Aleixo, zona Leste, são 2.000 títulos remanescentes; mais 800 do São José Operário; 60 no Igarapé dos Franceses; e 80 no Santos Dumont, no formato CRF”, comenta Renato Queiroz.

Internamente, a Vpreshaf está realizando as memórias técnicas e as ações incluem ainda atualização e cadastro habitacional, quando há encaminhamento das secretarias da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc) e da Defesa Civil.

A vice-presidência funciona na avenida Coronel Teixeira, s/nº, Ponta Negra, zona Oeste, no prédio administrativo do complexo turístico do parque. Agendamentos poderão ser feitos pelo e-mail gabinetesubhaf@pmm.am.gov.br.

Com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

DPE-AM leva atendimento jurídico gratuito a Rio Preto da Eva

Atendimento jurídico gratuito da Defensoria Pública do Amazonas ocorreu durante três dias e alcançou 505 pessoas com atendimento nas áreas de Família e Registros Públicos.

31 de julho de 2021

Campanha Nota Premiada realiza mais um sorteio nesta segunda-feira

Para esta edição do sorteio foram gerados mais de 430 mil bilhetes de aproximadamente 11,6 mil contribuintes que solicitaram seus CPFs nas suas Notas Fiscais de Serviços.

31 de julho de 2021

BR-174 vai ganhar balança de fiscalização no quilômetro 8

Em 2021, a Sefaz-AM reativou o posto fiscal da BR-174 e o posto fiscal de Humaitá para evitar a evasão de divisas.

30 de julho de 2021

Faar visita sete municípios do AM para impulsionamento do esporte

Além de projetar novas estratégias, a Fundação Amazonas de Alto Rendimento anunciou um investimento de R$50 mil destinado a sete municípios do Amazonas.

30 de julho de 2021

Produtores serão beneficiados com pavimentação do ramal do Porto do Açaí em Guajará

O município de Guajará está situado na calha do Juruá, na região sudoeste do Amazonas, na fronteira com o Estado do Acre. Sua população, segundo dados do IBGE.

30 de julho de 2021

Profissionais do setor cultural têm até amanhã para solicitar auxílio

O benefício, assim como o prazo de solicitação, também se estende aos trabalhadores do Turismo e Esporte. Cada profissional receberá três parcelas de R$ 200.

30 de julho de 2021

Pescadores de Autazes recebem mais de 1,7 mil cestas básicas

Cada cesta contém 10 quilos de arroz, 4 quilos de feijão, 2 quilos de farinha de mandioca; 2 quilos de açúcar; e um quilo de flocos de milho, macarrão e leite em pó.

30 de julho de 2021

Pacientes com sequelas da hanseníase ganham sapatos adaptados no AM

A Fundação Alfredo da Matta vai iniciar a entrega dos calçados adaptados e personalizados na próxima semana; ação vai alcançar 300 pessoas.

29 de julho de 2021