fbpx

sábado, 23 de outubro de 2021

Professor indígena une cultura e tradição nas aulas de Geografia

O professor indígena de 60 anos observa que o maior desafio para os professores ou para a educação escolar indígena é a formação de professores.

11 de outubro de 2021

Compartilhe

O professor Orlando Melgueiro da Silva, do povo Baré, tem 60 anos (Foto: Eduardo Cavalcante/Seduc-AM)

“A educação escolar indígena fortalece a comunidade, fortalece as tradições e favorece, também, a luta em defesa dos territórios e a garantia de vida para os nossos parentes”. Assim o professor Orlando Melgueiro da Silva, de 60 anos, do povo Baré, vê a Educação Escolar Indígena. Ele, que há 30 anos se dedica ao ofício de ensinar Geografia, pela Secretaria de Estado de Educação e Desporto, procura unir os conhecimentos acadêmicos aos tradicionais para levar aos estudantes indígenas e não indígenas o sentimento de pertencimento.

Graduado e pós-graduado em Geografia, Orlando Baré – como é conhecido – trabalha há 20 anos, especificamente, com a Educação Escolar Indígena e também é membro do Conselho Estadual de Educação Indígena. Já exerceu a função de professor em comunidades e, atualmente, leciona na Escola Estadual Júlia Bittencourt, na zona oeste de Manaus.

“Considerando que Manaus é uma cidade onde existem muitas ilhas territoriais na capital de diferentes povos, os povos que se reúnem se sentem unidos pela cultura, história, tradição e língua, então, eu, de vez em quando, percorro esses lugares. O maior desafio para os professores ou para a educação escolar indígena é a formação de professores, nós temos muitos professores que se graduaram e estão pós-graduando nas ciências que não têm muito a ver com a Educação Indígena”, observa Baré.

Na escola onde atua, todos os estudantes são não indígenas, então, ele vê que sua vivência de professor com as comunidades indígenas e com os indígenas não aldeados é um fator que dá outro ponto de vista nas abordagens e também de valorização da própria história do Amazonas.

Conquistas na educação

Para ele, os povos indígenas tiveram conquistas na educação, como a manutenção das línguas maternas, assegurada na Lei de Diretrizes e Bases (LDB), entretanto, ainda há muito a ser conquistado e muito o que pôr em prática.

“Se eu estudei a Geografia, necessariamente terei de trabalhar na etnogeografia, por exemplo, mas para trabalhar a etnogeografia são necessárias metodologias específicas e pedagógicas para trabalhar com as comunidades indígenas. Então, o maior desafio no momento é a preparação, a formação de professores na área de educação indígena. A mensagem que eu daria para os nossos parentes é a de que educação escolar indígena fortalece”, finaliza Orlando Baré.

Educação Escolar Indígena

Segundo dados da Fundação Nacional do Índio (Funai) vivem hoje no Brasil pouco mais de 380 mil indígenas, sendo que 31% dessa população se encontra no Amazonas. São, pelo menos, 120 mil índios de 72 povos localizados nos 62 municípios do Estado e, desde 1991, o serviço de educação para esses povos é responsabilidade do Ministério da Educação (MEC) e dos estados brasileiros.

Até 2005, a grande parte das escolas em todo o país não trabalhava com os princípios da educação escolar indígena específica e diferenciada. No Amazonas, a Secretaria de Estado e Educação e Desporto vem implementando esta política com sucesso, com ensino nas comunidades de forma presencial e no Ensino Mediado por Tecnologia, além dos incentivos à formação específica dos professores.

Com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

Campanha realiza entrega de brinquedos para instituição da zona leste

Campanha “Doe um Brinquedo e Ganhe Sorrisos” realizou entrega de 200 brinquedos para crianças assistidas pelo Instituto Transformando Vidas (ITV), na Colônia Antônio Aleixo.

23 de outubro de 2021

Governo do Amazonas recebe 70.200 doses de vacina contra Covid-19

Doses foram transportadas para armazenamento na Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), onde foram contabilizadas e armazenadas.

23 de outubro de 2021

Tarifa social de água e esgoto beneficia 500 mil pessoas em Manaus

Famílias de baixa renda receberão 50% de desconto no pagamento de suas tarifas junto à empresa Águas de Manaus, em relação à água e esgoto.

23 de outubro de 2021

Estacionamento irregular debaixo de viaduto em Manaus é desativado

Obstruções de calçadas e logradouros públicos correspondem a 50% de todas as notificações da Prefeitura de Manaus feitas de janeiro a setembro de 2021.

22 de outubro de 2021

Veículo, equipamentos e brinquedos são doados a instituição Amar

A Associação oferece oficinas de corte e costura e para a realização dessas atividades foram entregues máquinas de costura reta.

22 de outubro de 2021

Estudo de cores é desenvolvido pela prefeitura para dar viva ao Centro

A exemplo do que foi feito na rua Bernardo Ramos, a Prefeitura de Manaus está montando um skyline, uma proposta de intervenção para a Frei José dos Inocentes.

21 de outubro de 2021

No Amazonas, 58 municípios estão com internações por Covid-19 zeradas

A taxa de ocupação de leitos no interior está entre as mais baixas desde o início da pandemia. Apenas Fonte Boa, Coari e Itacoatiara possuem leitos de Covid-19 ocupados.

20 de outubro de 2021

Centro de Atendimento ao Turista (CAT) é reativado no aeroporto de Manaus

O retorno acontece em três turnos, com estagiários supervisionados e treinados para atender da melhor forma todos os turistas, de domingo a domingo.

20 de outubro de 2021