fbpx

sexta, 20 de maio de 2022

Pedido de prorrogação da CPI da Saúde se revelou natimorto

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

30 de setembro de 2020

Compartilhe

A CPI da Saúde encerrou as atividades sem ter o pedido de prorrogação avaliado pelos parlamentares da Assembleia Legislativa. A discussão em torno requerimento que solicitava mais 60 dias para a continuidade dos trabalhos da Comissão foi adiada quatro vezes pela falta da quantidade mínima de 13 deputados presentes em sessão para avaliar o pedido. O prazo para a votação do requerimento encerrou na terça-feira (29), data em que se contabilizou 120 dias de investigação, o que impossibilitou a discussão acerca do requerimento.

___

TÁ EXPLICADO!

A CPI, aliás, foi criada para uma finalidade que não cumpriu. Deveria investigar a administração da Saúde no Estado desde 2011. Preferiu se ater a ataques à atual administração do Executivo estadual, o que fez surgirem suspeitas de que estava sendo direcionada pelo grupo político de Amazonino Mendes (Podemos). Por fim, o deputado Wilker Barreto, um dos mais ativos membros da CPI, foi escolhido candidato a vice na chapa de Amazonino à Prefeitura de Manaus. “Tá explicado”.

___

RELATÓRIO APRESENTADO

O presidente da CPI, Delegado Péricles (PSL) se adiantou e no mesmo dia do encerramento dos trabalhos, apresentou um relatório de 205 páginas, onde consta o que foi levantado da Comissão que ouviu 41 testemunhas, emitiu 103 requerimentos e realizou cinco inspeções. Como resultado, a CPI sugeriu o indiciamento de 50 nomes, incluindo pessoas físicas e jurídicas, a órgãos de controle como TCE, MPAM e CGU.

___

UMA CONSTANTE

A questão do quórum para votação, aliás, tem se tornado uma constante na Aleam. Nesta quarta-feira (30), mais uma vez, a sessão foi encerrada por falta de quórum. Estava previsto que fossem votadas 18 matérias. A votação, contudo, não chegou a ser realizada. A razão foi a mesma que fez que a sessão da terça-feira (29) durasse 12 minutos: número insuficiente de deputados presentes à sessão.

___

CALOTE NO IMPOSTO

Em uma postagem bem-humorada em suas redes sociais, o deputado estadual Serafim Corrêa (PSB) sugeriu ao candidato do partido Democrata à presidência do Estados Unidos, Joe Biden, que levasse ao debate o guia de imposto do candidato à reeleição Republicano, Donald Trump, e mostrasse ao povo o débito. “Comigo deu certo! Rsrs Quem lembra?”, brincou Serafim.

___

DEU CERTO

“Sarafa” estava se referindo ao ano de 2004, quando apresentou, em um debate de candidatos à Prefeitura de Manaus, comprovantes de que Amazonino Mendes (Podemos), também candidato à época, não havia pago o IPTU de uma de suas casas. Naquele ano, Serafim derrotou Amazonino nas urnas e se tornou prefeito de Manaus. Recentemente, o jornal americano “The New York Times” acusou o presidente Donald Trump de não pagar imposto de renda por 10 anos. Daí a sugestão de Serafim.

___

CANDIDATO DOS EMPRESÁRIOS

Após o almoço promovido pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Manaus (CDL-Manaus), onde o candidato a prefeito do partido Novo, Romero Reis, foi sabatinado por associações e entidades do setor privado, vários empresários e lojistas demonstraram apreço pelo candidato, com palavras de apoio e fazendo fotos ao lado de Romero.

___

FAVORITISMO

Durante os questionamentos, tanto o vice-presidente da CDL-Manaus, Ezra Azury, quanto o vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam), Nelson Azevedo, deixaram a imparcialidade de lado e disseram que o candidato do Novo apresentou propostas que se afinam com os interesses deles e do setor privado.

___

VAGABUNDOS

Enquanto falava sobre as políticas habitacionais, Romero Reis se posicionou contrário à ocupação irregular de terras e disse que, se houver invasão de propriedades, em uma possível vitória, as pessoas vão ser retiradas das localidades. O candidato também afirmou que grande parte das pessoas que passaram pela gestão pública são “vagabundos”.

___

KLINGER ARAÚJO

Após a repercussão comovida de vários políticos sobre a morte do cantor Klinger Araújo, os vereadores da Câmara Municipal de Manaus também se manifestaram e lamentaram o falecimento do artista, que foi uma das inúmeras vítimas da Covid-19 no Amazonas. Os parlamentares fizeram um minuto de silêncio, em homenagem ao artista.

___

TRANSPORTE COLETIVO

Aproveitando o assunto, os parlamentares também criticaram a superlotação nos ônibus da cidade e a falta de fiscalização por parte da Prefeitura de Manaus. De acordo com eles, os transportes não têm recebido sanitização. Vale lembrar que nesse mês, o vereador Jaildo Oliveira (PcdoB) já havia criticado o fato das empresas não disponibilizarem máscaras aos rodoviários.

Leia mais Dia a Dia

Injúria racial em espaços públicos tem pena ampliada no Plenário do Senado

Pleno do Senado aumenta pena para crimes de injúria racial quando praticados em eventos esportivos ou culturais e para finalidade humorística.

19 de maio de 2022

Auxílio Estadual Enchente chega a famílias de nove municípios do AM

28,8 mil famílias estão sendo atendidas com o benefício do Auxílio Estadual Enchente no valor de R$ 300, conforme mapeamento da Defesa Civil do Amazonas.

19 de maio de 2022

STF mantém multa para motoristas que recusem teste de bafômetro

A Corte se manifestou à favor das sanções aos motoristas que se recusem a fazer o teste de bafômetro e contra a comercialização das bebidas nas rodovias.

19 de maio de 2022

Wilson anuncia construção de 50 pontes de concreto em 16 bairros de Manaus

O investimento é de R$ 70 milhões e integra o programa +Pontes, executado pelo Governo do Amazonas. Bairros de 5 zonas da cidade serão contemplados.

19 de maio de 2022

TCE-AM suspende pregão para aluguel de ambulâncias em Itacoatiara

O relator do processo no TCE estabeleceu prazo de 15 dias para que a Prefeitura de Itacoatiara apresente documentos ou justificativas sobre a exigência de documentos

19 de maio de 2022

PcDs terão acesso gratuito no jogo Guarani x Vasco na Arena da Amazônia

Além da gratuidade na Arena Amazônia, a norma do Estado do Amazonas também assegura que o acompanhante de PcDs pague 50% do valor do ingresso cobrado.

19 de maio de 2022

Ação conscientiza motoristas sobre dificuldades vividas por ciclistas

Ação 'Convivência Legal' consiste em fazer, por meio de simulações, com que motoristas de ônibus sintam na pele o que sente o ciclista quando é ameaçado nas ruas.

19 de maio de 2022

Conservar a Amazônia é mais barato do que as áreas protegidas da Europa

Valor por hectare da conservação da Amazônia Brasileira é sete vezes menor do que manter as áreas protegidas da União Europeia conforme estudo.

18 de maio de 2022