fbpx

domingo, 17 de outubro de 2021

Imóveis de Manaus são vistoriados para detectar infestação do Aedes aegypti

Entre janeiro e maio deste ano, Manaus notificou 3.813 casos de doenças transmitidas pelo Aedes aegypti, representando um aumento de 215% em relação ao mesmo período de 2020.

16 de junho de 2021

Compartilhe

Ano passado, de janeiro a maio, foram notificados 1.210 casos (Foto: Divulgação)

As ações do 1º Diagnóstico sobre Infestação do Aedes aegypti do ano de 2021, iniciado na segunda-feira (14), já foram concluídas em dez bairros de Manaus. As equipes de agentes de endemias e agentes comunitários de saúde atuaram nos bairros São Raimundo, Glória, Santo Antônio, Vila da Prata e São Jorge, na zona Oeste; Flores e Parque 10, na zona Centro-Sul; Mauazinho e Colônia Antônio Aleixo, zona Leste; e Cidade de Deus, zona Norte.

O trabalho é coordenado pela Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), e tem como meta vistoriar 25.711 imóveis, selecionados por amostragem, nos 63 bairros da cidade.

De acordo com o chefe do Núcleo de Controle da Dengue, Alciles Comape, o diagnóstico é uma estratégia de trabalho para o controle do Aedes aegypti, vetor de transmissão da dengue, zika e chikungunya, na qual são realizadas visitas domiciliares para identificar e coletar as formas imaturas (larvas) do mosquito, além de tratamento ou eliminação dos potenciais criadouros.

“Após a execução do diagnóstico, a Semsa terá um retrato mais exato sobre a infestação do mosquito em cada bairro. E, junto com o número de notificações, será elaborado um mapa de vulnerabilidade, o que vai permitir desencadear e priorizar ações de controle do mosquito nas áreas de maior risco”, destacou Alciles Comape.

A execução do diagnóstico de infestação do Aedes seguirá até o dia 28 de junho, com uma programação diária nas quatro zonas urbanas de Manaus. A ação também já foi iniciada nos bairros Puraquequara e Distrito Industrial, zona Leste; Compensa e Dom Pedro, zona Oeste; e Novo Aleixo, zona Norte.

Programação

Para quarta-feira (16), haverá início da programação nos bairros Cidade Nova, zona Norte; Alvorada e Nova Esperança, zona Oeste; Aleixo, zona Sul; e Coroado, zona Leste. O chefe do setor de Controle de Endemias do Distrito de Saúde Oeste, Rubens Souza, destacou a importância do envolvimento da população para a eliminação dos criadouros do mosquito Aedes aegypti, já que 90% desses criadouros podem ser encontrados dentro dos imóveis.

“O mosquito precisa desses criadouros para se proliferar, o que pode incluir vasos de planta, pneus e os depósitos de água e comida para animais domésticos, que acumulam água e favorecem a reprodução do Aedes. Então, a população precisa ficar atenta e vistoriar o próprio imóvel e eliminar o maior número possível de criadouros, reduzindo o risco de doenças”, afirmou Rubens Souza.

Durante a ação, os profissionais da Semsa também estão realizando um trabalho de Educação em Saúde, orientando os moradores sobre como identificar os sinais e sintomas das doenças transmitidas pelo Aedes e sobre como eliminar os focos de reprodução do mosquito.

Para a professora Rosângela Costa, moradora do bairro Compensa que recebeu uma equipe de agentes de endemias nesta terça-feira, 15/6, o trabalho de vigilância dos moradores deve ser constante para evitar água acumulada em depósitos nos domicílios. “Acho que a população precisa tomar consciência e se mobilizar mais para evitar trazer doença para dentro de casa. Eu sempre procuro manter o quintal limpo e, principalmente após uma chuva, vou derramando toda água para evitar os mosquitos”, afirmou a professora.

Com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

Pais atenderam ao ‘Dia D’ e movimentaram salas de vacinação

A campanha, coordenada pela Semsa, iniciou no dia 1º se estenderá até o dia 29 de outubro com a oferta de 18 imunizantes diferentes.

16 de outubro de 2021

‘Prato do Povo’ atenderá moradores do Viver Melhor

As refeições, servidas em buffet, são comercializadas pelo valor de R$1 e apresentam o devido acompanhamento nutricional.

16 de outubro de 2021

Wilson Lima distribui mais de quatro toneladas de pescado em ação

Durante a sexta edição do programa Peixe no Prato Solidário foram distribuídas mais de quatro toneladas de pescado e uma tonelada de farinha.

16 de outubro de 2021

Shopping Ponta Negra promove palestras sobre saúde da mulher

Programação contará com palestras para alertar a população sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama.

16 de outubro de 2021

Sistema previdenciário municipal mantém certificação em nível máximo

Entre os requisitos avaliados estiveram três pilares: controle interno, governança corporativa e dimensões da educação previdenciária.

16 de outubro de 2021

Trânsito: confira o que muda para jogo entre Manaus FC e Ypiranga

O IMMU interditará a avenida Constantino Nery sentido bairro/centro a partir de 11h. No sentido centro/bairro, os ônibus e veículos poderão circular normalmente.

16 de outubro de 2021

Postos de vacinação contra a Covid-19 não funcionam neste sábado

A suspensão da imunização contra a Covid-19 neste sábado visa evitar aglomerações nas salas de vacina que atuam no Dia “D” da campanha de multivacinação.

15 de outubro de 2021

Sete servidores aprovados no concurso público do TCE tomam posse

A posse dos novos servidores acontece oito dias após a nomeação de 20 candidatos aprovados no concurso público, fase anterior à posse.

15 de outubro de 2021