fbpx

sexta, 23 de julho de 2021

FVS-AM testa em Coari nova geração de mosquiteiros no combate à malária

Estudo pioneiro no Amazonas avaliará como a utilização de dois inseticidas juntos nos mosquiteiros impactam na população do transmissor da doença.

25 de junho de 2021

Compartilhe

Coari foi escolhida para o estudo por ser um dos municípios da região Norte com transmissão ativa de malária (Foto: Divulgação/FVS-AM))

A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), por meio do Departamento de Vigilância Ambiental (DVA), realiza estudo pioneiro para verificar o impacto de nova geração de mosquiteiros impregnados com dois inseticidas, atuando de forma conjunta, no combate à malária em Coari. O estudo ocorre, desde o dia 21/06 e vai até o dia 03/07, em parceria com o Ministério da Saúde, a Fundação Oswaldo Cruz no Rio de Janeiro (Fiocruz/RJ) e o Instituto de Pesquisas Científicas e Tecnológicas do Estado do Amapá (IEPA).

O diretor-presidente da FVS-AM, Cristiano Fernandes, destacou que Coari é um dos municípios da região Norte com transmissão ativa de malária e que, por isso, foi selecionado para o estudo. “Ao longo dos anos, foi-se percebendo que o mosquito Anopheles, transmissor da malária, tem adquirido certa resistência aos inseticidas que são costumeiramente utilizados no controle de malária. Esse estudo visa avaliar como esses dois inseticidas juntos impactam na população do mosquito”, afirmou Cristiano.

Uma equipe da Gerência de Doenças de Transmissão Vetorial – Malária do Departamento de Vigilância Ambiental da FVS-AM (GDTV-Malária/DVA/FVS), está realizando a implantação dos mosquiteiros, aplicando questionários aos moradores e avaliando a percepção da população de Coari sobre a prevenção e tratamento de malária. 

“Além do estudo, estamos fazendo uma análise e traçando um perfil para verificar se os que contraem malária são os que necessariamente não usam mosquiteiro; ou usam o tradicional mosquiteiro impregnado com inseticidas que já são usados”, afirmou Myrna Barata, gerente da GDTV-Malária/DVA/FVS.

Cenário

O Amazonas apresenta redução de 28% nos casos de malária, na comparação entre janeiro e junho de 2021 com o mesmo período de 2020. Apesar da redução, a FVS-AM alerta que o estado está em sazonalidade da doença, que ocorre a partir da vazante dos rios, trazendo estabilização dos criadouros do mosquito Anopheles.

Até a quarta-feira (23), foram registrados 20.245 casos. Enquanto de janeiro a junho de 2020, o quantitativo de confirmações da doença foi de 28.016. Os dados parciais constam no Sistema de Informações de Vigilância Epidemiológica – Malária (Sivep-Malária), do Ministério da Saúde.

Entre os casos registrados em 2021, os dez municípios do Amazonas que mais registraram malária são: São Gabriel da Cachoeira (3.652); Barcelos (3.508); Manaus (1.206); Tapauá (1.185), Santa Isabel do Rio Negro (1.119); Carauari (1.098); Guajará (864); Atalaia do Norte (671); Tefé (661); Maués (601); Lábrea (597); Canutama (591); Humaitá (556); e Manicoré (476).

Com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais Dia a Dia

MPF-AM recomenda que 30% da merenda escolar saia da agricultura familiar

O MPF estabelece prazo de 15 dias, contados a partir do recebimento do documento, para prestação das informações sobre as medidas recomendadas.

23 de julho de 2021

UEA ganha prêmio internacional por balsa com recursos anti-Covid

Projeto 'Arapaima Gigas', desenvolvido pelo grupo de estudantes, teria capacidade para levar 300 pessoas de Manaus a Tefé, num percurso de 20 horas.

22 de julho de 2021

Detran-AM abre credenciamento para novos leiloeiros

Os novos leiloeiros serão credenciados para atuar por 12 meses para realizar leilões em nome do Detran Amazonas.

22 de julho de 2021

Roubos a ônibus em Manaus diminuem e número é o menor em três anos

Registros de roubos a ônibus do transporte coletivo apresentaram queda pelo segundo mês consecutivo. De janeiro até maio, as ocorrências deste tipo de crime reduziram em 8%.

22 de julho de 2021

Detran-AM encerra a entrega de CNH por drive-thru em Manaus

Com o encerramento do drive-thru, o número de vagas para a entrega da CNH na sede saltou de 72 para 360 agendamentos disponíveis por dia.

22 de julho de 2021

Ciclovia será construída no entorno da Reserva Ducke e vai integrar Anel Leste

A ciclovia contará com três metros de largura e 5,6 quilômetros de extensão, com fluxo em duas mãos, e faz parte da construção do complexo Viário Anel Leste.

22 de julho de 2021

Inca prevê diagnóstico de câncer de boca em 120 amazonenses neste ano

Vício em produtos à base de nicotina, assim como o consumo excessivo de álcool, irrita as células orais e as torna vulneráveis ao câncer de boca.

22 de julho de 2021

OAB e Aleam anunciam cursos de capacitação para conselheiros tutelares

O treinamento será ofertado, principalmente, para os conselheiros tutelares no interior. No mesmo encontro os órgãos lançarão uma cartilha para prevenir os crimes.

22 de julho de 2021