fbpx

sábado, 21 de maio de 2022

Zé Ricardo pede a suspensão de homenagem indigenista a Bolsonaro

Desde que assumiu a presidência, Bolsonaro vem causando uma verdadeira destruição na vida e nos direitos dos povos originários deste país, avalia o deputado federal.

16 de março de 2022

Compartilhe

Deputado federal Zé Ricardo (Foto: Divulgação)

O ministro da Justiça e Segurança Pública, por meio da Portaria 47, de 15 de março de 2022, indicou a ele próprio e o presidente Bolsonaro para receberem a Medalha de Mérito Legislativo por relevantes serviços à causa indígena. “Parece até piada”, disparou o deputado federal Zé Ricardo (PT/AM), que irá ingressar com Projeto de Decreto Legislativo (PDL) na Câmara Federal para sustar essa Portaria e a referida homenagem.

“Bolsonaro é inimigo dos povos indígenas. Desde que assumiu a presidência vem causando uma verdadeira destruição na vida e nos direitos dos povos originários deste país. Nosso total repúdio a essa homenagem”, declarou o deputado.

Ele destacou as várias ações, decretos e ameaças aos indígenas ao longo de todo o Governo Bolsonaro. Desde o desmonte da Funai (Fundação Nacional do Índio), dos órgãos de pesquisa e da Sesai (Secretaria de Saúde Indígena), até a extinção da Secadi (Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão) e a transferência da atribuição de delimitar as terras indígenas para o Ministério da Agricultura, resultando na falta de demarcações.

Teve ainda denúncia de violações dos direitos indígenas no Amazonas por ação ou omissão do Governo Federal nesta pandemia, de acordo com o relatório da Frente Amazônica de Mobilização em Defesa dos Direitos Indígenas (Famddi), entregue à CPI da Covid. Até maio de 2021, foram quase 1 mil mortes de indígenas pela Covid-19 na região. “É bom lembrar que Bolsonaro foi denunciado também no Tribunal Penal Internacional de Haia, na Holanda, por genocídio aos povos indígenas. O mundo cobra providências”.

Em fevereiro deste ano, o Governo Bolsonaro também publicou o Decreto Nº 10.966, que institui o Programa de Apoio ao Desenvolvimento da Mineração Artesanal e em Pequena Escala e a Comissão Interministerial para o Desenvolvimento da Mineração Artesanal e em Pequena Escala. Decreto que consolida a política do atual governo para o avanço da mineração predatória sobre áreas que, até o momento, estão protegidas. Zé Ricardo e a bancada do Partido dos Trabalhadores apresentaram um PDL para sustar essa decisão que incentiva o garimpo em regiões protegidas da Amazônia, prejudicando o meio ambiente.

E agora tem o Projeto de Lei 191/2020, para regulamentar a mineração em terras indígenas. Uma afronta ao direito fundamental e constitucional dos povos indígenas, assim como também o Projeto do Marco Temporal de Demarcação das Terras Indígenas, determinando que somente poderiam reivindicar a terra aqueles indígenas que a ocupavam no dia 5 de outubro de 1988. Proposta que foi barrada no STF, após pressão da sociedade e dos movimentos indígenas.

“São políticas anti-indígenas do Governo Bolsonaro, que só prejudicam a vida e o direitos desses povos. Por isso, nossa indignação e repúdio a essa homenagem. Nossa luta será sempre pela valorização da vida, das terras e os direitos dos povos indígenas do Brasil”, concluiu Zé Ricardo.

Com informações da assessoria

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Wilson destina mais de R$ 57 milhões para os municípios Caapiranga e Anamã

Os investimentos do Governo do Amazonas têm o objetivo de melhorar a infraestrutura, o escoamento da produção agrícola e a trafegabilidade nos dois municípios.

20 de maio de 2022

Moraes bloqueia bens de Daniel Silveira para garantir pagamento de multas

Medida do ministro Moraes visa garantir que Daniel Silveira pague as multas acumuladas em mais de R$ 600 mil pelo descumprimento do uso de tornozeleira eletrônica.

20 de maio de 2022

Wilson anuncia R$ 1,3 milhão para equipamentos no Hospital de Caapiranga

O hospital recebeu reforma geral, passando por ampliações e adaptações, sendo necessário para o completo atendimento aos usuários, e reforço na estrutura.

20 de maio de 2022

Aliados de Bolsonaro indicam nova visita do presidente ao AM no dia 28 de maio

O anúncio da vinda do presidente foi feito por seus aliados no Amazonas. No entanto, a agenda presidencial ainda não foi divulgada oficialmente pelo Planalto.

20 de maio de 2022

Lula estabiliza em 44% contra 32% de Bolsonaro em nova pesquisa Ipespe

Pesquisa foi realizada por telefone, entre os dias 16 e 18 de maio, com 1 mil entrevistados com idade a partir de 16 anos, em todas as regiões do país.

20 de maio de 2022

Prefeitos do AM criam novo fórum e esvaziam Associação de Municípios

Desde a eleição de Jair Souto para o comando da AAM, os demais prefeitos reclamam da falta interlocução dele com o Governo do Estado para sanar demandas do interior.

20 de maio de 2022

Escolha de ouvidor-geral nas Defensorias deve ser em lista tríplice

Segundo relator Gilmar Mendes, as atribuições conferidas aos membros da Ouvidoria-Geral das Defensorias Públicas estão entre as previstas na Constituição Federal

20 de maio de 2022

‘Wilson levou asfalto onde jamais imaginavam’, diz pré-candidato do Republicanos

Pastor da Igreja Universal diz que não é bolsonarista e tem opinião própria sobre a corrida presidencial, mas se for eleito buscará parceria mesmo com Lula na presidência.

20 de maio de 2022