fbpx

quinta, 02 de dezembro de 2021

Vereadores planejam voos mais altos nas eleições de 2022

Inspirados em políticos como Jefferson Peres, Praciano, Plínio Valério e Vanessa Grazziotin, vereadores projetam sair da Câmara em busca de uma vaga na Aleam ou em Brasília.

10 de novembro de 2021

Compartilhe

Ao menos 12 vereadores deverão ser candidatos nas eleições do próximo ano. A maioria foca em uma vaga na Assembleia Legislativa (Foto: Reprodução)

Dos 41 vereadores da Câmara Municipal de Manaus ao menos 12 serão candidatos nas eleições gerais do próximo ano, conforme levantamento feito pelo RealTime1, nesta quarta-feira (10). A maioria tentará uma cadeira na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam).

Alguns, contudo, estão com os olhos voltados para Brasília e trabalhando forte nos contatos com as bases. Esse é o caso do vereador Amon Mandel, que deixou o Podemos para ingressar no futuro União Brasil, partido que surgirá da fusão do PSL com o DEM.

“Candidatura a gente vai discutir mais para frente, no momento estou focado na presidência da Juventude do União Brasil”, despista o vereador, um dos mais votados na eleição municipal do ano passado e que tem forte presença nas redes sociais.

Marcelo Serafim é o nome do PSB para voltar a ter um representante na Câmara Federal, posto que ele próprio perdeu na eleição de 2010, quando obteve mais de 70 mil votos. Como o PSB deverá formar uma federação para conseguir alcançar o quociente eleitoral necessário para fazer um deputado, é certo que Marcelo será o nome do partido para puxar estes votos.

Evangélicos

O quarto vereador que tentará uma vaga na Câmara Federal é Marcel Alexandre (Podemos). Ele tem sido visto nas redes sociais visitando municípios e comunidades do interior. Alexandre, ligado ao Ministério Internacional da Restauração (MIR), do pastor Rene Terra Nova, foi candidato a deputado federal em 2018 e obteve 42.325 votos disputando pela coligação liderada pelo então governador-tampão Amazonino Mendes. Uma nova candidatura dele é considerada parte do projeto político da MIR.

A bancada evangélica também deverá lançar outros vereadores nas eleições, mas a correlação de forças entre eles ainda não está definida e não há clareza sobre quem disputará vaga na Aleam e quem vai tentar a Câmara Federal. Estão neste bloco de negociação os vereadores João Carlos (Republicanos), da Igreja Universal do Reino de Deus e o mais votado na eleição municipal de 2020, Joelson Silva (Patriota) e Luiz Augusto Mitoso (PTB), da Assembleia de Deus, e Raiff Mattos (DC), da Nova Igreja Batista (NIB). Todas essas denominações evangélicas têm projetos políticos consolidados no Amazonas.

Parcerias para alavancar votos

Com planos definidos estão os vereadores David Reis (Avante), atual presidente da Casa, e Rodrigo Guedes (PSC). Pai de David, o secretário Municipal de Limpeza Pública, Sabá Reis (PL), revelou ao RealTime1 que não será candidato a deputado estadual na eleição do próximo ano porque essa será a vez de David tentar uma vaga na Assembleia. “Meu filho já definiu que será candidato, então não poderei disputar a mesma faixa do eleitorado”, afirmou.

Já Rodrigo Guedes tem uma parceria afinada com Amon Mandel nas principais pautas da oposição ao prefeito David Almeida (Avante) e aos atos de David Reis na presidência da Câmara. Ele segue a mesma receita de Amon, diz que candidatura é para ser discutida mais tarde, mas segue muito ativo nas redes sociais. Nessa dobradinha, Amon sai para federal e Guedes para estadual.

Pelo PT, o vereador Sassá da Construção Civil deverá ser o segundo maior “puxador” de votos para a legenda que busca manter Sinésio Campos na Aleam e sonha ter um segundo deputado estadual, situação experimentada pelos petistas até 2018, quando estava na casa o hoje deputado federal José Ricardo. “O companheiro Sassá é sempre um bom candidato e sem coligação vamos precisar de todos que tiverem votos”, diz Sinésio.

A situação eleitoral do vereador Sandro Maia (DEM) o empurra para uma candidatura no ano que vem. Em setembro ele teve o mandato cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE/AM) por ter usado o instituto de sua propriedade para captar votos. Assim, a saída dele da Câmara é uma questão de tempo e uma candidatura em no ano que vem pode garantir a presença de Maia no tabuleiro político do Amazonas por mais algum tempo.

Histórico anima candidatos

A história de vereadores de Manaus que tentaram voos mais altos na política sinaliza que as chances de êxito dos atuais parlamentares são grandes.

Jefferson Péres (PDT), nos anos 90 e 2000; e Plínio Valério (PSDB), 2018, saíram direto da Câmara Municipal para uma vaga no Senado Federal. Vanessa Grazziottin (PCdoB), Francisco Praciano (PT) e Carrel Ipiranga Benevides também eram vereadores quando se elegeram deputados federais. Vanessa também chegou ao Senado posteriormente.

Texto: Gerson Severo Dantas

Leia mais:

Leia mais sobre Política

BID aprova empréstimo de 80 milhões de dólares para o Prosamin+

Processo segue para o Senado para a aprovação da Operação de Crédito Internacional pela União, antes da assinatura do contrato

2 de dezembro de 2021

Plínio quer saber de onde partiu ordem de queimar flutuantes no rio Madeira

Plínio Valério acredita que o governo brasileiro, em termos de mineração, vem sendo levado a cumprir leis "paridas" na Europa por "forças estranhas".

2 de dezembro de 2021

Senado aprova André Mendonça para ocupar vaga de ministro no STF

O próximo passo para a entrada de Mendonça no STF é a publicação da decisão no Diário Oficial da União (DOU), em um decreto assinado pelo chefe do Executivo.

1 de dezembro de 2021

Comissão de Justiça do Senado aprova André Mendonça para o STF

Após 4 meses de espera, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou a indicação de André Mendonça ao STF. Placar foi de 18 votos a favor e 9 contra.

1 de dezembro de 2021

Câmara adia votação de projetos para homenagear secretário de David

O secretário de feiras Renato Júnior recebeu a medalha de ouro Guilherme Moreira na área de comércio. Sessão solene inviabilizou votação de pauta com 14 projetos de lei.

1 de dezembro de 2021

PDT flerta com Carol Braz de olho no Governo do Amazonas em 2022

Carol Braz confirmou ao RealTime1 que terá reunião nesta quinta-feira (2) com o presidente do PDT Nacional, Carlos Luppi, sobre o convite para se filiar ao partido.

1 de dezembro de 2021

Clientes devem ser notificados antes de vistoria em medidores de água ou luz

Projeto de lei foi de autoria dos deputados Sinésio Campos, Carlinhos Bessa e Dermilson Chagas, que são membros da Comissão Parlamentar de Inquérito da Amazonas Energia.

1 de dezembro de 2021

Wilson anuncia entrega da AM-070 duplicada para o dia 20 de dezembro

Governador fez o anúncio enquanto fiscalizava a pavimentação dos últimos 300 metros da estrada; próxima etapa é a instalação de 11 quilômetros de sinalização da rodovia.

1 de dezembro de 2021