fbpx

sábado, 23 de outubro de 2021

Vereador quer limitar horário de manutenção de TV, internet, luz e outros serviços

A internet é considerada um serviço essencial. Caso o PL seja aprovado na CMM, quem precisa de internet para trabalhar ou estudar em home office pode acabar prejudicado.

1 de outubro de 2021

Compartilhe

Serviços de reparo deverão ser realizados no período da noite, segundo o projeto de lei (Foto: Divulgação)

Para evitar o congestionamento em ruas e avenidas de Manaus, um vereador da Câmara Municipal de Manaus (CMM) propôs um Projeto de Lei (PL) para proibir a manutenção de serviços de TV, telefone, internet, água e luz em dias úteis no horário das 6h às 20h.

A principal justificativa do autor do PL, vereador Allan Campelo (PSC), seria a possibilidade de engarrafamento de veículos nas vias em meio aos serviços de manutenção de alguns serviços essências.

Com a proposta, as empresas poderão executar suas manutenções programadas em um horário que, além de evitar congestionamentos, segundo o parlamentar, aprimora a segurança dos operadores técnicos das redes.

Entre os serviços considerados essenciais, com base na medida provisória (nº 926/20), editada pelo presidente Bolsonaro durante a pandemia de Covid-19, estão: telecomunicações e internet; call center; e geração, transmissão e distribuição de energia elétrica.

Diante das considerações do Governo Federal, a proposta protocolada na CMM causa estranheza – uma vez que os serviços essenciais serão afetados com a aprovação do PL. Um exemplo disso seria a internet, que durante o período de pandemia, tem sido ainda mais utilizada pelo público em geral, principalmente para quem executa o home office – seja em prol do trabalho ou educação.

O vereador autor da proposta explica que o PL terá valor em serviços de manutenção programados. Quanto aos serviços de urgência e emergência, fica autorizada a realização da manutenção. Entende-se como serviços de urgência e emergência, por exemplo, delegacias de polícia e unidades de saúde.

Abaixo você confere, em formato PDF e disponível para download, o Projeto de Lei.

Texto: Isac Sharlon

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Gilberto Kassab anuncia Rodrigo Pacheco como candidato a presidente

O presidente Nacional do PSD revelou, neste sábado, que o candidato do partido à presidência, no próximo ano, será o senador Rodrigo Pacheco, presidente do Senado.

23 de outubro de 2021

Wilson Lima e David Almeida assinam convênios de mais de meio bilhão

O governador Wilson Lima e o prefeito David Almeida assinarão, amanhã, uma série de convênios que representarão um presente para a cidade que fará 352 anos neste domingo.

23 de outubro de 2021

STF realiza audiência para discutir a criação do juiz de garantias

Juiz de garantias vai atuar fiscalizando a legalidade dos atos praticados pelo juiz da instrução criminal, o que gerou uma dúvida sobre a constitucionalidade desta novidade.

23 de outubro de 2021

Congresso abre prazo para apresentação de emendas a LOA da União

Lei Orçamentária Anual (LOA) do Governo Federal reservou R$ 16,2 bilhões para os parlamentares apresentarem emendas com execução obrigatória no próximo ano.

23 de outubro de 2021

Improbidade administrativa um problema recorrente das prefeituras

Para analista político, irregularidades na prestação de contas pode ser fruto da falta de pessoal, dificuldades dos servidores e até mesmo má fé com a causa pública.

23 de outubro de 2021

“Baixo orçamento é oriundo de Arthur Neto”, culpa Antônio Stroski

Titular da secretaria de meio ambiente disse que política de "encolhimento" de antecessor foi responsável pelo atual orçamento de R$ 17,1 milhões em 2022.

23 de outubro de 2021

Após viagens na pandemia e diagnóstico de Covid-19, Assis volta à CMM

Vereador chamava a atenção de pessoas por aglomerações e o não uso de máscara, mas na Pandemia emendou duas viagens seguidas em agosto e voltou pra Manaus com Covid-19.

22 de outubro de 2021

Ex-ministro Esteves Colnago assumirá Secretaria de Tesouro e Orçamento

A nomeação foi confirmada há pouco pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, em declaração conjunta ao lado do presidente Jair Bolsonaro.

22 de outubro de 2021