fbpx

sábado, 06 de maro de 2021

Sobra do auxílio emergencial pode custear benefício no AM, diz Alessandra

A parlamentar sugeriu a utilização da quantia de R$ 1,3 bilhão, que retornou aos cofres públicos da União, para bancar o pagamento imediato do auxílio no estado.

4 de fevereiro de 2021

Compartilhe

Alessandra propôs a elaboração de um requerimento coletivo ao governo federal solicitando prioridade ao estado no uso do saldo do auxílio. Foto: Divulgação.

O uso da sobra do auxílio emergencial para custear o pagamento do benefício aos amazonenses foi defendido pela deputada estadual Alessandra Campelo (MDB), nesta quinta-feira (4).

Em discurso, a parlamentar citou o montante de R$ 1,3 bilhão, valor divulgado pelo Ministério da Cidadania, que foram devolvidos aos cofres da União em razão de 1,4 milhão de pessoas não movimentarem o auxílio dentro de 90 dias, a contar da disponibilidade da parcela do benefício.

“Temos esses recursos que retornaram aos cofres do Tesouro Nacional e pode pagar o auxílio emergencial no Amazonas que vai custar em média R$ 240 milhões mensais. Valor que irá para o bolso da população amazonense e que irá movimentar o comércio”, afirmou.

A declaração da deputada ocorre um dia após a Justiça Federal determinar que o governo federal retome o pagamento do auxílio aos amazonenses, com duas parcelas de R$ 300.

Sugestão

Alessandra propôs a elaboração de um requerimento coletivo ao governo federal solicitando prioridade no uso do saldo do auxílio para pagamento imediato do benefício aos amazonenses.

No pedido da Defensoria Pública da União (DPU) para retomada do pagamento do benefício no Amazonas, o órgão informa que mais da metade da população do estado, 56,8% dos domicílios, recebia o auxílio emergencial em 2020.

Da redação

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

PEC Emergencial deve ser votada na Câmara dos Deputados na segunda

Pauta da semana também inclui projetos prioritários da bancada feminina e o novo marco legal do gás. A PEC emergencial é tema contemplado.

6 de março de 2021

Sustentabilidade tem apoio de Wilson Lima em fórum sobre Amazônia

No Fórum de Governadores da Amazônia Legal, que teve a presença do embaixador dos EUA, Wilson Lima defendeu crescimento sustentável na região.

6 de março de 2021

Bolsonaro usa Lei Rouanet para coibir restrição de circulação nas cidades

Governo Federal quer incentivar apenas os projetos culturais realizados em cidades onde não estejam ocorrendo restrições à circulação de pessoas.

5 de março de 2021

CPI da Amazonas Energia segue sem data para ir ao plenário da Câmara

O documento foi protocolado pelo vereador Rodrigo Guedes (PSC) no dia 18 de fevereiro e até agora não chegou a ser deliberado pelo presidente da Casa, David Reis.

5 de março de 2021

Câmara vai avaliar PL sobre auxílio de internet para professores

O anúncio foi feito pelo subsecretário de Infraestrutura e Logística da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Marcelo Campbell, durante audiência pública virtual.

5 de março de 2021

Ampliação de programa assistencial é investigado pelo MPE em Coari

Prefeitura do município ampliou de três para dez mil os beneficiários do programa assistencial cujo valor também subiu de R$ 250,00 para R$ 300,00

5 de março de 2021

Governo anuncia audiência pública para discutir obras da AM-010

Essa e outras notícias na coluna TEMPO REAL do portal RealTime1: Informação com credibilidade sobre política e os últimos acontecimentos do Amazonas.

5 de março de 2021

Desburocratizar e resgatar o protagonismo da Ufam são prioridades

Marco Antônio de Freitas é o Terceiro candidato a reitor da Universidade Federal do Amazonas a ser entrevistado pela TVRT1 e expor suas ideias para a gestão da instituição.

5 de março de 2021