fbpx

segunda, 18 de janeiro de 2021

Sessão da Aleam dura 25 minutos e 11 matérias deixam de ser discutidas

A sessão contou apenas com os pronunciamentos do deputado estadual Sinésio Campos (PT) e da deputada estadual Alessandra Campêlo (MDB) e a votação dos 11 PLs foi adiada.

4 de novembro de 2020

Compartilhe

Sessão durou aproximadamente 25 minutos (Foto: Reprodução)

Por conta da falta da quantidade mínima de 13 deputados para realizar as votações de projetos de lei, a sessão plenária da Assembleia Legislativa do Estado (Aleam), desta quarta-feira (4), durou aproximadamente 25 minutos, e terminou sem a discussão das matérias.

A sessão contou apenas com os pronunciamentos do deputado estadual Sinésio Campos (PT) e da deputada estadual Alessandra Campêlo (MDB) e a votação em torno de um veto governamental e dos 10 projetos pendentes foi adiada para a próxima quarta-feira (11).

Dentre as matérias que deixaram de ser votadas, consta o projeto de lei 77/2020, de autoria da deputada estadual Mayara Pinheiro (PP) que estabelece a preferência de idosos, gestantes e pessoas com deficiência no embarque e desembarque dos elevadores dos prédios públicos, e comerciais, e de qualquer outro espaço público no Amazonas.

Na próxima semana, os deputados devem discutir sobre o veto do PL 281/19, de autoria do deputado estadual Carlinhos Bessa (PV), que estabelece a realização exame da Síndrome Alcoólica Fetal (SAF), no período pré ou pós-natal nas maternidades públicas e privadas do Estado do Amazonas.

Reportagem: Izaías Godinho

Leia Mais:

Veja mais notícias

Caos em Manaus reduz apoio a Bolsonaro a 7% dos perfis do Twitter

O mapeamento dessas interações, feito pela Diretoria de Análise de Políticas Públicas da Fundação Getulio Vargas (FGV DAPP). Artistas e influenciadores criticaram Bolsonaro.

18 de janeiro de 2021

Mais de 3 mil pessoas com Covid-19 não devem ser vacinadas

Pacientes com Covid-19, ou sob suspeita, ainda não devem receber o imunizante. Plano de Vacinação no Amazonas vai seguir fases definidas pelo Governo Federal.

18 de janeiro de 2021

Rotta quer instalar gabinete de crise contra a covid-19 em Manaus

O vice-prefeito de Manaus, Marcos Rotta sugeriu a instalação de um gabinete de crise na cidade, durante reunião neste segunda-feira, com o presidente, Jair Bolsonaro.

18 de janeiro de 2021

Dados do TSE podem servir de referência para distribuição de vacinas

Simulação feita pelo RT1 cruzando o percentual de eleitores com a quantidade de doses disponíveis da vacina, estima quantidade de pessoas a serem vacinadas em cada município.

18 de janeiro de 2021

Amazonas tem o desafio de vacinar 240 mil indígenas aldeados

Apenas os indígenas aldeados estão no grupo prioritário da primeira fase do plano de vacinação da Covid-19. Estima-se que mais de 35 mil índios vivem nas cidades.

18 de janeiro de 2021

Vacinas serão guardadas a sete chaves pela PM em contêineres

Assim que as doses desembarcarem na cidade elas serão escoltadas até o destino pela Polícia Federal. Depois a Polícia Militar do Estado do Amazonas vai garantir a segurança.

18 de janeiro de 2021

Goiás é o destino de mais 15 pacientes transferidos do Amazonas

Até o momento já foram transferidos 94 pacientes para outros estados. O estado de saúde dos pacientes é estável e, portanto, permite a locomoção área dos internados.

18 de janeiro de 2021

Alunos dos cursos de saúde da UEA colam grau antecipadamente

A medida visa a soma de esforços no enfrentamento da pandemia neste período de alto contágio no Amazonas. Os novos profissionais começam atuar ainda neste mês de janeiro.

18 de janeiro de 2021