fbpx

quarta, 01 de dezembro de 2021

Quer cavar manchetes para me atacar visando 2022, diz Wilson sobre Braga

Wilson Lima (PSC) classificou o pedido do senador Eduardo Braga (MDB) para indiciá-lo na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid como um ataque eleitoral.

25 de outubro de 2021

Compartilhe

Eduardo Braga pediu a inclusão do nome de Wilson Lima no relatório da CPI (Foto: Reprodução)

O governador Wilson Lima (PSC), classificou o pedido do senador Eduardo Braga (MDB) para indiciá-lo na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid como um ataque eleitoral do parlamentar.

“O que ele quer é cavar manchetes nacionais com o objetivo de me atacar, uma vez que se ensaia para ser candidato em 2022”, disse o governador ao Broadcast Político. Braga se movimenta para enfrentar Wilson Lima na disputa pelo Governo do Amazonas no próximo ano.

Braga elaborou um adendo ao parecer e pediu o indiciamento do governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), e do ex-secretário de saúde do Estado, Marcellus Campêlo, pela crise da falta de oxigênio em Manaus.

“Tudo isso já está sendo apurado pelos órgãos de controle e prestamos todos os esclarecimentos necessários”, disse o governador à reportagem.

A CPI do Senado avalia aumentar a lista de indiciados antes da votação do relatório final do senador Renan Calheiros (MDB-AL), marcada para esta terça-feira, 26.

Na última terça-feira (19) após o vazamento do relatório da CPI à Folha de São Paulo, os nomes do governador Wilson Lima (PSC) e do ex-secretário estadual de saúde, Marcellus Campêlo, não constavam no documento, elaborado pelo senador Renan Calheiros (MDB-AL). O relatório pedia o indiciamento de 70 pessoas, entre políticos, ministros, empresários, e médicos que defendem tratamentos ineficazes para o combate da Covid-19.

Wilson Lima e Marcellus Campêlo não haviam sido incluídos no relatório.

Da Redação, com informações do UOL

Leia Mais:

Leia mais sobre Política

Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprova PEC dos Precatórios

A PEC do senador Fernando Bezerra, que já passou pela Câmara dos Deputados, libera espaço fiscal em 2022 para o pagamento do programa social Auxílio Brasil.

1 de dezembro de 2021

Prazo para apresentação de emendas impositivas à LOA encerra hoje

O Governo estima o orçamento para o próximo ano fiscal em pouco mais de R$ 24 bilhões. Os deputados podem dispor de 1,2% da receita corrente líquida para emendas individuais.

1 de dezembro de 2021

Comissão de Educação ignora pedidos do Sinteam e frustra educadores

Sindicato que representa a categoria dos profissionais da Educação diz que a comissão não deu retorno de ofícios protocolados ao longo do ano; reajuste é uma das pautas.

1 de dezembro de 2021

STF mantém foro de Flávio Bolsonaro no caso das rachadinhas

A investigação que atinge o senador foi desidratada por decisões do STJ, que anulou a maior parte das provas colhidas em primeiro grau por considerar o juízo incompetente.

1 de dezembro de 2021

Deputados debatem prática de empinar moto como atividade desportiva

Deputada diz que o 'grau de moto' têm sido muitas vezes reprimido por agentes da polícia e por isso quer transformar a 'acrobacia' em esporte.

1 de dezembro de 2021

Destacando presença de deputados, Bolsonaro oficializa entrada no PL

Durante o evento, o presidente Jair Bolsonaro destacou que a cerimônia foi uma simples filiação ao partido e que não estava “lançando ninguém a cargo nenhum”.

30 de novembro de 2021

Plínio e Marcelo defendem emendas do relator e transparência na aplicação

Senador Plínio Valério e o vice-presidente da Câmara, Marcelo Ramos, defenderam o instrumento que possibilita liberação de recursos para o Estado e os municípios.

30 de novembro de 2021

Ministério Público do Amazonas vai investigar garimpagem no rio Madeira

MP-AM instalou inquérito civil público na última sexta-feira (26) para investigar "possíveis irregularidades" das balsas de garimpo que se amontoaram no Rio Madeira.

30 de novembro de 2021